Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Bastidores

ACESSIBILIDADE: A A A A
Bastidores 15/03/2016
Bastidores
Bastidores
Bastidores

9º Startup Talks 

 

Acontece hoje, o 9º Startup Talks, do Núcleo Setorial de Tecnologia de Uberaba (Utec), do Programa Empreender/Aciu. O grupo vem desenvolvendo diversas ações com o empresariado de tecnologia da cidade e o objetivo da equipe é difundir cada vez mais a cultura da inovação tecnológica, da criatividade e do empreendedorismo em Uberaba. Os empresários e profissionais de TI interessados em participar do Núcleo de Tecnologia do Empreender/Aciu podem entrar em contato com o Programa pelo e-mail: empreender@aciu.com.br. O 9º Startup Talks acontece na Chopperia Pimenta Buena, a partir das 19h.

 

Aciu Empreender

Voltado para jovens, empresários e empreendedores, o Núcleo de Jovens Empresários, do Programa Empreender/Aciu, será lançado hoje, às 15h, na sede da Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Uberaba (Aciu). A consultora do Empreender e mediadora do grupo, Patrícia Cicci, explica que a ideia de criação deste núcleo surgiu a partir de uma estratégia de aproximação da entidade classista com jovens empresários. “A diretoria da Aciu está com uma série de projetos e uma das iniciativas é a criação de um núcleo para jovens empresários, que chamaremos de Aciu Jovem. O objetivo é trazer o empresariado jovem para dentro da Associação, a fim de que eles participem das decisões da casa e se envolvam diretamente com a instituição, de forma representativa”, pontuou.

 

Sinal de alerta

Esse jovem empresário, considerado um dos mais ricos do país, Marcelo Odebrecht, deve estar com seu pisca-alerta a todo vapor. Delúbio Soares, José Genoíno e João Paulo Cunha foram libertados. Na próxima semana, deverão ir pra rua, Waldermar Costa Neto e Roberto Jeferson... Da turma enjaulada no escândalo do mensalão, ficarão entre grades apenas empresários. E, claro, Zé Dirceu, que é “hors concours”.

 

Cantoria à vista

Os políticos que ainda restavam presos pelo escândalo do mensalão estão sendo colocados nas ruas em atendimento ao “indulto de natal”, concedido pela presidente Dilma aos presidiários com ¼ da pena cumprida. Mas, ninguém explica porque esta benesse não foi estendida a empresários, como Valério, seus sócios Cristiano Paz e Ramon Hollerbach, à banqueira Kátia Rabelo ou a José R. Salgado, do Banco Rural... Por isso, em outra operação, na Lava Jato, é de se esperar o início, para breve, da “cantoria” de Marcelo Odebrecht.

 

Lá e cá

O PMDB, este bailarino incansável da política brasileira, vem tendo um trabalho danado nos últimos dias para se suster na corda bamba do fisiologismo. O partido não sabe se fica ao lado de Dilma ou ao lado do impeachment... Mas, não é uma questão de fundo ideológico. É só uma questão de aritmética política. O que daria mais? E o curioso é perceber que, não apenas em Brasília, aqui em Minas Gerais, o partidão brasileiro (eterno saco de gatos) também está conjecturando abandonar seu parceiro, o governador Pimentel.

 

Fora do navio

Provando que os carinhos entre PMDB e PT de Minas já não são tão cálidos como os iniciais, o deputado Cabo Júlio acaba de pedir seu desligamento da vice liderança do partido... E as falas intransigentes, com os olhos brilhando, de Toninho Andrade, nosso vice-governador, feitas em defesa do enrolado governador Pimentel, já não se ouvem mais no Palácio da Liberdade. Sinal dos tempos! Aliás, quem assistiu ao filme Titanic sabe quem são os primeiros a escapar de um navio em submersão.

 

Apoio intransigente

Não convenceu ninguém, a lista do “apoio internacional” dado ao ex-presidente Lula, por sua condução coercitiva pela PF a um depoimento e pedido de prisão preventiva pelo MP paulista. A lista conta com Evo Morales e Nicolas Maduro...  O alto comissariado do Itamaraty deixou vazar que vários líderes mundiais, consultados para assinarem o apoio, preferiram, no momento, declinar do convite...

 

Sugestão

Aliás, considerando o momento grave que o ex-presidente vive, talvez fosse de bom alvitre alguém informá-lo do mais recente escândalo do Vaticano. Descobriu-se, agora, que, no Santo Ofício, para se abrir um novo processo de canonização, é cobrada a módica quantia de 50 mil euros... Quem sabe?

 

Betoneira

Poucos prestaram atenção, mas as palavras do juiz federal Sergio Moro a uma plateia seleta na última semana teve um significado além do enunciado. O inteiro teor das delações em andamento ainda vai jogar no mesmo tacho sapos, gatos e lagartixas... Uma coisa da qual ninguém mais duvida é a grossa participação de políticos do PSDB na mesma farra petrolífera. E, do lado do governo, ninguém também mais duvida que – caso provada – a participação de Dilma no roubo de Pasadena (Texas) seria o final do governo.

 

Os idiotas

O brasileiro, idiota secular, paga sempre o pato pelos desmandos de seus eleitos. Após trabalhar uma vida inteira, de sol a sol, ele recorre à Previdência Social, onde contribuiu religiosamente para ser remunerado pelo teto máximo, que era referente a 10 salários mínimos. Hoje, este teto é, bruto, de R$ 4,1 mil... E vem aí a nova reforma! Ou seja, vai abaixar ainda mais!

 

Nota ruim

Noticiou-se que mais 2.300 vagas para o curso de Medicina serão abertas no país. O MEC autorizou a abertura de mais 36 faculdades de Medicina. A maioria, seguramente, formada por cursos “meia-boca” que oferecem um péssimo ensino. A medida faz parte do programa “Mais Médicos” do Ministério da Saúde. A esperança é que os demais conselhos estaduais de Medicina sigam o exemplo do Cremesp (São Paulo), onde já é realizada a prova de aptidão para exercício da profissão. Em São Paulo, se não passar no Cremesp, não clinica!

 

Nota boa

Uma boa notícia que também nos chegou da área da saúde foi a descoberta dos compostos “Tarocin A e B”. Acoplados aos antibióticos, esses compostos tornam-se verdadeiras turbinas em seus efeitos. E isso vem conseguindo, felizmente, dar cabo das superbactérias, responsáveis pelas infecções e mortes hospitalares.

 

Deserviço

Pensando bem, o MP de São Paulo ajudou bastante Lula da Silva, ao pedir uma prisão preventiva sem pé nem cabeça. O ato serviu à vitimização de Lula, bem ampliada pela indignada Dilma, que foi à TV clamar contra o “absurdo”... E os promotores paulistas, de quebra, atropelaram o juiz Moro, que, em sua Lava Jato, está indo por um caminho que fatalmente desaguará no ex-presidente. E na atual...

 

Moita

Na semana vindoura, deveremos ver anunciado um importante movimento no tabuleiro de xadrez que se tornou a política brasileira. Informantes do Planalto garantem que Lula ocupará a chefia da Casa Civil da Presidência, ocupando o lugar de Jacques Wagner. O bom baiano passaria a ocupar o Ministério da Justiça. Onde, aliás, tentou emplacar um amigo, promotor baiano, que teve, naturalmente, a nomeação impugnada pelo STF. Se quiser ser ministro, Wellington Cesar terá que deixar o MP.