Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Cláudio Humberto

ACESSIBILIDADE: A A A A
Claúdio Humberto 12/06/2013
Claúdio Humberto
ch@claudiohumberto.com.br
Cláudio Humberto

“Devagar com andor. Isso não corresponde aos fatos”
Deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), que não vê crise na base de apoio a governo

Governo manobra para efetivar ‘cumpanherada’
O PT bolou um jeito de “efetivar” como servidores a “cumpanherada” que aparelha cargos de confiança desde o início do governo Lula, em 2003. O Edital nº 48, do Ministério do Planejamento, publicado na sexta (7), abre “concurso” curioso, que prevê pontuação alta para quem tem “experiência” e pontuação baixa para nota mínima nas provas escritas – afinal, qualificação não é o forte dos que ocupam esses cargos.

O dízimo agradece
O concurso para “Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental”, sob medida, oferecerá R$ 13.400 de salário inicial.

Para que PhD?
Qualificação para quê? Candidato com doutorado, mestrado etc terá de escolher um dos títulos para somar no máximo 50 pontos, no concurso. 

Pulo do gato
Cada ano de “experiência” rende 15 pontos em período máximo de 10 anos. A petelhada acumulará 150 pontos, contra 50 de quem tem PhD.

Só coincidência...
O Planejamento admite que valoriza em “maior grau” a experiência para contar com pessoas com bagagem profissional. Ah, bom.

Dilma afaga oposição e ofende governo português
A visita da presidenta a Dilma a Lisboa deixou um rastro de indignação no governo português. A revolta é grande, em razão dos excessivos afagos dela à oposição e pelas atitudes ríspidas em relação aos anfitriões, mas o primeiro-ministro Pedro Passos Coelho (PSD) proibiu assessores de expressá-la. Após herdar o país quebrado sob gestão do Partido Socialista, Coelho se viu obrigado a impor austeridade, para cortar despesas e obter crédito, e enfrenta as conseqüências disso. 

Influência?
Mário Soares saiu de longa reunião com Dilma pregando a queda do governo que tenta consertar os estragos feitos pelo seu partido, o PS.

Primeira desfeita
Dilma foi o primeiro presidente brasileiro a quebrar a tradição de iniciar por Portugal suas visitas oficiais na Europa. Antes foi à Alemanha.

De pijama
A presidente da Petrobras, Graça Foster, é a nova aposentada da empresa, acumulando o cargo, mais INSS e proventos da Petros. 

Milongueiro
O prefeito engraçadinho do Rio, Eduardo Paes (PMDB), ameaçou se “matar” se a Argentina vencer a Copa. Antes deveria comungar com o papa Francisco, que chega à cidade em julho e por acaso é argentino. 

Está russo
Em visita ao Brasil, o chanceler da Rússia, Serguei Lavrov, tentará convencer Dilma a optar pelos os caças Sukhoi-35 contra os franceses, suecos e americanos, transferindo tecnologia e sistemas anti-mísseis.  

Meu garoto
Com o Rio em destaque no noticiário internacional da bandidagem, um projeto da Assembléia Legislativa concede a medalha Tiradentes a Marco Antônio, filho do governador Sérgio Cabral.

Sem investimento
A empresa pública criada pelo governo Tarso Genro não tem recursos para investimentos e manutenção nas estradas que devem retornar ao governo estadual. Vai sobrar para o usuário das estadas gaúchas: a partir de 2014 vão ficar sem ambulância, sem guinchos e com buracos.

Confraternização
Nesta sexta-feira, véspera da abertura da Copa das Confederações, o governador do DF, Agnelo Queiroz (PT), vai oferecer um jantar ao presidente da CBF, José Maria Marin, e seu vice, Marco Pólo Del Nero. Todos os presidentes de federação estaduais foram convidados.

Outro lado
O Conselho Nacional do Ministério Público alega que os 4,8 milhões  de inquéritos enviados ao MP incluem processos liberados para diligências e que voltaram, contabilizando nova passagem. Em 2011, segundo o CNMP, 1,5 milhão foram enviados à polícia para apuração. 

Sorry, periferia
Mais de mil “progressistas” de 200 países estão em Canoas (RS) para o Fórum Mundial de Autoridades Locais de Periferia. Lula e o ministro que mentiu aos índios, Gilberto Carvalho (Secretaria Geral), estão entre os “periféricos” debatedores. 

Papagaios
O deputado distrital Washington Mesquita (PSD) descobriu o que falta nas cidades do Distrito Federal: “pipódromos” para todos, que o governo deverá bancar com seguranças e campanhas contra o cerol.

Pergunta ao Obama
Dá para descobrir no cipoal da vigilência interplanetária onde está “Rose” Noronha?

PODER SEM PUDOR
Elegância presidencial

O vaidoso Juscelino Kubitschek jamais negligenciava a elegância. Certa vez, num vôo do Rio para o canteiro de obras de Brasília, foi despertado pelo aflito ajudante de ordens, em meio a forte turbulência:
- Senhor Presidente, estamos em pane e o problema é grave.
JK trocou de roupa com calma, vestindo seu terno. Ajeitava o nó da gravata quando viu a cara de incredulidade do jovem capitão. O presidente sorriu:
- O avião pode cair. Não fica bem o corpo do presidente ser encontrado vestindo pijama.
___
        Com Ana Paula Leitão e Teresa Barros 
www.claudiohumberto.com.br