Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Bastidores

ACESSIBILIDADE: A A A A
Bastidores 26/09/2015
Bastidores
Bastidores
Bastidores

Esclarecimento

 

Com relação à notícia veiculada pelo JORNAL DE UBERABA, quinta-feira (24), a Kroton Educacional esclarece que é uma companhia de capital aberto pulverizado, sem controle definido, que integra o Novo Mercado, o mais alto nível de governança corporativa da BM&FBovespa, com investidores individuais no Brasil e no mundo. Ao contrário das informações publicadas na coluna, o empresário Walfrido dos Mares Guia não detém posição de controle da companhia, sendo acionista minoritário e membro do Conselho de Administração do grupo. Sobre o programa do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), a Kroton segue rigorosamente e com total lisura as regras de oferta estabelecidas pelo Ministério da Educação (MEC).

 

Empenho

A Prefeitura de Uberaba e o Sindicato Rural estão empenhados para resolver, dentro da legalidade e sem prejuízos aos produtores, as questões relativas ao Imposto Territorial Rural (ITR). A Receita Federal tem agido com rigor na cobrança do tributo e pode penalizar o município que não informar corretamente o valor de mercado (VTN - Valor da Terra Nua) das propriedades.  

 

Cemig esclarece

Em resposta à nota “Sem Iluminação” da coluna Bastidores de 24/9, a Cemig esclarece que, desde 1º de janeiro de 2015, a responsabilidade pela manutenção da iluminação pública é dos municípios. As solicitações de serviços relativas à iluminação pública devem ser feitas às prefeituras ou aos órgãos credenciados pelos municípios, por meio de suas próprias centrais telefônicas de atendimento (call center) disponibilizadas à população.

 

Cemig esclarece II

As solicitações de restabelecimento de energia em casas, lojas e indústrias continuam sendo feitas à Cemig, que disponibiliza vários meios para receber os pedidos, portal na internet, facebook, twitter e torpedos (SMS), além do telefone 116.

 

Idosos devedores

A proporção de idosos na população brasileira segue crescendo e o risco de se tornarem inadimplentes também. De acordo com dados do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), a quantidade de consumidores entre 65 e 94 anos com dívidas atrasadas aumentou 8,56% em agosto de 2015 em relação ao mesmo mês do ano passado, enquanto a média nacional foi de 4,86% nesse período. Nessa faixa etária, o crescimento do número de devedores esteve acima da média em toda a série histórica.

 

Neymar perde

A Procuradoria da Fazenda Nacional conseguiu na Justiça bloquear R$ 188,8 milhões do jogador Neymar, de sua família e das empresas ligadas a ele. O atacante da seleção é acusado de sonegar impostos durante os anos de 2011 e 2013, segundo a Receita Federal, principalmente em pagamentos feitos pelo Barcelona relacionados à sua transferência do Santos.

 

Neymar perde II

A Receita alega que houve sonegação de R$ 63,6 milhões por parte do jogador. Entre outros fatos, é apontada omissão de rendimentos de fontes do exterior com publicidade e "omissão de rendimentos oriundos de vínculo empregatício pagos pelo Barcelona". Esse dinheiro, na verdade, foi recebido pelas empresas N& N Consultoria Esportiva e Empresarial e Neymar Sports. Mas, a Fazenda Nacional alega que foi tributado de forma indevida, já que o rendimento é dele como pessoa física.

 

Blatter e Platini

A Procuradoria da Suíça abriu um processo criminal contra Joseph Blatter, presidente da Fifa. O dirigente da entidade está sendo processado por gestão fraudulenta e suspeita de apropriação indébita, o que incluiria pagamento ilegal de, aproximadamente, US$ 2 milhões ao presidente da Uefa, Michel Platini. De acordo com a Justiça Suíça, o processo foi aberto na última quinta (24). Blatter é suspeito de ter efetuado pagamento ilegal a Platini por um suposto trabalho realizado entre janeiro de 1999 e junho de 2002. O pagamento foi realizado em fevereiro de 2011.

 

Pimentel desapropria

O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, atendeu, ontem, em Belo Horizonte, uma demanda histórica dos movimentos sociais do Estado. Ao lado do ministro do Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias, durante o lançamento de um conjunto de ações visando ao fortalecimento da agricultura familiar e ao combate à pobreza rural em Minas, Pimentel assinou os decretos de desapropriação das fazendas Nova Alegria, em Felisburgo, Córrego Fundo/Gravatá, em Novo Cruzeiro, e Ariadnópolis, em Campo do Meio.

 

Residência Integrada

Os programas de Residência Integrada Multiprofissional em Saúde e de Enfermagem em Neonatologia e em Urgência/Trauma da Universidade Federal do Triângulo Mineiro continuam com inscrições abertas, até 30 setembro, para o processo seletivo de ingresso no primeiro semestre de 2016. São 30 vagas para Multiprofissional em três áreas de concentração. As inscrições estão abertas, exclusivamente pela internet, até as 23h do dia 30 de setembro.

 

Procura

Leitor solicita: “Gostaria que me fizesse um grande favor. Estou precisando me comunicar com uma pessoa que mora em Uberaba, porém, não sei seu endereço. Perdemos o contato há mais de 20 anos. Seu nome é Dilson de Araújo. Esta pessoa já morou e trabalhou em Belo Horizonte/Contagem-MG. Peço que vocês me ajudem, informando se existe, em Uberaba, alguma instituição que possa facilitar a comunicação com o Sr. Dilson de Araújo. Sem mais, Vicente Vital Gonçalves, rua São Mateus, 343, CEP-32371-130 - bairro Água Branca, Contagem-MG.”

 

Inauguração

O Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro recebeu, no dia 24 de setembro, o presidente da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares para inauguração do contêiner Data Center do complexo hospitalar. Foi a primeira visita de Newton Lima Neto ao HC-UFTM como presidente da Ebserh, cargo exercido por ele desde junho deste ano.

Juízes federais

Juízes federais de todo o país aprovaram, na manhã de ontem, a Carta de Florianópolis - documento que reúne as principais conclusões do IV Fórum Nacional dos Juízes Federais Criminais (Fonacrim). “Os magistrados federais têm tratado dos casos criminais com isenção e igualmente com firmeza. Neste aspecto, a recuperação de quase R$ 1 bilhão aos cofres públicos no âmbito da operação Lava Jato é fato significativo”, diz o texto, aprovado por unanimidade na plenária final do evento.

 

(ok revisado)