Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Chic&Choc

ACESSIBILIDADE: A A A A
Fabiana Silbor 07/04/2013
Fabiana Silbor
fabianasilbor@gmail.com
Bem vindo! Bem vinda! Salve o domingo.

Hoje é dia do jornalismo.
E qualquer coisa que eu escreva para compartilhar com você um tempo onde precisamos de mudanças seria repetitivo demais, então vamos falar de amor.
Deixo, apenas, minha admiração e meu companheirismo aqueles que compreendem tudo que significa SER Jornalista! 

Quando você se apaixonar valorize quem te faz prioridade. Aquele que afirma: todos os meios, ainda, seriam muito pouco. Enviarão mensagens, torpedos, ligações, cartas, bilhetes. O sentimento condensado não caberá em palavras miscigenadas de vogais e consoantes. Bradará no peito uma vontade imensa de sussurrar, de aclamar, de homenagear e nem sempre a pertinência é prato fundo nessa tempestade de sentir. Retumbará no peito um frenesi de intensidades que não se compromete com o racional. É um desalinho. A saudade materializa, inventa insanidades, inverte, vive de sofrer, mas também, substituída pela presença pode ser a maior experiência de prazer.

Quando você se apaixonar, queira o que declama poemas, oferece flores, tonaliza com músicas, surpresas, detalhes, mas que diga: recortes de uma totalidade são, ainda, muito pouco. Todas as expressões deveriam se revezar na demonstração permanente do sentir. Fórmulas decoradas, inventadas, receitas de ser, de comer, de reconhecer, de viver devem ser repetidas ao esgotar das preciosas ideias, para nascerem outras, mais raras, melhores... Viver para abençoar, celebrar, adoçar a existência de um compartilhar, nem sempre equilibrado, leve, certo... Mas essencial para quem quer o verdadeiro para sempre.

Respirar é de graça, mas anda difícil sorver o ar contaminado de falsos idealismos
Quando você se apaixonar procure por pessoas leves. Mas, lembre-se: as difíceis, também, podem amar! Talvez elas não saibam viver levemente, mas são intensas, profundas. Pessoas pesadas não sabem ser pequenas, insignificantes. É verdade que são impertinentes, entretanto você poderá experimentar uma gravidade onde o tempo não é vago. Gente assim, até pode ser danosa, mas são fortalezas sensíveis. E esse castelo é bom lugar para morar.


Paulo Ricardo comemora o diploma com a disposição de um guerreiro. Profissional competente e diferenciado continua o caminho acadêmico de sucesso. Alegrias para ele nessa trajetória de sucesso.

Parabéns para você! A data é mesmo querida, afinal é tempo de comemorar o nascimento desse querido. Com novos projetos e muitas prosperidades de presentes, Kamillo Debs segue destino certo para grandes realizações.

Urgente
O cenário cultural de Uberaba carece de um evento marketeiro para dar uma glamourizada no povo que rala para se estabelecer em circuitos interioranos. Impossível sobreviver numa masmorra intelectual fadando o indivíduo a minguar oportunidades. 

Ritmo doce esse da vida de dar a volta e trazer a tona tesouros escondidos
Quando você se apaixonar acredite: você pode encontrar pessoas capazes de aliviar seus dias. Elas darão um tom subtil, ágil. Entretanto, aqueles que querem uma história densa precisarão compreender: os sonhos são lotados de ornamentos, e isso, impossivelmente, será leve. Penso, às vezes, mesmo, como despir um tardo, um serôdio companheiro? Entretanto revejo sobreviventes, gênios e loucos, pesados, pesadíssimos, que tiveram a doçura dissecada de seus direitos naturais e percebo que aqueles que se reconstruíram densos de humores, se salvaram de um mundo raso. Glorifique em sopesar!


Aniversariante do último dia 26 de março, a elegante Queila Garcia comemorou a data cercada do carinho dos familiares e do esposo Joabe Queiroz.

Segredos revelados
Personalidades fundamentais na história das Águas Claras vão despedindo da sociedade, para a alegria de alguns corruptos, por meio da loucura, do esquecimento fúnebre, das pressões políticas e ficamos reduzidos aos contos inventados para as verdades que estão guardadas na memória desses pioneiros.  Tem gente dotada de informações interessantíssimas que ameaçam poderes constituídos que deverão levar, mesmo, infelizmente, para o túmulo, as odisséias desse sertão. Torço com fervor para que rompam esse pacto e decidam escrever sobre os conchavos destronando os falsos. 

