Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Cláudio Humberto

ACESSIBILIDADE: A A A A
Claúdio Humberto 13/01/2015
Claúdio Humberto
ch@claudiohumberto.com.br
Claudio Humberto

“O estado de SP e a Sabesp têm que estar preparados para o pior”

Novo presidente da Sabesp, Jerson Kelman, sobre como enfrentar a crise de água

 

Aparelhamento rende R$ 133 milhões a petistas

O último balancete mensal entregue ao Tribunal Superior Eleitoral pelo PT demonstra que as contribuições de parlamentares e outros filiados em cargos de confiança somaram mais de R$ 26,7 milhões de janeiro a novembro de 2014. Como o dízimo máximo a ser pago ao partido é de 20%, o aparelhamento garantiu, só no ano passado, mais de R$ 133,5 milhões de salário líquido no bolso de petistas com cargos no governo.

 

Desrespeito...

Dos 32 partidos, metade não cumpriu a determinação do TSE que fixa a entrega do balancete em ano eleitoral até o 15º dia do mês seguinte.

 

... vira deboche

Cinco partidos (PDT, PV, PRTB, PCO e PCB) fizeram pouco caso do TSE e não entregaram nenhum balancete mensal no ano passado.

 

Exemplar

Com os gastos limitados a exatamente o valor das receitas, a regra usada no partido deveria ser copiada pelo governo nas contas do País.

 

Artista

O balancete petista possui 21 páginas e é assinado pelo famoso João Vaccari Neto, tesoureiro do PT e enrolado no escândalo do Petrolão.

 

Aflitos, ministros vão alertar Cedraz sobre o filho

Advertidos por órgãos de controle envolvidos na apuração do Petrolão, colegas ministros devem procurar o presidente do Tribunal de Contas da União, Aroldo Cedraz, para alertá-lo sobre necessidade de afastar a influência de seu filho, advogado Tiago Cedraz, da gestão da principal Corte de contas do País. Tiago foi fisgado pela operação Voucher, da PF, e também citado na Operação Lava Jato em depoimento de policial

 

Grana viva

O policial federal Careca afirmou ter levado dinheiro por duas vezes no escritório de Cedraz, uma casa no Lago Sul, bairro nobre de Brasília.

 

Operação Voucher

Tiago foi acusado de conseguir a investigados acesso a informações privilegiadas. Ele admitiu, em 2013, que defendia 150 clientes no TCU.

 

Irregularidades

Segundo denúncia da Polícia Federal, o advogado foi contratado pela ONG Ibrasi, investigada no TCU por participar da “máfia do Turismo”.

 

Até agora escapou

Membro do núcleo duro do governo, o secretário-Geral da Presidência, Michel Rossetto (PT-RS), tem tanto prestígio com a presidenta Dilma Rousseff que é um dos raros ministros que não levam broncas públicas

 

Arrocho

O ministério que mais sofreu com a tesourada presidencial de Dilma foi o da Educação, perdeu R$ 500 milhões. O corte foi anunciado dias após a troca do lema do governo federal para “Brasil, pátria educadora”

 

Chefiar o Congresso...

A cúpula do PMDB está sob alerta com a movimentação da presidenta Dilma Rousseff, que trabalha para inflar o PSD de Gilberto Kassab e o PROS de Cid Gomes a fim de diminuir o poder de influência do partido.

 

... para evitar rasteira

Para ex-ministro de Aviação Civil Moreira Franco (RJ), fiel escudeiro do vice Michel Temer, “nas atuais circunstâncias, ganhar a presidência da Câmara e do Senado é uma questão de sobrevivência para o PMDB”.

 

Cabo eleitoral

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), está em alta com o deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ). O tucano ganhou uma foto em destaque de quase meia página no site do parlamentar.

 

Escolhendo adversário

Os ataques do líder do PMDB, Eduardo Cunha (RJ), ao PT foram vistos por adversários como tentativa de polarizar com Arlindo Chinaglia (SP) na briga pelo comando da Câmara, isolando Júlio Delgado (PSB-MG).

 

Ninho de ouro

O inquilino do apartamento funcional do Superior Tribunal Militar na 304 Sul, em Brasília, vai receber o espaço novo em folha. O tribunal gastou quase R$312 mil para repaginar lugar. Mês passado, só com reformas, o STM torrou mais de R$ 3,7 milhões e outros R$ 800 mil em alugueis.

 

Quem explica?

Apesar de o novo governo do Distrito Federal afirmar que há um rombo nas contas, há casos de pessoas pedindo que a Secretaria de Fazenda “pelo amor de Deus” calcule Imposto sobre Transmissão Causa Mortis, mas recebem prazos de até 190 dias para gerar a guia de recolhimento

 

Pergunta na escola

Após seguidas fraudes com o vazamento de provas, a ideia do “Enem online” é estúpida ou estupenda?

PODER SEM PUDOR

‘Democracia’ garantida

Nos anos 40, apesar do fim da ditadura Vargas, o poder político era definido segundo a vontade dos “coronéis”, no interior. Era o caso de São Caetano, no agreste pernambucano. Lá, mandava o “coronel” João Guilherme. Na primeira eleição após o Estado Novo, ele destacou capangas para o trabalho, digamos assim, de “boca de urna”: ficavam nas proximidades dos locais de votação perguntando aos eleitores se eles votariam no candidato do coronel. Se a resposta fosse “não”, os eleitores ouviam a “sugestão”:

- Acho melhor o senhor não votar, não. É para não atrapalhar a democracia.