Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Cláudio Humberto

ACESSIBILIDADE: A A A A
Claúdio Humberto 18/09/2013
Claúdio Humberto
ch@claudiohumberto.com.br
Cláudio Humberto

“Isto aqui não é tribunal para ficar assando pizza, nem é bolivariano”
Ministro Gilmar Mendes (STF) sobre a pressão mensaleira para tudo acabar em pizza

Campos entrega cargos para impedir debandada
O pré-candidato a presidente Eduardo Campos (PSB) decidiu entregar os cargos do PSB no governo federal para se livrar da pressão do Planalto, que ainda pretendia seu apoio à reeleição da presidenta Dilma, e principalmente para impedir a debandada de aliados, que ameaçavam embarcar na candidatura de Aécio Neves (PSDB). O ultimato do PPS, revelado nesta coluna, expira nesta sexta-feira (20). 

Prazo fatal
A demora de Eduardo Campos dificultou negociações para filiar ao PSB, até o prazo fatal de 5 de outubro, candidatos para 2014.

Mais ou menos
O PSB elabora documento, que dever ser entregue a Dilma, colocando os cargos à disposição, mas sem anunciar ainda saída da base aliada. 

Panos quentes
O governador capixaba Renato Casagrande ponderou na reunião se o PSB não deveria “esperar um pouco mais” para entregar os cargos.

Aparelhamentos
Além do ministério da Integração Nacional e da secretaria dos Portos, o PSB possui atualmente cerca quinze cargos no governo Dilma.

UNE não presta conta de uso do dinheiro público
Não será em 2013, como estava programado, e talvez nem mesmo em 2014 a inauguração no novo prédio da União Nacional dos Estudantes, no Rio, no lugar da sede incendiada pela ditadura, em 1964. Lula deu R$30 milhões e lançou a pedra fundamental em 2010, Oscar Niemeyer doou o projeto de 13 andares, mas a obra não anda, e a UNE não explica por quê, após diversos contatos da coluna com sua assessoria.

No bolso
A UNE enricou e pela primeira vez na história não foi às ruas protestar contra os escândalos de corrupção da era Lula, inclusive o mensalão.

‘Subjetividades’
O assessor argumentou que a coluna é “muito irônica” e contestou a acusação de aparelhamento da UNE: “é uma questão subjetiva.”

‘Inadimplente’
Dona do monopólio das carteirinhas de meia-entrada, ela foi impedida pela Controladoria-Geral da União de fazer convênios com o governo. 

Confusão anunciada
Esta quarta-feira será emocionante, no Supremo Tribunal. O ministro Joaquim Barbosa não deixará barato eventual decisão do colega Celso de Mello que possibilite aos mensaleiros rever ou reverter suas penas.

Crise à vista
Há advogados militantes em tribunais de Brasília apostando que a capitulação do Supremo, ante os mensaleiros, pode levar à renúncia indignada, além de Joaquim Barbosa, do ministro Gilmar Mendes.

Sinal amarelo
Ainda não apertaram o botão do pânico, mas setores de Inteligência do governo temem confrontos nas manifestações em Brasília, após o voto do ministro Celso de Mello, no julgamento do mensalão. 

Dupla sertaneja
O cantor Zé Rico (da dupla com Milionário) filiou-se ao PMDB de Goiás, onde o empresário Júnior do Friboi é candidato a governador. Os dois têm tudo para forma uma nova dupla, em 2014: Bilionário e Zé Rico.

A Viúva é uma mãe
A Cia Nacional de Abastecimento (Conab), do Ministério da Agricultura, dispensou licitação para contratar as palestras “Como montar uma tropa de elite” e “Como conquistar o Everest”. São “motivacionais”, dizem na Conab. Mas não motiva o custo da brincadeira: R$ 43,7 mil.

Crise é oportunidade
A decisão do PSB de entregar os cargos que ocupa no governo Dilma levou o presidente do Senado, Renan Calheiros, a crescer o olho. Ele já articula indicações para os ministérios da Integração e dos Portos. 

Vai pegar fogo
O líder do PDT, André Figueiredo (CE), convidou a bancada para café da manhã nesta quarta (18) para “discutir” as denúncias de corrupção da turma do ex-ministro Carlos Lupi no Ministério do Trabalho. Ele é um dos chefes do esquema, segundo o ex-ministro Brizola Neto.

Dedos
nos buracos
A ministra Ideli Salvatti (Relações Institucionais) passou de bancada em bancada ontem na Câmara para tentar conter traições na base, que ameaçava derrubar veto de Dilma e acabar com a multa do FGTS. 

Olho vivo
De um falso Paulo Maluf ontem no Twitter: “Acho que a companheira Dilma não deve ir aos EUA. Eu mesmo não ponho mais os pés lá.”

PODER SEM PUDOR
Pobre gosta de luxo

A Juventude do PDT do Rio promovia um “angu à baiana” na Rocinha, em 1982, quando José Colagrossi, candidato a deputado, chegou à favela dirigindo uma reluzente Mercedes – na época, um carro reservado apenas a milionários. Questionado, Colagrosssi explicou que aquela era a velha, porque a nova só usava em “eventos sociais”. E ainda teorizou:
- Como o pobre vai acreditar que eu, candidato, poderei ajudá-lo se chego aqui dirigindo um Fusquinha?