Sorrisos também podem ser fraudes
Quando você se apaixonar procure por pessoas organizadas. Principalmente, se ordem está longe de ser qualidade maior na sua história. Esse arranjo validará sua criatividade lúdica, ouro de aprendiz. Será, mesmo, uma disposição conveniente essa disciplina. Transportará seu caos para a tranquilidade da boa administração. Que admiração pelos que tem harmonia, são práticos, adotam posições. Que lindo esse modo de ser!

Eleições visionárias
Na Zebulândia as preocupações circulam pelos arredores da cercania de um desenvolvimento em ponto de explosão. Enquanto os destinos da cidade são decididos por grupos fragmentados pela luta de poder, os vieses de interesses pessoais norteiam as negociatas que nascem no berço de desemboque e seguem ligeiras pelos arredores do Pontal do Triângulo. Nada está esmiuçado, apenas, num município. As amarrações seguem firmes destino 2014. Articulistas, em nada, são míopes. Vivendo de hoje só os manipulados pelo singelismo do prazer miojo.

Sintomas de uma vida carente de essências
Lembre-se: se você tem tramas e traumas em seus bastidores, pode ser que eles tenham sido forrados de desorganizações e dessas imperfeições, construídas suas categorias. Aos filhos dos dias de alvoroço, herdeiros dos reinos de inquietações, sobreviventes de bandeiras opositoras, uma dialética da resistência: resiliência. Seja um abalo. Em mim pouco há de formas regulares e tenho conseguido, todavia aprendi com lágrimas uma lição: aceite o cuidar.


A maravilhosa Selma e seus lindos "Eduardos". Que família especialíssima e feliz! Um momento inesquecível, a comemoração do aniversário do caçula Eduardinho, que celebra cinco aninhos, preparando para dias incríveis ao lado do inteligente e bonito irmão Eduardo e dos pais corujas! Parabénssssss!

Amizade é um presente da vida para os nobres. Nesse momento lindo de união Tatiane Braga Junqueira vem homenagear a linda Renata Moreira Micheli. Noiva do fim de semana vive um momento raro e especial. A amiga, sempre ao lado, sempre pronta para aplaudir e desejar felicidades. O caminho do amor passa pelo enlance, passa pela escolha de pessoas especiais em construção de dias felizes.

No fluxo
O que sobra é gente com espírito de carro e carro com espírito de gente. Ora, pois, numa cidade que tem uma frota gigante a pessoa tinha que pensar milhares de vezes antes de sair andando desembestada pela rua. Claro, claro, a maioria dos passeios é uma cilada, mas ainda é possível vencer as armadilhas. Melhor do que pensar: sou um automóvel e querer uma vaga na via.  Da mesma forma tem muito motorista metido a pedestre. Estacionam, literalmente, o carro em cima da calçada, param na faixa sem o menor rubor nas faces, e, quando querem enfiar em um local que precisa atravessar o passeio já chegam, chegando. Seta é uma obrigação, que na Zebulândia, virou lenda: todo mundo conhece, mas ninguém vê.

E para um domingo de doçuras...
Quando você se apaixonar não desista dos importunos. Sim! Os aborrecidos nos movem. Eles trazem um condimento na bagagem que, devidamente, apurados os excessos, vistos sem manha, sem mimo, reluzirão lealdade. São leais consigo, pelo outro, na vida, que sagradamente merece honestidade. Entenda as chatices. Elas podem, até, causar enfado, mas não desenvolvem disposição para enganar. Nem sempre, mas às vezes, é melhor um conflito do que se afigurar ser o que não se é! Chatos não são quimeras.


 
O movimento, a pulsação, a sofreguidão, são, ainda, muito pouco. O sonho, a esperança, a destemperança, orgias de um corpo em vão diante de um raciocínio contaminado pelo coração. Adoecer e sarar pleno e competente que dá sentido e remove a alegria em desatinos torpes que precisam revolucionar o nascer dessa expressão enfiada na célula. Profunda e pronta para desaguar... Nobres comprovações do medo e da satisfação, inigualáveis, desse novo mundo que tem nome. Passa a ser seu lar, seu motivo, sua intenção.

Ah! O amor. Então, apesar de tantas condenações, indisposições, desilusões.
Sim! O amor é a resposta.
E quando você se apaixonar não faça por menos: que seja seu grande amor!

Bom domingo!
Bjxxx Silbor