Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Cláudio Humberto

ACESSIBILIDADE: A A A A
Claúdio Humberto 27/07/2013
Claúdio Humberto
ch@claudiohumberto.com.br
Cláudio Humberto

“[Dilma] prefere manter o Estado inchado com 39 pastas, mantidas pelo contribuinte” 
Presidente do DEM, senador José Agripino, sobre o medo de Dilma de perder aliados

Fusão do PPS com PMN vai por água abaixo
Contrariando os planos do ex-governador José Serra (PSDB), que já contava com o novo partido Mobilização Democrática (MD) para servir de “janela” a aliados, o PMN deverá cancelar oficialmente a fusão com o PPS durante convenção amanhã (28), em São Paulo. De acordo com  secretária-nacional do PMN, Telma Ribeiro, “esta é a segunda tentativa frustrada de união entre as duas siglas”. A primeira foi em 2006.

Desrespeito
O PMN reclama que, depois de anunciar aos quatro cantos a fusão, o PPS passou a postergar o processo de criação do partido MD. 

Tô nem aí 
Procurada pelo PPS, Telma – que estava em Buenos Aires – mandou o partido tentar demover os presidentes estaduais de sepultar a fusão. 

Sem conciliação 
Presidente do PPS, Roberto Freire fez um apelo ao PMN para esperar a resposta do TSE à consulta sobre portabilidade do tempo de TV. 

Hora é agora
Segundo Freire, “com ou sem o PMN”, o PPS manterá o objetivo inicial de fortalecer a oposição para derrotar o PT, já desgastado, em 2014.

Lula candidato não seria eleito em 2014
Só um milagre do papa Francisco ou o descolamento do “criador” da “criatura” elegeriam o ex-presidente Lula numa possível candidatura presidencial em 2014, revelam os números da pesquisa Ibope/CNI mostrando Dilma com 31% de avaliação positiva. Na comparação do governo do ex com o atual, Lula se equivale a Dilma, com 42%, chegando a 50% no Ceará, com o governador Cid Gomes (PSB) bem avaliado. Dilma é melhor que Lula para 10% dos entrevistados.

Estamos aí
O “soçiólogo” petista Emir Sader teria vaga garantida num governo de Lindbergh Farias (PT) no Rio: ele é segundo suplente do senador. 

Mercotolos
Além do Brasil, a Bolívia também sofre com alta do preço do pão, após a Argentina privilegiar o mercado interno do trigo para repor perdas. 

Noves fora
O deputado Mário Feitosa (CE) garante que o PMDB aceita reduzir os cargos na Esplanada: “Hoje não temos um ministério de verdade”.   

Tiro no pé
Revoltados com a negativa do governo em conceder aumento salarial, funcionários da Infraero ameaçam entrar em greve na quarta (31). Fontes do Planalto dizem que é tudo o que Dilma quer para justificar a privatização já em vias dos aeroportos de Galeão (RJ) e Confins (MG).

GPS falhou
Integrante do recém-formado Brasília Vôlei, Elisângela chegou à capital e saiu de carro procurando um lugar para morar. Avistou o que julgou ser um condomínio aprazível, e perguntou na portaria se havia imóvel para alugar. Soube então que era a residência oficial do governador. 

Taxa de sucesso
Inexistente em São Paulo e em vários países desenvolvidos, o registro Radar da Receita, para exportar e importar, custa R$12 mil no Rio para expedição em 15 dias, com um despachante cobrando antes 50%. 
 
Investimento
O embaixador da Tailândia, Tharit Charungvat, em visita ao superintendente da Suframa, Thomaz Nogueira, revelou que uma fábrica de autopeças do seu país vai se instalar no polo de Manaus. 

O pior dos mundos
O Itamaraty deve R$800 mil em atrasados à ex-vice-cônsul do Brasil em Cingapura, Aurea Domenech, reintegrada na Justiça em 2006. Doente, teme ser exonerada após negarem o atestado para licença. 

Bota fé
A diversão ontem no Twitter foi pedir ao papa Francisco que tranque do lado de fora o prefeito Eduardo Paes e o governador Sérgio Cabral (PMDB), que lhe entregaram as chaves do Rio, como é tradição.

Faça o que digo...
Preparado para desembolsar R$ 6,5 milhões em reforma mobiliária, o TCU lançou uma cartilha para orientar órgãos e entidades governamentais na contratação e fiscalização de obras públicas.

Piada boliviana
Chanceler da Bolívia, David Choquehuanca reiterou na imprensa local que o governo do cocaleiro Evo Morales não poderá dar salvo-conduto ao senador de oposição Roger Pinto para não se prejudicar com uma “ilegalidade”, porque a Bolívia “cumpre leis internacionais”. Até parece..

Pensando bem...
... Santos Dumont não deve ter gostado do ministro indefeso Amorim presidir os festejos dos 140 anos de seu nascimento.


PODER SEM PUDOR
Senador aparecido

Quando Lula se preparava para ir embora, ao final do almoço, o então senador Aloizio Mercadante (PT-SP) apressou o passo para ser um dos primeiros a conceder entrevista aos repórteres concentrados à saída da casa do presidente do Senado. Acabou provocando um congestionamento, obrigando Lula a aguardar o fim da entrevista. O presidente não perdoou:
- Tá vendo por que não dá para nomear o Mercadante ministro? Ele adora aparecer...
- Bobagem, os senadores continuam mal falados, só que a TV agora mostra tudo ao vivo!

__
        Com Ana Paula Leitão e Teresa Barros 
www.claudiohumberto.com.br