Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Cláudio Humberto

ACESSIBILIDADE: A A A A
Claúdio Humberto 16/02/2014
Claúdio Humberto
ch@claudiohumberto.com.br
Claudio Humberto

“Não podemos rasgar o que o povo manda”

Senador Cristovam Buarque (DF-DF) sobre o projeto que pretende legalizar a maconha

 

Vacinado, PT-PE evita confronto com Campos

Desconfiado de que o ex-presidente Lula trabalha para substituir Dilma Rousseff na disputa pela Presidência, o PT de Pernambuco decidiu evitar confrontos diretos com o governador Eduardo Campos (PSB), cotado nos bastidores para ser o vice do petista. Segundo dirigentes, “é melhor segurar a onda e observar bem os movimentos de Lula, para não acabar rifado”, como ocorreu nas eleições de Recife, em 2012.

 

Recordar é viver

A intervenção de Lula em 2012, sacrificando candidatura de Humberto Costa (PT) em Recife, levou à vitória do candidato de Eduardo Campos.

 

Espelho meu

Para políticos de Pernambuco, aos moldes do padrinho Lula, Campos não pensaria duas vezes para rifar Marina Silva e subir ao poder.

 

Circo armado

Ministros recém-saídos do governo garantem que Lula está com tudo preparado para disputar a Presidência. Resta saber se Dilma já sabe.

 

Já foi tarde

Horário de verão poupou R$ 405 milhões, uma merreca, considerado o custo à qualidade de vida. A Mega da Virada rendeu o dobro ao erário.

 

Dilma precisa arrumar um namorado, diz Lula

Habituado à rotina de receber políticos, empresários e banqueiros, que o procuram para se queixar de “maus tratos” de Dilma Rousseff, o ex-presidente Lula tem uma resposta na ponta da língua, que apresenta como “solução” para o jeito búlgaro de ser da presidenta, arrancando gargalhadas. “Dilma precisa arrumar um namorado...” E ainda dá um jeito de fazer o governo atender o que ela nega aos interlocutores.

 

Governo-sombra

Lula mantém um governo paralelo, formado por pessoas de confiança e até ex-ministros como Antonio Palocci, para monitorar o governo Dilma.

 

Futuro

Sempre que é indagado sobre o “governo-sombra” no Instituto Lula, ele desconversa: “São pessoas dedicadas a discutir o futuro do Brasil”.

 

Tomando pulso

“Futuro”, para Lula, é a eleição. Ele e sua turma avaliam a situação todo dia: se a reeleição de Dilma estiver ameaçada, será ele o candidato.

 

Quem diria...

Nunca antes na história deste País houve tantos petistas querendo trabalhar. O mensaleiro João Paulo Cunha, que já foi metalúrgico, agora topa até uma vaga de auxiliar jurídico, para só dormir na cadeia.

 

Ídolo

A bancada do PT é só elogios ao presidiário Delúbio Soares que, diferentemente dos outros mensaleiros petistas, optou por manter a discrição, após iniciar sua pena na Papuda, em Brasília. 

 

Novo portal

Após exigências da presidenta Dilma e atraso de meses, o novo portal do Planalto será lançado na próxima semana. Dilma ficou irritada porque viu imitação da página da Casa Branca, que ela mesma havia pedido.

 

Cabo de guerra

Senadores do PMDB cobram reação mais dura do líder Eunício Oliveira (CE) à postura da presidenta Dilma na reforma ministerial. Dono de cargos, o presidente Renan Calheiros (AL) coloca panos quentes.

 

Bem longe

Preterido para assumir ministério, o senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) tem evitado participar de reuniões do partido, onde peemedebistas não deixam por menos e fazem arder as orelhas da presidenta Dilma.

 

Lá vem bala

No Pará, a cidade de Marabá que, de tão violenta, ganhou apelido de “Marabala”, 386 pessoas conseguiram do Ministério da Justiça a permissão para portar armas de fogo. Em 2013, foram 29 concessões.

 

Dólar paralelo

Promovida pelo governo ao reajustar tarifas nas compras nos cartões no exterior, a crise da falta de dólar desencadeia a volta dos doleiros do mercado negro. Pode faltar máquina para tanta lavagem. 

 

Zumbis

O senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) tem sido incluído entre os “zumbis” que se inviabilizaram após se aliar a Eduardo Campos: André de Paula (PSD), Joaquim Francisco (PSB) e Mendonça Filho (DEM). 

 

Vaquinha mia

Infeliz era Al Capone: amargou cadeia por sonegar imposto de renda e ninguém da Máfia coçou o bolso para tentar tirar o meliante de lá.

 

PODER SEM PUDOR

Entranhas de um protesto

Competente âncora do Jornal Gente, da rádio Bandeirantes SP, José Paulo de Andrade se preparava para entrevistar o ex-presidente Jânio Quadros, candidato à prefeitura de São Paulo. Esbaforido e apoiado por amigos para subir os degraus, Jânio chega ao estúdio. 


- Presidente, o senhor continua a beber?

Zé Paulo esperava uma resposta ríspida, mas Jânio o surpreendeu:


- Meu fígado protesta! Há muito que eu não bebo. 

_

Com Ana Paula Leitão e Teresa Barros

www.diariodopoder.com.br