Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Bastidores

ACESSIBILIDADE: A A A A
Bastidores 06/05/2014
Bastidores
Bastidores
Bastidores

COMBATE AO CÂNCER - A foto do jornalista/assessor do Hospital Hélio Angotti, Paulo Ferreira, revela o momento em que o cão era leiloado no evento solidário

Raça contra 
o câncer

Entre os animais doados para o Leilão União de Forças – liderado pela Associação Brasileira dos Criadores de Zebu/ABCZ, de apoio aos Hospitais de Câncer de Uberaba e de Barretos (SP), destaque para um cão Rottweiler. Foi vendido por R$ 30 mil. Evento foi realizado no Tatersal da ABCZ, dentro do parque Fernando Costa, com 100% da renda destinada à luta contra o câncer. 

A renda
Leilão União de Forças obteve um faturamento de R$ 1 milhão 395 mil 820, com a venda de 70 lotes, que não se restringiram apenas a animais e genética zebuínas, mas também a objetos e outros tipos de doações.

Guerreira 
contra o câncer

Abertura da 80ª edição da ExpoZebu, dia 3 de maio, sábado, foi marcada por momentos históricos – oficialmente e nos bastidores. Um destes grandes momentos foi protagonizado pela uberabense Hosana Lopes Ribeiro, cujo filho – Roberth Ribeiro Oliveira, 13 anos, é portador de leucemia. 

Em mãos
A mãe, que tem feito uma intensa campanha pela doação de medula óssea – seja em prol do próprio filho, seja em favor dos pacientes de um modo geral, conseguiu falar pessoalmente com a principal mandatária do país - a presidente Dilma Rousseff (PT), e entregar, em mãos, documento reivindicatório. 

Cordão umbilical
Conhecida pela sua luta incansável – nas redes sociais, na imprensa formal e através de contatos com empresas e lideranças públicas e privadas, a mãe de Roberth Ribeiro pediu empenho e apoio da presidente da República para programas e projetos relacionados a campanhas de medula óssea, incluindo a obrigatoriedade de coleta, armazenamento e preservação de células do cordão umbilical em toda a rede de saúde brasileira.

Emoção
 “Ela se emocionou, encheu os olhos d’água, perguntou quantos anos tem meu filho, em que hospital ele está se tratando... Disse-me que teve linfoma e que sabe o que estamos passando... Pegou a carta, colocou junto ao peito, e me falou, com muito carinho, que vai ler e que vai fazer de tudo pra viabilizar um programa nacional de cordão umbilical... Pôs a mão no meu ombro e falou pra eu ter fé em Deus e ficar tranquila... Garantiu que a parte dela, ela fará... Vamos confiar, pois ela também é mãe e já teve câncer...”
_Hosana Ribeiro, revelando à colunista de Bastidores qual foi a reação da presidente Dilma Rousseff às suas reivindicações.

Entre vaias...
E vale lembrar que, poucas horas após seu nome ter sido confirmado como pré-candidata à reeleição (durante o 14º encontro nacional do PT, em São Paulo, na noite de sexta-feira), a presidente Dilma Rousseff enfrentou vaias em Uberaba (na manhã de sábado). Primeira manifestação aconteceu quando ela foi chamada para receber a medalha alusiva aos 80 anos da ExpoZebu – homenagem concedida a cerca de 2.000 pessoas e ou entidades.

Uma vaia 
puxa a outra

Uma segunda vaia ocorreu ao ser chamada para o discurso, e a terceira, quando Dilma encerrou o pronunciamento no palanque da ABCZ. Apesar de tensa, a presidente não comentou as vaias, nem alterou sua programação em Uberaba.

...e aplausos
Mas, sobraram aplausos para Dilma Rousseff no DI/3, onde ela lançou a pedra fundamental das obras da Unidade de Fertilizantes Nitrogenados V (UFN/V) - conhecida como fábrica/planta de amônia. São quase R$ 2 bilhões de investimentos e cerca de 4 mil empregos ao longo da edificação. O maior empreendimento conquistado pela região nos últimos tempos.

Quem diria!
E o pessoal do PT e das entidades ligadas aos trabalhadores – que sempre vaiou gregos e troianos, tratou de sair a campo, digo, na rede social, para dizer que quem vaiou a presidente Dilma Rousseff na abertura da ExpoZebu foi a turma ruralista. 

Mundo animal
Além de cuidar de um abrigo com quase 400 cães, fazer resgates, verificar denúncias e ser alvo de conversa fiada de quem não tem o que fazer, a Sociedade Uberabense de Proteção aos Animais – Supra, está envolvida com agendamento e castrações de animais. Começou pelo bairro Residencial 2000. À frente da movimentação, está a líder da Supra, vereadora, 2ª secretária da Câmara de Uberaba, Denise Max (PR).
 
151 dias antes 
das eleições

E amanhã – 7 de maio, é o último dia para o eleitor requerer inscrição eleitoral ou transferência de domicílio, ainda em tempo de votar nas eleições de outubro de 2014. Também é o último dia para o eleitor que mudou de residência dentro do município pedir alteração no seu título eleitoral. E mais: termina o prazo para o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida solicitar sua transferência para seção eleitoral especial.