Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Cláudio Humberto

ACESSIBILIDADE: A A A A
Claúdio Humberto 12/04/2014
Claúdio Humberto
ch@claudiohumberto.com.br
Cláudio Humberto

“Quero entregar a decisão ao maior número possível de militantes”

Junior Friboi, bilionário que tenta garantir candidatura do PMDB ao governo de Goiás

Joaquim prende na gaveta o semiaberto de Dirceu

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, brecou a análise do pedido de trabalho externo do ex-ministro José Dirceu, que tem direito ao regime semiaberto desde janeiro. O pedido foi suspenso pela denúncia de uso do celular na Papuda, desmentida pelas investigações. A lei prevê prioridade porque Dirceu é idoso (68 anos) e está preso. A coluna procurou saber as razões de Joaquim Barbosa, mas sua assessoria apenas informa que o assunto está “sob análise”.

Urgentíssimo

José Luiz de Oliveira Lima, advogado de José Dirceu, ingressou no STF com medida cautelar incidental em caráter “urgentíssimo”.

Longa gaveta

A defesa pede que o plenário do STF discuta o agravo regimental de Barbosa engavetando há 4 meses o pedido de semiaberto para Dirceu.

Pareceres favoráveis

Joaquim não parece interessado nos pareceres favoráveis do Ministério Público e Vara de Execuções Penais para o trabalho externo de Dirceu.

Direito suprimido

O ex-ministro é o único a quem é negado regime semiaberto. Até João Paulo Cunha, último a ser preso, em fevereiro, já tem trabalho externo.

Dilma pode devolver feudo da Funasa ao PMDB

De olho em segurar apoio para sua reeleição, a presidenta Dilma negocia devolver para o PMDB o comando da Fundação Nacional da Saúde (Funasa), um dos órgãos com maior verba dentro do Ministério da Saúde, que foi comandada pelo partido de 2005 até 2011. Ligado ao PT de Minas, o presidente da Funasa, Gilson Queiroz, já foi exonerado, sem alarde, no último dia 28 de março para abrir a vaga ao PMDB. 

Maior moita

Pivô de crise entre PT e PMDB, a Funasa está há duas semanas sob a presidência interina do diretor-executivo, o engenheiro Flávio Gomes.

Rombo histórico

O PT faturou o comando da Funasa em 2011, após a Controladoria-Geral da União apontar desvios que superam os R$ 500 milhões.

Faxina

Na época das denúncias, o então presidente Faustino Lins, ligado ao deputado Henrique Alves (PMDB-RN), foi demitido e trocado pelo PT.

O passado condena

Presa há um mês no aeroporto de Guarulhos com 300 mil euros na calcinha, Nelma Kodama, ou Nelma Cunha, é velha conhecida da CPI dos Bingos com a Havaí Câmbio, de Santo André. Se abrir a boca...

O desaparecido

A foto de perfil no Twitter do PT na Câmara precisa urgente de retoque “à la Stálin”, muito ao gosto de regimes esquerdopatas: o deputado André Vargas (PT-PR) está com o fatídico punho erguido.

Se colar, colou

Instalado em mansão no Lago Sul, em Brasília, José Genoino escapa de pena de prisão na Papuda. Neste sábado se submete a exames para ver se o consideram com o pé na cova. É sua quinta tentativa.

Um caso de morte

O corpo do engenheiro da Siemens Rodney Wilmot, 65, foi devolvido à viúva na Inglaterra sem os órgãos internos, por falta de recursos dos patologistas em Ouro Branco (MG), diz o jornal Western Gazette. Teria sido morte natural, mas o laudo no Brasil permanece inconclusivo.

Adeus, AM

Cerca de 80% das rádios AM brasileiras solicitaram ao Ministério das Comunicações autorização para migrar para a faixa de FM. Foram um total de 1.386 pedidos de migração, das 1.781 emissoras existentes.

Te cuida, Wagner

O ministro José Eduardo Cardozo (Justiça) admitiu a colegas que teme que denúncias contra a Petrobras respinguem no governador da Bahia, Jaques Wagner, membro do conselho da estatal quando da compra da refinaria dos EUA. Ele indicou Sérgio Gabrielli para chefiar a Petrobras.

Game of Thrones

Homem de confiança da governadora Roseana Sarney (PMDB-MA), o senador João Alberto é cotado para disputar sua sucessão em lugar de Lobão Filho, com quem a família Sarney tem dúvida sobre dividir feudo.

Pressa não ajuda

O governo tenta aprovar no Senado o Marco Civil da Internet até o dia 22, antes do Encontro Multissetorial sobre o Futuro da Governança da Internet. Esta semana, a “pressa” do governo tirou Gim Argello do TCU.

Santo do Dia

Com Dilma atribuindo a inflação à falta de chuva, São Pedro finalmente entrou para o rol dos culpados das crises no país.

PODER SEM PUDOR

Como faz um amigo

Mário Soares presidia Portugal, em 1995, e saboreava altos índices de aprovação. E viajava muito. Certa vez, em Túnis, provocou escândalo ao receber em almoço, na embaixada portuguesa, o socialista Bettino Craxi, foragido da Justiça italiana e exilado na capital da Tunísia. A imprensa chegou a sugerir o impeachment de Soares. Havia grande excitação quando Soares retornou a Lisboa. Diante dos jornalistas, ainda no aeroporto, ele deu uma declaração (na verdade, uma lição):

- Portugal não tinha chances de entrar na Comunidade Europeia até Bettino Craxi, primeiro-ministro da Itália, assumir sua presidência. Foi Craxi quem nos colocou na União Européia. Ele é um amigo de Portugal. É meu amigo. E eu não deixo cair os amigos.

Foi embora. E nunca mais se falou no assunto. Craxi morreria no exílio.