Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Bastidores

ACESSIBILIDADE: A A A A
Bastidores 11/04/2013
Bastidores
Bastidores
Há controvérsias

Recém-nomeado presidente do Centro Operacional de Desenvolvimento e Saneamento de Uberaba - Codau, o engenheiro e ex-prefeito Luiz Guaritá Neto discorda dos comentários populares de que as obras do projeto Água Viva são inúteis, visto que o centro da cidade continua sofrendo com enchentes.

Pela lógica
Luiz Neto lembra que o objetivo das obras é duplicar os canais das principais avenidas do centro da cidade, e, para ele, a simples duplicação já demonstra que o Água Viva, ao seu final, terá resultado positivo. Ele faz questão de ressaltar que não se trata de "acabar com as enchentes", como foi dito em outras ocasiões. De acordo com ele, as obras do Projeto Água Viva vão, sim, "amenizar" o problema. 

Alerta!
Detalhes ainda estão ocultos, mas é certíssimo que Uberaba está correndo sério risco de perder o restaurante popular - que até prova em contrário, todo mundo tinha como favas contadas. Pra se ter uma ideia, o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome já tinha anunciado a liberação de R$ 2 milhões para a implantação do restaurante que vende refeições a poucos reais.

À flor da pele
Com direito a música caipira ao vivo e uma sessão solene carregada de emoção, o ex-vereador (1955/1958) Dioclécio Campos, 96 anos, recebeu, ontem, o Diploma de Honra ao Mérito, concedido através de iniciativa do presidente da Câmara de Uberaba, Elmar Goulart (PSL). Filiado na época à União Democrática Nacional - UDN, Dioclécio exerceu o mandato quando a função não era remunerada. 

Herdeiro
O filho Dioclécio Júnior lembrou, em pronunciamento, que ele próprio recebeu homenagem da Câmara em 2010, por ter idealizado e defendido o projeto de expansão da licença maternidade no Brasil. Por sinal, ideia esta, abraçada pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Uberaba - SSPMU, e que se tornou realidade no serviço público municipal da cidade antes mesmo de entrar em vigor no país. Júnior foi duas vezes presidente da Sociedade Brasileira de Pediatria e secretário-executivo do Ministério da Saúde. 

Sobrinho-bisneto
E sobrou também para o vereador mais jovem da atual legislatura, o presidente do PRB Jovem de Minas Gerais, Franco Cartafina. Sobrinho-neto do homenageado, o herdeiro político do ex-prefeito Silvério Cartafina e da ex-vereadora Terezinha Cartafina, "furou" o cerimonial para dizer, ao microfone, que a solenidade de ontem marcou um dos momentos mais emocionantes de sua vida.

Os dois lados
Outro que quase não conseguiu falar - tamanha a emoção, foi o autor da homenagem ao ex-vereador vivo mais antigo de Uberaba. "Recordo que fui o vereador mais jovem da cidade, e hoje sou o mais velho" - lembrou Elmar Goulart, que estreou na legislatura 1982/1988.

100 dias
Prefeito Paulo Piau (PMDB) completou, nesta quarta-feira, 10 de abril, 100 dias de governo, e para fazer um balanço do período pretende se reunir com a imprensa na segunda-feira. Entretanto, antecipou parte da prestação de contas em entrevista ao MGTV Integração, ontem. Reafirmou que o grande desafio da sua administração será resolver o problema do abastecimento de água, e garantiu o prosseguimento dos grandes projetos.

Abalroamento
Sobre a saúde, Paulo Piau admitiu que seu governo já poderia ter feito muito mais. "Entretanto, fomos atropelados por uma epidemia de dengue, o que tem nos forçado a adiar um pouco os investimentos na atenção básica" - lamentou ele. Lembrando que 2013 já soma 12 mil notificações, com dez mortes, o prefeito reforçou a preocupação. "Não podemos afrouxar" - disse.

Cidadania
Hospital Universitário da Uniube promoveu uma revolução interna pra socorrer Uberaba num momento complicado do atendimento pelo Sistema Único de Saúde - o SUS. Com as dificuldades enfrentadas pelo Hospital Beneficência Portuguesa - que chegou a suspender o funcionamento de sua maternidade, o HU realizou uma série de remanejamentos, fez um mutirão no fim de semana para desencaixotar equipamentos antes do previsto, e organizou uma maternidade com 11 leitos. 


Ex-vereador Dioclécio Campos posa ao lado da primeira mulher, Anna, e dos cinco primeiros filhos - dos sete que teve com ela. A foto, da década de 1950, é do acervo da família