Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Bastidores

ACESSIBILIDADE: A A A A
Bastidores 31/01/2014
Bastidores
Bastidores
Bastidores

IMAGEM DOS SONHOS - Presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Uberaba, Romeu Borges, rodeado por PM´s – tudo o que ele gostaria que acontecesse, todos os dias, com os produtores rurais de um modo geral

 

Ops! Alerta geral!

Principais autoridades da segurança pública na cidade disseram “sim” ao convite do Sindicato dos Produtores Rurais de Uberaba e compareceram à reunião com o líder Romeu Borges de Araújo Júnior. Em pauta, o crescimento assustador de ocorrências na zona rural. Tão assustador, que os produtores andam falando em armar-se em nome da legítima defesa. A luz acendeu no sindicato da categoria e entre as autoridades do setor.

 

Unanimidade

Entre os presentes na reunião, destaque para os chefes regionais da Polícia Militar, coronel Laércio dos Reis Gomes, e da Polícia Civil, delegado Francisco Gouvêa, além do testemunho de gente que não tem nada a ver diretamente com isso, mas que também anda apanhando da população e levando a culpa: os representantes do governo municipal. Todos com motivos mais do que suficientes para buscarem soluções, ou pelo menos alternativas amenizadoras.

 

A lista de Romeu

Presidente do Sindicato dos Produtores Rurais admitiu a possibilidade de a entidade ter assessorias para orientar os associados, entre outras coisas, sobre monitoramento eletrônico e registro legal de armas. Romeu Borges propôs que seja aumentado o efetivo de policiais na zona rural, e a abrangência do Projeto Olho Vivo para as principais estradas vicinais do município.

 

O cerne...

E dá-lhes críticas contra o Código Penal Brasileiro – que, diga-se de passagem, está em vigor desde a década de 1940 ... Por sinal, mais um setor da sociedade a colocar o CPB na ordem do dia. Os líderes ruralistas pregaram – e as autoridades concordaram, que, em razão do CP, os bandidos não ficam presos.

 

...da questão

Em processo de “tentativas” de mudanças no Congresso Nacional, o Código Penal mobiliza evangélicos e católicos por conta de propostas relacionadas a aborto e legalização da eutanásia, por exemplo. E mobiliza boa parte dos defensores do estatuto do menor, que não quer a redução da maioridade penal. E mobiliza alguns grupos (sabe-se lá, o motivo) contra o aumento de pena para assassinos. E mobiliza (nem precisa dizer quem) um grupo de pessoas contra a transformação do jogo do bicho em crime (hoje é contravenção)...O certo é que a reforma do CP vai render muita polêmica em 2014.

Ideias políticas

Correio eletrônico de Bastidores ficou congestionado ontem, com reclamações de jovens alunos do curso de Direito da Universidade de Uberaba – Uniube, e que, por motivos óbvios, não terão seus nomes revelados nem sob tortura. A queixa: dizem que um professor tem a mania de deixar entre 80% e 90% dos alunos de dependência. “A gente não consegue aprender nada do que ele tenta ensinar” – desabafou a maioria dos queixosos. Os alunos sugerem que o professor em questão faça alguns cursos de aprimoramento em comunicação e de atualização no assunto que ministra.

 

Bom senso

E por falar em correio eletrônico, o Sindicato do Comércio de Uberaba – Sindicomércio Uberaba, também tem uma queixa pra fazer. O alvo é a Companhia Energética de Minas Gerais – Cemig. “Sabemos que a empresa tem que paralisar o fornecimento de energia para realizar obras de melhorias, mas é preciso ter critérios para isso” – diz a queixa do Sindicomércio, exemplificando que a companhia programou corte de energia para hoje, 31 de janeiro, data em que a maioria das empresas fecha seus programas de metas e de faturamento.

 

Resumindo...

Em ofício protocolado na Cemig, o sindicato sugeriu a mudança do corte de energia para amanhã, sábado, a partir das 12h.

 

Compromisso

Já o vereador Franco Cartafina (provável futuro presidente do PRB/Uberaba) comemora o compromisso assumido com ele pelo prefeito em exercício, Almir Silva (PT do B), e o secretário de Infraestrutura, Roberto Oliveira “Indaiá”, de que vão providenciar solução para um grave problema no Residencial das Palmeiras. Um imenso acúmulo de água formado entre as ruas Izoleta Barbosa de Carvalho e Dulce Araújo Caramore está deixando os moradores em estado de desespero. Inclusive por causa do mosquito da dengue.

IMAGEM DOS PESADELOS – Vereador Franco Cartafina ouve o desabafo dos moradores do Residencial das Palmeiras