Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Bastidores

ACESSIBILIDADE: A A A A
Bastidores 05/09/2015
Bastidores
Bastidores
Bastidores

Moto Clube Rota 555 realiza doação

 

Divulgação

Moto Clube Rota 555 arrecadou mantimentos

 

No segundo aniversário do Moto Clube Rota 555, realizado nos dias 21, 22 e 23 de agosto, foram arrecadados, aproximadamente, 1.500 kg de alimentos não perecíveis, que foram doados a três instituições: Hospital Dr. Hélio Angotti, Casa de Apoio Danielle e Grupo Espírita Cisco de Deus. “Com dois anos de fundação, nós, do Moto Clube Rota 555, nos sentimos realizados por podermos proporcionar divertimento e interação entre motoclubes e motociclistas e, principalmente, por ajudarmos quem tanto precisa. Agradecemos a compreensão de todos que compareceram ao evento, levando seu quilo de alimento e tornando possível essas doações que ajudaram tantas pessoas que necessitam. Muito obrigado a todos”, ressaltou Daniel Miranda de Oliveira - presidente do Moto Clube Rota 555.

 

Justificando

Para mostrar que o salário recebido não é tal “astronômico” como foi visto por todos os uberabenses e mídia local, o presidente do Hospital Dr. Hélio Angotti vem usando a sua rede social para postar tabela de pisos salariais de diretor hospitalar. Segundo tabela divulgada por ele, uma empresa pequena pode pagar ao diretor hospitalar, que é o seu caso, de R$ 8.370,36 (trainer) até R$ 23.906,45 (master). O que comprova também que está ganhando mais que um diretor pleno, R$ 14.145,83, e um sênior, que tem vencimento de R$ 18.389,58, já que seu salário era quase R$ 22 mil. Como entidade filantrópica, a coisa ainda complica mais, já que quem avalia o seu custo-benefício são eles próprios.

 

Pesadelo

Ainda para se defender, o presidente mostra que uma empresa de médio porte pode pagar ao profissional de nível profissional, na função de diretor hospitalar, entre R$ 12.555,48 e R$ 35.859,69. Já os grandes hospitais têm condições de pagar para o mesmo cargo, inicialmente, R$ 18.833,22, mas tem o teto máximo de R$ 53.789,54. Agora entendi porque a situação da saúde está um caos no país; porque a folha de pagamento é mais elevada que os procedimentos médicos oferecidos. Dessa forma, não há governo federal, estadual, nem municipal que tenha condições de tirá-los da crise. Ao invés de sonho, isso pode acabar sendo um pesadelo.

 

Vacinados

Os motoristas do transporte coletivo estão recebendo a vacina contra a gripe. Após o término da campanha, a Secretaria Municipal de Saúde recebeu um lote extra de doses encaminhadas pelo governo estadual, que estão sendo disponibilizadas para grupos específicos. “Os motoristas do transporte coletivo ficam em contato muitas pessoas, por isso, a importância desta imunização”, destacou o diretor de Vigilância Epidemiológica, Robert Boaventura de Souza.

 

Na Concha

O Domingo na Concha deste dia 6, véspera de feriado, das 11h às 14h, será com show de Diamante Negro e da Banda The Leds em tributo aos Beatles. O multi artista Erllei Cruz, o Diamante Negro, vai apresentar o show “Ben Jor, Tim e Jorge: Uma interpretação da genialidade musical negra brasileira”. Diamante promete mostrar a riqueza musical e a simpatia destes três grandes músicos negros: Jorge Ben Jor, Tim Maia e Seu Jorge.

 

Na Baixa

Amanhã, acontece a Festa de Nossa Senhora da Conceição e São José da Baixa, no bairro rural da Baixa. Este é o quarto ano que a festa será acompanhada pela equipe do Conselho do Patrimônio Histórico e Artístico de Uberaba (Conphau), que registra todas as atividades realizadas durante o evento para enviar ao Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha/MG), já que a festa vale pontos para o ICMS Cultural. Os festejos iniciam às 9h, com celebração de missa e batizado pelo padre Reinaldo Duarte Vasconcelos Filho.

 

Cavalgada

Acontece nesta segunda-feira (7), a Cavalgada Beneficente da Independência. Cada cavaleiro doará um litro de leite ao Hospital Dr. Hélio Angotti. A concentração dos cavaleiros será a partir das 10h, com saída às 11h30, na Comunidade de Santa Rosa. Na chegada da cavalgada, por volta das 15h30, será servido almoço caipira feito pelas mulheres da comunidade. O almoço será ao som de show do grupo Os Giganos.

 

Novilhas da Epamig são campeãs

 

Três novilhas do Campo Experimental Getúlio Vargas da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) conquistaram cinco primeiros lugares na 2ª Prova Nacional de Produção de Leite - Gir Leiteiro Sustentável. O concurso, realizado pela Associação Brasileira dos Criadores do Gir Leiteiro (ABCGIL) em parceria com a Embrapa Gado de Leite e a Epamig, é uma das provas zootécnicas do Programa Nacional de Melhoramento do Gir Leiteiro (PNMGL). Seu resultado foi divulgado durante a Expogenética, em Uberaba. Foram realizadas várias avaliações relacionadas ao desempenho de produção associado à fertilidade e à qualidade do leite. A novilha Necta foi a melhor em três provas avaliadas durante 305 dias. Foi campeã da média diária para produção de leite (kg), produção (kg) de proteína e produção (kg) de sólidos totais. A vaca Mureta conquistou o primeiro prêmio na prova de contagem de células somáticas (CCS) em até 305 dias de lactação. Já a Mabeca foi a melhor na prova de produção de leite por intervalo entre partos.