Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Bastidores

ACESSIBILIDADE: A A A A
Bastidores 27/12/2014
Bastidores
Bastidores
Bastidores

 

DE ORELHA A ORELHA – Em clima de comemoração pelas conquistas em 2014, entre elas, a reeleição de deputado federal e a eleição para presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária, Marcos Montes e a família distribuem sorrisos e desejos de Feliz Ano Novo, inclusive pra Bastidores.

 

 

Rosa choque

(Versão 1)

Com renda destinada ao Hospital do Câncer de Uberaba, está à venda o CalendárioAtma2015 – sensação deste final de ano. As modelos são mais do que especiais: são 12 mulheres que já tiveram câncer ou estão em tratamento contra a doença. Calendário está à venda  - por apenas R$ 20, no próprio hospital, no Loft da Construção (rua Major Eustáquio, 148), na Leara Calçados (rua Tristão de Castro, 545) e com as modelos convidadas.

 

As modelos

As 12 protagonistas do Calendário Atma2015 são: Denisléia Oliveira de Souza (janeiro); Valéria Cristina Silva (fevereiro); Ana Paula Rodrigues (março); Neusa Maria Kopke Venceslau (abril); Ana Gabriela Brandão Zandonaide/Belela (maio); Arahilda Gomes Alves (junho); Elaine Furtado (julho); Tuca Silva (agosto); Sissa Rezende (setembro); Celina Maria Alves (outubro); Dulce Helena Borges Guaritá Bento (novembro); Viviane Quirino (dezembro).

 

Rosa choque

(Versão 2)

O projeto foi idealizado e colocado em prática pelas arquitetas Alexandra Rôso, Elisa Araújo e Jacqueline Potenza.  Movidas pela solidariedade, as sócias Elisa e Jacqueline (loja Leara Calçados) resolveram criar o calendário e ganharam uma aliada: Alexandra (diretora do Instituto de Engenharia e Arquitetura do Triângulo Mineiro), que se apaixonou pela ideia e se juntou ao projeto. A ideia inclui ainda, a revista Atma, com matérias sobre superação, e distribuídas gratuitamente.

 

Festa do pijama

E por falar em solidariedade, foi uma grande festa de Natal a entrega de 300 pijamas para o Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro. Roupas foram repassadas pela Associação de Voluntários do HC/UFTM, com o objetivo de atender à Pediatria, Pronto-Socorro Infantil e UTI Neonatal.

 

Suporte

“O trabalho do voluntariado é essencial para dar suporte ao hospital” – comemora a chefe do Setor de Hotelaria, Hélida Rosa Silva. Os pijamas existentes hoje, no hospital, segundo ela, são insuficientes para atender à demanda. “Devido às limitações de recursos, toda doação dos voluntários é muito bem-vinda”, comenta.

 

Vida longa

Cinéfilo, crítico de cinema, historiador, escritor, advogado, “imortal” da Academia de Letras do Triângulo Mineiro, Guido Bilharinho presenteia a coluna Conta-Gotas... Notícias e seus leitores com um artigo exclusivo sobre o cinema. Vale a pena conferir suas reflexões e sentimentos, em que ele faz comparações surpreendentes entre ontem e hoje (http://giseldacampos-jornalista.blogspot.com.br/).

 

Sindicalização

Presidente da Associação dos Profissionais de Propaganda/APP Uberaba, Tiago Fonseca, e os diretores Fábio Lacerda e Mário Hueb, participaram de reunião do Sindicato das Agências de Propaganda de Minas Gerais/Sinapro-MG), realizada na sede da Fiemg em Uberlândia. Entre os objetivos da APP Uberaba está a conquista para a cidade de uma sede regional do Sindicato.

 

Descentralização

Na reunião, o vice-presidente do Sinapro/MG, José Luis da Silva, e o diretor Mário Dalcântara, apresentaram o planejamento para 2015, com o foco na aproximação dos mercados regionais. "Percebemos que a ideia do Sinapro/MG é corrigir uma 'miopia estratégica' que focou durante tempos apenas a capital e a região metropolitana do Estado", comenta Tiago Fonseca.

 

Poluição sonora 2

Wender Carlos Ferreira – que faz propaganda através de motosom, mandou e-mail pra Bastidores contestando nota publicada aqui, na edição de 21 de dezembro, intitulada “poluição sonora”. A colunista lembrou que a Lojas Americanas que ocupa prédio histórico no centro de Uberaba – mantida, inclusive, grande parte da fachada do extinto jornal Lavoura&Comércio, entrou em funcionamento sem qualquer evento de inauguração que fosse. E mais: que agora, época natalina, adere ao ultrapassado e politicamente incorreto modelo de propaganda à base de alto-falante nas ruas da cidade.

 

Fiscalização

(Versão 1)

“Eu presto serviço pra Lojas Americanas, acho que as coisas não são bem assim; quase todas as lojas fazem propaganda volante, eu tenho oito anos de  trabalho com esse serviço, nunca fui chamado a atenção sobre barulho, tenho responsabilidade no meu serviço” – disse Wender. Segundo ele, a opinião externada pela colunista de Bastidores “é incorreta”. E daí, explica que, “quem deve fiscalizar são os órgãos competentes da prefeitura”. Afirma que tem “firma aberta com alvará da prefeitura”, e portanto, seu trabalho “não é irregular”.

 

Carapuça

As próximas colocações são agressivas, infelizes, e demonstram que ele colocou uma carapuça que não era dele...

 

Fiscalização

(Versão 2)

E João Carlos Andrade Soares mandou e-mail lamentando – segundo ele, a ocorrência de “desordens, bagunça e balbúrdia” na Praça da Mojiana. O leitor questiona: “Onde estão as autoridades que deveriam manter a ordem e o respeito? Onde está a Guarda Municipal, que sempre pede  melhorias, mas não justifica os salários?” Ele diz que os acontecimentos na Praça Mojiana “estão envergonhando os uberabenses”.

 

Carinhos

Agradeço e retribuo as manifestações de final de ano de Marcos Montes e Marília, PT/Uberaba, Gilberto Rezende, Denise Max, Eliana Barbosa, Shpping Uberaba, Zebu Carnes, Aleff Madruga, Rose Dutra, Edna Idaló, Sumayra Oliveira, Teatro Sesi/Centro de Cultura José Maria Barra, Superintendência do Arquivo Público de Uberaba, Lília Luzes Borges, Luiz Renato Rodrigues da Cunha, Ana Gabelini, Newton Santos ercosHercoHercos