Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Bastidores

ACESSIBILIDADE: A A A A
Bastidores 23/07/2015
Bastidores
Bastidores
Bastiores

Produtor com acesso às tecnologias

Divulgação

Em parceria com extensionistas, proposta é capacitar produtores em processos de gestão que visam a otimização do lucro

A Epamig participou de evento de treinamento para os técnicos da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural de Minas Gerais (Emater-MG) junto de universidades e centros de pesquisas do estado. Parte do evento foi realizado no Campo Experimental Getúlio Vargas, da Epamig, este mês, em Uberaba. O treinamento foi proposto pela Secretaria de Agricultura Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (Seapa), que está implantando um novo modelo de gestão para atuação conjunta de suas empresas vinculadas (Emater-MG, Epamig, IMA e Ruralminas), que visa a gerar mais resultados positivos no campo. O objetivo é fazer com que o conhecimento gerado nessas instituições seja levado pelos extensionistas aos produtores rurais, para melhorar a produtividade e aumentar os lucros nas suas propriedades.

 

 

Hepatite C

Em 28 de julho celebra-se o Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais, ocasião em que o Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (HC-UFTM) realizará uma campanha de testagem de hepatite C aberta à população. Das 7h às 17h, no Ambulatório Maria da Glória, com entrada pela avenida Frei Paulino, todos poderão realizar testes rápidos para detecção da doença. Também no local haverá coleta de sangue para exames de laboratório, com o objetivo de identificar casos de resultado falso-positivo ou falso-negativo.

UPAs

Durante o mês de julho, as unidades de Pronto Atendimento (UPAs) São Benedito e Mirante, de Uberaba, administradas pela Pró-Saúde, sob contrato de gestão com a Secretaria Municipal de Saúde, realizarão uma ação preventiva para informações e combate aos casos de hipertensão. A iniciativa - que contou com uma palestra e serviços de aferição da pressão arterial - faz parte de um projeto que irá abordar diferentes temas de interesse da população.

 

Certificação do IMA

Em meio a um mercado cada vez mais competitivo, os produtores rurais têm de manter a qualidade e segurança dos alimentos para atender às exigências do consumidor final.  Nesse contexto, a certificação de origem e qualidade dos produtos constitui uma importante ferramenta e um diferencial para os agricultores. O Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) se destaca no mercado brasileiro e internacional com programas de certificação de café, queijo, cachaça e produtos orgânicos.  A certificação de produtos agropecuários em Minas está prevista no art. 26 do Decreto Estadual nº 45.800 de 2011.

 

Enganados

O presidente do Nacional do PSDB já aproveitou que saiu a pesquisa da CNT/MDA confirmando o repúdio dos brasileiros ao governo federal do PT para dizer que os brasileiros estão cada vez mais indignados com o estelionato eleitoral que foram vítimas na eleição de 2014. Nesse ponto temos que concordar com o tucano, porque parece que a presidente Dilma Rousseff se esqueceu do seu plano de governo apresentado na campanha e vem aplicado do adversário tucano.  Já que tudo que mais tínhamos medo vem se efetivando, como corte de benefícios sociais e trabalhistas. Infelizmente, não é a primeira vez, que o brasileiro “cai no conto do vigário”. Na próxima eleição poderia ser implantado a máquina da verdade.

Oportunista

Em relação à pesquisa eleitoral ter demonstrado que nomes do PSDB estão sendo bem aceitos pela população, o que demonstra que estão no caminho certo, defendendo os interesses do brasileiro.  Só me resta dizer que essa ‘oposição ferrenha’ dos tucanos ao governo federal e estadual não passa de ‘chilique’, porque perderam as eleições majoritárias no país e estão aproveitando da situação do país. O brasileiro está tão cansado da corrupção envolvendo tanto o PT/PMDB quanto PSDB, que qualquer liderança que surgir é um forte candidato a tomar o trono da Dilma Rousseff. O povo quer mudança política com a finalidade de termos projeção de um futuro melhor e não será andando para trás, igual caranguejo, que solucionaremos os problemas do país.

Desvio na saúde

Prefeito de Montes Claros, Ruy Adriano Borges Muniz é um dos acusados do desvio de mais de R$ 20 milhões de recursos que seriam destinados à saúde.  O Ministério Público Federal (MPF) apontou que além de Muniz, estão envolvidos dois secretários de Saúde, a atual, Ana Paula de Oliveira Nascimento, e o ex, Geraldo Edson Souza Guerra. O prefeito de Tapira, no Alto Paranaíba, Lavater Pontes Júnior e a sua vice, Mirian Magda de Melo, também são apontados como suspeitos do desvio de recursos públicos e fraudes em licitações. Além deles, outros três servidores e funcionários de um posto de gasolina também estariam envolvidos.

Operação

Além de Montes Claros e Tapira, outros 17 municípios estão sendo investigados na operação realizada pela Polícia Civil, Ministério Público Estadual (MPE) e Secretaria de Estado de Fazenda, que apuram o esquema que envolve desvio de verbas públicas para aquisição de combustíveis pelas prefeituras. Já foram expedidos mais de 60 mandados de busca e apreensão em 25 cidades de Minas.

Feriado

A Justiça do Trabalho anunciou que em virtude das comemorações ao Dia do Servidor Público (28 de outubro), a data foi transferida para o dia 30 do mesmo mês. A decisão foi do Órgão Especial do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região.

Reajuste

O Diário Oficial de ontem trouxe o reajuste escalonado na tabela do Imposto de Renda. A determinação estava em vigor desde abril por meio de Medida Provisória (MP), agora foi aprovada e convertida em lei. Dessa forma, quem ganha até R$ 1.903,98 estará isento do imposto, das demais faixas o imposto pode variar de 7,5% até 22,5%. Já os reajustes na tabela variaram entre 6,5% para os que ganham menos até 4,5% para os salários considerados mais altos.

MPMG

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) propôs Ação Civil Pública (ACP) contra o município de Ituiutaba, no Triângulo Mineiro, para que o Plano Diretor Municipal, Lei Complementar nº 63 de 2006, seja revisado em até seis meses com base na Lei nº 10.257 de 2001, Estatuto da Cidade, que instituiu diretrizes da política urbana nacional. A ACP cobra ainda a implantação de um Plano de Mobilidade Urbana e a criação de um Conselho da Cidade para acompanhar e controlar o novo Plano Diretor.