Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Bastidores

ACESSIBILIDADE: A A A A
Bastidores 13/02/2014
Bastidores
Bastidores
Bastidores

NÃO DÁ PRA DESAPEGAR – Difícil tirar os olhos dos jogos olímpicos de inverno de Sochi/Rússia, em que cada disputa é um espetáculo à parte. Ontem, por exemplo, o Centro Alpino Rosa Khutor foi palco de um inédito empate na prova de downhill feminino. A suíça Dominique Gisin e a eslovena Tina Maze fizeram exatamente o mesmo tempo (1m41s57) em suas descidas e dividiram o degrau mais alto do pódio. Ambas levaram ouro. (Foto: Getty Images)

 

Sem os líderes

Bateção no prefeito Paulo Piau (PMDB), anteontem, na estreia do plenário em 2014, teve um ingrediente extra na Câmara de Vereadores de Uberaba: a liderança estava toda ela acompanhando o prefeito e comitiva em audiência sobre segurança pública com o governador Antonio Anastasia, em Belo Horizonte.

 

Recepção

Presidente do SDD, Luiz Dutra – o líder, e o eventual futuro presidente do PSL, Kaká Carneiro – o vice-líder, com certeza não esperavam as críticas contra o liderado justamente  na sessão em que seus nomes foram anunciados nas funções.

 

Moral da história

Pelo menos a sessão serviu pra uma coisa: agora, todo mundo sabe o motivo de existir também uma vice-liderança. Se um vai...o outro tem que ficar.

 

Parceiros?
“Quem tem alguns parceiros como Piau não precisa de inimigos”.

_Comentário é do secretário de Governo, jornalista Wellington Cardoso Ramos, sem citar nomes ou situação específica, mas...e precisa?!

 

Vem aí...

MDA/Pesquisa de Opinião Pública e Consultoria Estatística registrou ontem, no Tribunal Superior Eleitoral – TSE, a primeira pesquisa de 2014 sobre as eleições presidenciais no país. Foi contratada pela Confederação Nacional do Transporte – CNT, que vai pagar R$ 180 mil pelo levantamento. Ao todo, serão entrevistados 2.002 eleitores.

 

Concorrrentes

Pesquisa estimulada apresenta duas alternativas de candidaturas. A lista 1 apresenta os nomes de Dilma Roussef (PT), Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB). A segunda alternativa tem Dilma Rousseff, Aécio Neves, Marina Silva (PSB) e Levy Fidelix (PRTB).

 

Rolezinho

A CNT também quer saber a opinião do eleitorado sobre os investimentos que estão sendo feitos para a Copa do Mundo 2014; se o eleitorado acredita que haverá manifestações públicas durante o evento (e se participaria); se o eleitorado está interessado nas eleições de outubro de 2014; quais os setores, na opinião do eleitorado, que mais precisam de investimentos no país; se o eleitorado já ouviu falar em rolezinhos e o que acha do movimento (inclusive se deve ser reprimido); e mais um punhado de questões.

 

Entre nós...

Até o fechamento desta edição de Bastidores, ontem, nenhuma pesquisa relacionada às eleições de 2014 em Uberaba estava registrada oficialmente. Existe pelo menos um levantamento sendo feito – com certeza absoluta, mas ainda não se definiu se será para conhecimento público (teria que ser registrada) ou apenas para conhecimento interno.

 

Com os líderes

...E na sessão plenária de ontem, com a presença da liderança completa do prefeito, eis que o vereador João Gilberto Ripposati (PSDB) – após um confuso debate sobre um veto do Executivo, fez sua avaliação: “Acho que está faltando sintonia entre o líder e o vice-líder”.

 

O vice

O vereador Samir Cecílio Filho (PR) aproveitou a deixa pra “dispensar” a vice-liderança. Disse que, se o Executivo se entender politicamente com o Legislativo, não há necessidade de um vice-líder. “Os projetos são simples, são de interesse dos vereadores, e ninguém quer bater de frente com ninguém. Falta entendimento” – afirmou. Marcelo Machado Borges (DEM) concordou.

 

Acerto

“Só exercerei a vice-liderança na ausência do líder” – manifestou Kaká Carneiro, após os colegas Samir Cecílio e Marcelo Borges terem “dispensado” o vice. “Estamos nos acertando, e a partir de hoje, os senhores vão ver a liderança funcionando como deve ser feito” – afirmou Kaká.

 

Será que sim?

Presidente do PROS/Uberaba, Cléber Humberto Ramos, aproveitou a celeuma de ontem, para anunciar que a legenda vai votar unida, a partir de agora, na Câmara de Vereadores. Isso significa que ele e o outro colega filiado, Afrânio Cardoso Lara, fechariam uma dobradinha.

 

Será não!

Pois é...Bastou o Afrânio Cardoso pegar o microfone pra se concluir que será não! “Não voto por determinação de ninguém!” – disse ele.