Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Bastidores

ACESSIBILIDADE: A A A A
Bastidores 06/06/2013
Bastidores
Bastidores
Licenças pro rio Claro

Centro Operacional de Desenvolvimento e Saneamento de Uberaba – Codau, aguarda apenas a conclusão do processo de pedido das licenças ambientais para dar prosseguimento ao projeto de captação de água no rio Claro. Documento será enviado para a Caixa Econômica Federal, a quem caberá dar o sinal verde para a abertura da primeira licitação, neste caso, para a compra da tubulação que vai compor a adutora. Detalhe: além da Caixa, o Tribunal de Contas da União também terá acesso à documentação.

A 1ª licitação
Projeto e planilha de preços já estão na CEF – guardiã dos R$ 53 milhões conseguidos a fundo perdido junto à União para serem investidos nas obras. Os recursos estão assegurados no Programa de Aceleração do Crescimento 2 – o PAC/2, através do Orçamento da União, e cerca de R$ 30 milhões serão usados na compra da tubulação (35 km de tubos de 800 mm em ferro fundido). Expectativa é de que, até no final de julho de 2013, esta fase já esteja chegando ao final.

As obras
(Execução)

Adquirida a tubulação para a implantação da adutora, terá início um novo processo licitatório, neste caso, para a realização das obras. Previsão é de que a concorrência aconteça em setembro de 2013, e que as obras sejam iniciadas em dezembro deste ano, ou após o período chuvoso. Tempo de execução das obras de implantação da adutora: 18 meses. Em outras palavras, a adutora entrará em funcionamento com sua capacidade máxima no final do primeiro semestre de 2015.

Paralelas
E vale lembrar que outras obras já em andamento vão reforçar o abastecimento de água em Uberaba. O Codau está construindo uma terceira Estação de Tratamento de Água –ETA, enquanto moderniza o complexo atual, formado pelas ETA’s I e II.

Paternidade...
Ex-presidente e cogitado pra reassumir o PSDB de Uberaba, engenheiro civil e estatístico Luiz Cláudio Campos, também mandou e-mail pra Bastidores, mas, neste caso, comentando notícia da edição de 5 de junho, sobre o “Mutirão do Direito a Ter Pai” - evento que a Defensoria Pública de Minas Gerais vai realizar em outubro na cidade, para promover reconhecimento de paternidade, seja de forma espontânea, ou através de investigação – inclusive com exames de DNA.

...e reconhecimento
Diz Luiz Cláudio que a campanha “Mutirão do Direito a Ter Pai” merece o apoio de toda pessoa ou instituição pública e privada. E compara: “Existe um exemplo que já ultrapassa dois milênios, que é o maior de todos os exemplos em relação ao direito e à importância da paternidade. Jesus - concebido pelo Divino Espírito Santo, teve o carpinteiro José, o esposo de Maria, como seu pai aqui na terra. Este é o principal ensinamento e reconhecimento da importância emblemática da figura paterna.”

Reação
Subsecretária Municipal de Planejamento, a arquiteta, professora e servidora de carreira da Prefeitura de Uberaba, Maria Paula Meneghello, manda e-mail comentando nota publicada na edição de 4 de junho, sobre artigo publicado no jornal O Globo pelo compositor, cantor e linguista Caetano Veloso. “Adorei. Como ele pegou o espírito da região em tão pouco tempo! Caetano é o máximo!”

Recapitulando
Em seu artigo semanal no espaço de Cultura do jornal O Globo, Caetano Veloso repercutiu – na edição de domingo, 2 de junho, o show Abraçaço, que apresentou em Uberlândia dia 30 de maio. “De repente, me vi no centro do Brasil. Vim fazer uma apresentação em Uberlândia e, misteriosamente, entre cidades brilhando na noite de céu claro, apenas Uberlândia estava sob neblina tão densa que o aeroporto estava fechado. Tivemos de aterrissar em Uberaba.” Ao longo do artigo, Caetano ainda analisa o Uber... de Uberaba e Uberlândia.

Mire-se no exemplo...
Por sua vez, o leitor Jair Dikman mandou e-mail em que avalia notas publicadas também na edição de 4 de junho, sobre o tratamento dispensado a Uberaba e Uberlândia pela revista Guia Quatro Rodas - da Editora Abril. “Também notei a ausência de Uberaba na edição de 2013 e, inclusive, enviei um e-mail à Prefeitura de Uberaba/Secretaria de Turismo, citando tal fato” – revela Dikman. Diante do espaço destinado a Uberlândia, ele comenta: “Tudo leva a crer que nossa rival, no mínimo, tenha agido através de seu departamento de marketing, para que a cidade fosse divulgada em destaque.”


FIM DO SOFRIMENTO – Águas do rio Claro devem reforçar o abastecimento de Uberaba a partir de 2015