Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Bastidores

ACESSIBILIDADE: A A A A
Bastidores 23/10/2014
Bastidores
Bastidores
Bastidores

COMPENSAÇÕES – Bandeira do IFTM/Uberaba recebeu o autógrafo da candidata Dilma Rousseff, conforme revela imagem eternizada por Enerson Cleiton

Campus deserto
Presença da presidente e candidata à reeleição, Dilma Rousseff (PT), ontem, em Uberaba, provocou congestionamentos e “um Deus nos acuda!” nos e-mails de muitos jornalistas, inclusive na redação de Bastidores. O primeiro contato partiu de servidores do Instituto Federal do Triângulo Mineiro/Uberaba, revoltados com o fato – segundo eles, de a reitoria ter dispensado todo o pessoal do IFTM para que fosse recepcionar a candidata.

A manifestação
Da parte da assessoria do deputado federal reeleito Marcos Montes (PSD), os e-mails e mensagens via redes sociais só tinham um assunto em pauta: a manifestação promovida pelos aecistas contra a presidente/candidata. Fotos de caras pintadas e bandeiras do candidato Aécio Neves (PSDB) por pouco não provocam pane nos correios eletrônicos e virtuais. MM estava em Belo Horizonte participando de ato público pró-Aécio.

A festa
E é claro, óbvio e evidente que a assessoria do prefeito Paulo Piau (PT) – que não cabe em si de tanta alegria, não descansou, seja acompanhando, notando e anotando tudinho da visita de Dilma Rousseff, seja clicando imagens aqui e acolá. Já no dia anterior, o prefeito – que coordena a campanha da petista na cidade e região, demonstrava a satisfação com o fato de ela ter escolhido Uberaba para visitar nesta reta final.

Mundo virtual
(...e dividido)

E nas redes sociais – especialmente o Facebook, da preferência dos uberabenses, a fervura circulou o dia todo. E tem tudo pra continuar fervendo hoje... Fotos sobre a visita mais pareciam capim – ou melhor, mais pareciam chuchu na serra! Os pró-Dilma elogiavam, aplaudiam e aproveitavam pra cair matando no adversário, enquanto os pró-Aécio ... precisa dizer?!

A culpa é dela!
E por falar em mundo virtual, na edição de anteontem, esta coluna citou ex-candidato a deputado de Uberaba que está fazendo pregação contra a urna eletrônica – depois de sair das eleições com pouco mais de 500 votos. Pelo jeito, tem mais gente colocando a culpa da falta de votos na urna. O presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais – TRE/MG, desembargador Geraldo Augusto, está preocupado com os boatos.

As urnas
Em matéria publicada ontem, no site do tribunal, o desembargador apresentou uma série de argumentos para que não se dê razão aos boatos, lembrando que as urnas eletrônicas do segundo turno são as mesmas que foram utilizadas no primeiro turno, e que a preparação delas cabe aos cartórios eleitorais, sob a supervisão do juiz local, em audiência pública.

Direto às fontes
O presidente lembrou, ainda, que todas as fases do processo eleitoral são públicas e podem ser acompanhadas pelo Ministério Público, OAB, partidos e candidatos. “Peço a todos que, ao receberem ondas de boatos como esse, difundidos de forma até leviana por quem usa das mídias sociais, procurem se informar perante as fontes oficiais de informação, como o Tribunal Superior Eleitoral/TSE ou o TRE, pois estamos à disposição para os esclarecimentos que se fizerem necessários, inclusive, para abrir informações técnicas para quem assim o desejar”, afirmou. 

Doidice
E a guerra das pesquisas continua... 

ENTRE EXTREMOS – Bandeiras das campanhas de Dilma Rousseff e Aécio Neves coloriram Uberaba de vermelho e azul