Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Amigo Animal

ACESSIBILIDADE: A A A A
Marcos Moreno 03/10/2014
Marcos Moreno
kikitomoreno@terra.com.br
Amigo Animal por Marcos Moreno

"Matar animais por esporte, prazer, aventura e por suas peles, é um fenômeno que é ao mesmo tempo cruel e repugnante . Não há justificativa na satisfação de uma brutalidade dessas." - Sua Santidade Dalai Lama (1935)

A Protetora Kiara

Muita gente deve ter visto essa notícia na mídia, mas ainda assim vale a pena comentar. “Obrigada por me salvar Kiara” foram as palavras de uma garotinha de 10 anos de idade ao reencontrar sua cadela srd ao voltar para casa depois de uma internação hospitalar para tratar de um leve traumatismo craniano. A lesão foi provocada por uma pancada com um pilão por parte de um homem que agrediu a garota com a intenção de estuprá-la. A tentativa de estupro contra a criança aconteceu no dia 3º de agosto, mas só algum tempo depois que a garota saiu do coma foi que a família ficou sabendo. Durante a tarde, a vítima estava na calçada em frente a casa quando foi abordada por um homem que pediu um copo d’água.  A menina entrou na casa para pegar a água e o agressor foi atrás dela. Ele tentou violentá-la. A criança correu para o quarto dos pais e começou a gritar pela cachorra. “Ela é brava com quem entra em casa.
.. Então eu tive a ideia de atiçar ela e falei assim: pega Kiara, pega ele. Aí ela foi para cima dele e mordeu a perna depois. Eu tentei fugir, mas aí ele bateu na minha cabeça. Num lembro de mais nada. Só lembro que acordei lá no hospitalem Sorocaba. O agressor fugiu antes que alguém percebesse o crime. Essa é mais uma entre infinitas histórias de animais que defendem seus donos. Só para completar, a garota está muito bem e feliz ao lado de sua protetora e amiga Kiara.


  
Pegy, de Beatriz Rodrigues da Cunha, Willie, de Ana Karla Gonçalves e Barnei, do Serginho, são três fofuras que frequentam o mesmo
“salão” de beleza, o salão da Renata, na Casa do Agricultor. A Renata tem o maior carinho com todos eles, que saem de lá toda semana, limpinhos, cheirosos, lépidos e faceiros.


Dicas de Raças
O coelho anão

A Netherland é provavelmente a raça de coelho mais popular na escolha de um animal de estimação “rabbit”. Existem algumas razões pelas quais as pessoas preferem esses pequeninos entre outros coelhos. Mas como quaisquer outros, eles precisam de cuidados para desfrutar uma vida saudável e feliz. Podem ter uma gaiola menor, mas precisam de espaços para correr e exercitar-se todos os dias. Devido a cruzamentos, eles podem ter mais de trinta cores diferentes. São tão lindos e pequenos que são sempre muito solicitados como “garotos propaganda”

Porque eles são menores, eles precisam de menos limpeza e menos alimentos do os coelhos comuns. A dieta maior deve consistir, essencialmente, feno, uma pequena porção diária de vegetais novos e frutas verdes, que deve ser dado com moderação pelo o seu elevado teor de açúcar.

O anão coelho tem personalidade, é brincalhão e gentil, mas pode exibir um comportamento territorial e agressivo se não for castrado ou esterilizado.

 

Saúde Animal

A orelha do coelho


Há uma série de doenças e enfermidades às quais os coelhos de estimação são muito sensíveis. Embora nem todas sejam potencialmente fatais, ainda assim é importante que o seu coelho receba o tratamento médico adequado. É preciso um veterinário  que seja especializado, porque não é comum tratar de coelhos de estimação.

Existem algumas doenças que são muito comuns aos coelhos e são facilmente identificadas.

Ácaros de ouvido  é uma delas.  Esta doença é exatamente o que parece. Os gatos geralmente têm ácaros de ouvido, e o mesmo se passa com os coelhos. Existem várias coisas que podem fazê-los surgir, mas a sua identificação é a coisa mais importante. Olhando para a orelha dos  coelhos, você irá notar  algo marrom e amarelo acumulados. Se o seu coelho tem isso, ele sem dúvida está com ácaros de ouvido. Outro sinal dessa doença é se o coelho abana a cabeça excessivamente. O tratamento é fácil. Frequentemente, os mesmos medicamentos usados em outros animais vão funcionar bem. Seu veterinário local será capaz de ajudá-lo com isto. Afinal, eles também precisam ir ao médico.

Pet Aventura

 “Surpresa no Estacionamento”.


Fabiano Mamão já adotou vários cães. Todos com uma história  de transformação e superação. Uma delas é a história do Todynho.  “Estava eu almoçando em um restaurante no cruzamento das av. Leopoldino de Oliveira com av. Santos Dumont, quando de repente vi um cachorrinho pretinho no meio da pista, quase sendo  atropelando. Ele não tinha noção de como atravessar a avenida. Era tanto susto, até que de repente ele sumiu.

Quando terminei o almoço e fui para meu carro no estacionamento, e diga-se de passagem, eu estava no meu horário de almoço do serviço Eu sempre ia trabalhar de moto mas nesse dia fui de carro, e quando cheguei no estacionamento, quem estava deitado ao lado do meu carro?

O cachorrinho pretinho. Advinha o que aconteceu?

Levei o bichinho pro meu serviço e lá tratei dele por uma semana, até que levei  para dar um banho em casa e por lá ele ficou. Fazem 5 anos. Eu até tinha arrumado um adotante pro Toddynho, mas quando a pessoa viu que ele só tinha um olhinho, a pessoa desistiu da adoção; e hoje eu agradeço a Deus por essa pessoa ter desistido. O Toddynho é um amor! E assim ele integrou a “equipe” aqui de casa. Todynho viveu a aventura das ruas, que o maltratou. Hoje eu vivo a aventura de conviver com ele.”

Fabiano Mamão.