Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Cláudio Humberto

ACESSIBILIDADE: A A A A
Claúdio Humberto 23/02/2013
Claúdio Humberto
ch@claudiohumberto.com.br
Cláudio Humberto - 23/02/2013

“Em dez anos, o PT construiu um Brasil muito melhor”
Senador Humberto Costa (PE), leal ao PT apesar de traído na última eleição do Recife

Dilma disse a Brizola que ele continua ministro
Fonte do Palácio do Planalto, próxima à presidenta Dilma, contou que há dias ela fez questão de telefonar ao ministro Brizola Neto (Trabalho) para confirmá-lo no cargo. Ressalvou que nem precisa fazer aquilo, mas diante das especulações, esclarecia não pretender qualquer reforma ministerial, nem estava em seus planos substituí-lo no cargo. E mesmo que fosse sua intenção, ela jamais seria pautada pelos jornais.

Nome vetado
Parte do PDT quer impor o secretário-geral Manoel Dias no lugar de Brizola Neto. Mas Dilma o vetou, ao definir substituto para Carlos Lupi.

Pires na mão
O catarinense Manoel Dias pede frequentemente uma diretoria da estatal Eletrosul, com sede em Florianópolis. É solenemente ignorado.

PT à espreita
Dilma tem dito a interlocutores que se tivesse de substituir Brizola Neto, o ministério do Trabalho “provavelmente” voltaria para o PT.

Segue a vida
Ontem, Brizola Neto demonstrou força, empossando o jurista Carlos Frederico Zimermann como representante do ministério em São Paulo

Senado define os presidentes das comissões
Após intensas negociações, os líderes dos partidos da base governista já definiram aqueles que vão presidir as comissões mais importantes do Senado. Blairo Maggi (PR-MT), por exemplo, chefiará a Comissão de Fiscalização e Controle, enquanto Ricardo Ferraço (PMDB-ES) ficará à frente da Comissão de Relações Exteriores, e Fernando Collor (PTB-AL) voltará a presidir a disputada Comissão de Infraestrutura.

Tá russo
Dilma vai se encontrar com o presidente russo Wladimir Putin. Na África do Sul discutirão “cooperação esportiva” para a Copa. 

Eles também choram
Se o governo do PT “é do povo, para o povo, pelo povo”, plagiando Lincoln, banqueiros, Eike Batista e mensaleiros são puro povão.

Cuba fashion
A jornalista e blogueira Yoani Sánchez usou por dois dias a mesma roupa do desembarque no Brasil. Só mudou ontem, em São Paulo.

Melhor prevenir
Yoani Sánchez ainda não sabe se vai ao 26º Fórum da Liberdade, em Porto Alegre. Tem motivos. O governador Tarso Genro (PT) foi aquele que deu um jeito de devolver na marra dois pugilistas à ditadura Cuba. 

Banco de talentos
Até ontem, Roberto Setubal orgulhava-se de comandar um banco de talentos, como se definem os executivos do Itaú. Ele esticou o próprio mandato em dois anos, até 2017. Ficou evidenciado que o Itaú não tinha sucessão pronta, nem planejada, e que lhe faltam lideranças.

Anamatra tem candidato
O desembargador Claudio Brandão tem o engajamento da Anamatra, associação de magistrados da qual foi diretor, para virar ministro do Tribunal Superior do Trabalho. O problema é que Dilma não esquece: a Anamatra denunciou o Brasil na OEA por não dar aumento aos juízes.

Caixa-preta
A 11ª Vara Cível de São Paulo acatou mandado de segurança de um pecuarista para ouvir dirigentes do Banco Central sobre a indicação à presidência do banco JBS de indiciado no mensalão, ex-Banco Rural. 

Dinheiro no lixo
Uma pesquisa da Fundação Getúlio Vargas com a Universidade de Munique (Alemanha) coloca a Venezuela em último lugar para fazer negócios na América Latina. Mas o governo petista não desiste.

Plantão remunerado
Chama-se Wesley Caçador o militóide que ameaçou “mapear” o deputado Mendonça Filho (DEM-PE), na visita de Yoani Sánchez à Câmara. Era horário de trabalho, e ele deveria estar na Secretaria de Administração Pública do DF, onde “morde” uma assessoria. 

Números do calote
O Ministério do Turismo negou dívidas de passagens aéreas, e até obteve declaração nesse sentido de sua agência de viagens. Mas documento de posse do TCU aponta um “beiço” de R$ 34.327,38. Já a dívida do Ministério do Esporte é dez vezes maior: R$ 327.682,94.

A favor da maré
O “serrista” Vanderlei Macris (PSDB-SP) já defende a candidatura do senador tucano Aécio Neves (MG) à presidência em 2014. “Chegou a hora, não tem mais como negar a ele esta oportunidade”, afirma.  

Amado mestre
O ex-presidente Lula, que topa “debater corrupção”, já venceu: não existem contendores com tal currículo honoris causa no assunto.


PODER SEM PUDOR

O segredo do poder
Empossado governador de Minas, nos anos 40, Milton Campos marcou audiência com uma comissão de correligionários de Curvelo, à frente o deputado Raimundo Sapateiro, o único trabalhador eleito pela UDN. Como Campos demorou a receber o grupo, Sapateiro acabou cochilando numa confortável poltrona da ante-sala. O próprio governador o despertou:
- Então, Raimundo, já conhecia o palácio? Gostou?
- Gostei muito, governador. E só agora entendi por que os políticos brigam tanto pelo poder. É porque ele é muito macio...