Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Cláudio Humberto

ACESSIBILIDADE: A A A A
Claúdio Humberto 02/08/2013
Claúdio Humberto
ch@claudiohumberto.com.br
Cláudio Humberto

“Precisamos deixar de ser reféns dessa ação” 
Ministro do STF, Gilmar Mendes, sobre o julgamento do mensalão

Dilma cobra ministros que têm baixo rendimento
Com medo de perder votações importantes no Congresso, a presidente Dilma cobrou dedicação integral dos ministros, sobretudo do petista Pepe Vargas (Desenvolvimento Agrário) e do peemedebista Antônio Andrade (Agricultura), detentores dos piores rendimentos no empenho de emendas parlamentares. As pastas recordistas na liberação dos recursos são Saúde, Cidades, Turismo e Integração Nacional. 

Prestando contas
Em reunião no Palácio da Alvorada, os ministros apresentaram relatório da execução das emendas relativas ao Orçamento deste ano.  

Ritmo lento
O Ministério da Educação, do queridinho de Dilma Aloizio Mercadante (PT-SP), também apresentou atraso no empenho das emendas. 

Chega de ‘burrocracia’
O presidente da Caixa, Jorge Hereda, responsável pela maior parte do processo de execução da verba, também entrou na roda de cobranças.  

Quimioterapia
Ministros que participaram da reunião com a presidente Dilma dizem que foi como uma “quimioterapia seca”, com foco direto nos problemas.  

Após espionagem, EUA elogia relação com Brasil 
Parece até desaforo, mas o embaixador dos Estados Unidos no Brasil, Thomas Shannon, afirmou ontem à agência italiana ANSA que as relações dos EUA com o Brasil são excelentes e que “estão crescendo em um ritmo impressionante”. A declaração foi dada semanas após esta Coluna revelar a existência de uma base de espionagem da NSA e da CIA – organismos de inteligência americanos – em Brasília. 

Apelou ao Mercosul
A descoberta de que a inteligência americana havia se instalado no país gerou desconforto diplomático e críticas da presidente Dilma. 

Invasão bárbara
Em julho, Dilma pediu a Shannon explicação sobre a bisbilhotagem americana, divulgada pelo ex-técnico da CIA Edward Snowden. 

Mal estar
A existência da central, localizada em edifício discreto no Lago Sul, veio à tona às vésperas da visita de Dilma aos EUA, em outubro.

Novo embaixador
Após integrar o staff da campanha do embaixador Roberto Azevêdo para a diretoria-geral da Organização Mundial do Comércio, Ruy Pereira será embaixador em Caracas, posto importante e desafiador.

Legítimo
É venezuelano e não colombiano o presidente mais ou menos eleito da Venezuela, Nicolás Maduro, diz a agência Efe. O registro, questionado por embaixador do Panamá na OEA, mostra que nasceu na fronteira.

Coração partido
Ex-namorada do ex-ministro José Dirceu, condenado no mensalão, Evanise Santos peregrina no Caminho de Santiago, na Espanha. Sua página no Facebook tem várias citações sobre o amor e a solidão. 

Biruta de aeroporto
O “pito” do ministro Mantega (Fazenda) no representante do Brasil no FMI reforça cara de governo “Mãe Joana”: em 2011, Dilma acenou com ajuda à Grécia, que Paulo Nogueira Batista recusou por medo de calote

Bicudo
O PSDB reagiu em nota às acusações de Dilma sobre o metrô em São Paulo, dizendo que a capital tem mais trilhos que México e Chile, e que o governo federal jamais investiu “um único centavo” no metrô paulista.

Pegadinha
Após o governo anunciar manutenção dos preços dos pedágios na Via Dutra e na ponte Rio-Niterói, em “resposta aos protestos populares”, o aumento médio de 1,4% saiu ontem no Diário Oficial da União. 

Agenda
Dilma deve comparecer com Lula à abertura oficial hoje, e ao encerramento domingo (4), do Foro de São Paulo, a destrambelhada reunião de “governos progressistas de esquerda” na capital paulista.

Ninguém merece
Para lançar campanha de amamentação, o Ministério da Saúde atrasou em uma hora sessão de cinema para bebês, em shopping em Brasília. Os pais, irritados, saíram sem ver o filme, assistido só por autoridades.  

Pensando bem...
...de tanto retroceder em decisões “irrevogáveis”, o Brasil vai cair de costas no abismo.


 

PODER SEM PUDOR

Só mesmo cutucando
Henrique Hargreaves era o influente ministro de Itamar Franco quando, certa madrugada, circulou que ele havia morrido. Uma repórter amiga ligou para sua casa. Atendeu a mulher, hoje dona de butique em Brasília:
- E aí, tudo bem?
- Tudo bem, mas já é meio tarde, não acha?
- Desculpe, mas é que estão dizendo que o ministro morreu...
A sra. Hargreaves reagiu com surpreendente bom humor:
- Olha, ele está aqui do meu lado, aparentemente vivo. Mas vou dar uma cutucadinha para ver se está tudo em ordem...