Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Bastidores

ACESSIBILIDADE: A A A A
Bastidores 18/05/2013
Bastidores
Bastidores
Sem feridos...

Prevaleceu o requerimento do presidente da Câmara, Elmar Goulart (PSL), para que o Colégio Marista Diocesano seja homenageado pela Casa. O vereador Afrânio Cardoso (PP) - que, sem saber do requerimento do colega, havia apresentado solicitação com o mesmo teor, abriu mão do seu pedido. Afrânio mantém o apoio à homenagem, mas respeita a autoria do primeiro requerimento - diz a assessoria do vereador do PP.

Enem na UFTM
Quem está de olho numa vaga na Universidade Federal do Triângulo Mineiro - UFTM, em 2013, precisa ficar atento. A única alternativa de ingresso nos cursos da instituição será através do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem.  Inscrições estão abertas e serão encerradas dia 27 de maio, com provas previstas para os dias 26 e 27 de outubro. Sem esquecer que, a partir de agora, "brincadeirinhas sem graça" na redação vão zerar esta prova.

Olhos abertos
Matéria publicada na imprensa de Uberlândia dando conta de que a Rede Bretas Supermercados planeja instalar um centro de distribuição no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, tirou o sono do uberabense Antonio Marques Neto - diretor do HSBC Bank Brasil, em São Paulo. Em e-mail enviado à coluna Bastidores, ele alerta o prefeito Paulo Piau (PMDB) e o secretário Municipal de Desenvolvimento, José Renato Gomes, pedindo que eles entrem na briga pelo investimento.

Qualificada
Mostrando que se mantém antenado com tudo o que acontece em Uberaba e região, Antonio Neto cita as novas lojas do Bretas em Uberaba, e feitas as contas, diz não ter dúvida de que a cidade é um dos três principais mercados da rede. "Isso qualifica Uberaba para disputar e conquistar o centro de distribuição" - conclui ele.

Especial 
(O poder no Brasil)

Edição especial de maio do Jornal da Câmara - da Câmara dos Deputados, está recheada de história, lembrando os 190 anos do parlamento brasileiro, e destacando alguns fatos relacionados, direta ou indiretamente, ao poder no Brasil. Um dos destaques - intitulado "Família Andrada: desde o século XIX participando da história do país", passa por Minas Gerais, e, de quebra, por Uberaba. "Se existe uma família que conhece bem os meandros e a história do processo político no Brasil são os Andradas" - afirma a matéria especial.

Família no poder
A narrativa cita, por exemplo, José Bonifácio, o Patriarca, "que é considerado um antepassado muito relevante" pelo principal nome da família nos tempos atuais: o deputado federal Bonifácio de Andrada (PSDB/MG), que cumpre seu 9º mandato consecutivo.  Apesar de seus embates com D. Pedro I, José Bonifácio foi escolhido por ele para ser o tutor de seu filho, D. Pedro II, quando o imperador retornou a Portugal. "Ele era considerado pelo imperador um dos únicos homens no Brasil à altura da tarefa" - comemora o atual deputado federal.

Prata da casa
Aqui, vale lembrar que, entre os filhos do deputado Bonifácio de Andrada, está Doorgal de Andrada - desembargador e ex-presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais - TJMG, e com passagem importante pelo Judiciário de Uberaba. De 1996 a 2001, foi juiz da 3ª Vara Cível, da 3ª Vara Criminal e da 2ª Vara de Família, e entre 1997 e 1999 foi diretor do Foro (em dois mandatos) e dos Juizados Especiais de Uberaba.

Trajetória
1821 - Antônio Carlos Ribeiro de Andrada Machado e Silva (SP) participa das Cortes de Lisboa, mas se nega a assinar a Constituição portuguesa.
1822 - José Bonifácio de Andrada e Silva encabeça o primeiro ministério brasileiro, formado em janeiro de 1822.
1823 - Antônio Carlos Ribeiro de Andrada Machado e Silva (SP) apresenta fórmula de juramento para os deputados constituintes em 18/04/1823. Junto com os irmãos José Bonifácio e Martim Francisco foi exilado em Paris com a dissolução da Constituinte em 12/11/1823.
1831 - Martim Francisco Ribeiro de Andrada (SP) preside a Câmara.
1840 - Antônio Carlos Ribeiro de Andrada Machado e Silva (SP) é nomeado ministro e secretário de Estado dos Negócios do Império em 1840. Martim Francisco assume a Secretaria de Estados dos Negócios da Fazenda.
1864 - Antônio Carlos Ribeiro de Andrada, neto de José Bonifácio e filho de Martim Francisco, muda-se para Barbacena, dando origem ao ramo mineiro da família.
1867 - José Bonifácio de Andrada e Silva (o Moço - RJ) discute a questão da servidão e, em 1868, a questão da Guerra do Paraguai.
1882 - Martim Francisco Ribeiro de Andrada Filho, irmão de José Bonifácio (o Moço) e Antônio Carlos, também preside a Câmara.
1929 - José Bonifácio de Andrada e Silva lança as bases da Aliança Liberal,
movimento que desencadeou a Revolução de 30.
1933 - Antônio Carlos Ribeiro de Andrada IV (MG) preside a Assembleia Nacional Constituinte e, posteriormente, a Câmara dos Deputados até 1937.
1968 - José Bonifácio Lafayette de Andrada preside a Câmara.
1986/87 - Bonifácio de Andrada participa da Assembleia Nacional Constituinte.


DESDE O SÉCULO XIX - José Bonifácio - o Patriarca; Bonifácio de Andrada - o atual deputado federal; Doorgal de Andrada - ex-diretor do Foro de Uberaba