Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Conexão Esporte

ACESSIBILIDADE: A A A A
Júlio César de Oliveira 12/03/2014
Júlio César de Oliveira
juliouberaba@uol.com.br
Conexão Esporte por Júlio César

Naça junta os cacos após rebaixamento
Enerson Cleiton

Os dois últimos dias no estádio JK foi de juntar os cacos após o rebaixamento para a Terceira Divisão do futebol mineiro. O diretor de futebol Luiz Alberto Cecílio (foto), disse ser o responsável pela montagem do time que acabou não dando certo. Ele espera que pessoas com ideias novas se unam com aquelas que hoje estão no JK para que em 2015 o time possa retornar com força total. A diretoria irá quitar os vencimentos de todos os jogadores e comissão técnica, pois futebol profissional em JK só no segundo semestre de 2015. Quanto aos jogadores que possuem contrato com o clube Luiz Humberto disse que eles serão emprestados para outras equipes.

Verdão demite
Wellington Fajardo não é mais técnico do Uberlândia Esporte. Durante uma coletiva de imprensa, na manhã de ontem, a diretoria anunciou a demissão do treinador. Fajardo deixa a equipe após conseguir a classificação para o hexagonal final do Módulo II do Campeonato Mineiro. Na sua última partida à frente do time, o Uberlândia foi goleado pelo Mamoré por 6 a 1. Para o lugar deixado por Fajardo, a diretoria do Verdão já tem um novo nome: Zecão, que antes era supervisor de futebol da equipe. Ele vestiu a camisa do Uberlândia como jogador na década de 1990 e agora assume o comando da equipe de forma interina.

1ª rodada
A Federação Mineira de Futebol (FMF) divulgou na noite de segunda-feira (dia 10), a tabela do hexagonal final do Módulo II do Campeonato Mineiro. A equipe de Montes Claros estreia no sábado (dia 15), contra o Uberlândia, no Parque do Sabiá, às 16h.  No grupo B, o Bicho fez 22 pontos e teve a melhor campanha entre todos os participantes na fase de grupos. No Leste do estado um clássico vai movimentar a primeira rodada do hexagonal. O Social enfrenta o Democrata-GV, no estádio Louis Ensch, no domingo (dia 16) às 10h. Além de Montes Claros, Social, Democrata-GV e Uberlândia, estão na disputa o Mamoré, de Patos de Minas e o Tricordiano que se enfrentam domingo às 10h no estádio Elias Arbex, em Três Corações.

Sem vaias
Joseph Blatter e Dilma Rousseff não farão discurso na abertura da Copa do Mundo, no dia 13 de junho, no Itaquerão. A revelação foi feita pelo próprio presidente da Fifa, em entrevista divulgada ontem. O objetivo do mandatário é evitar que as vaias que ele e Dilma sofreram na abertura da copa das Confederações-2013 se repitam. Em entrevista para a agência alemã DPA, ele afirmou que acha que a situação no Brasil "se acalmou", em relação aos protestos pelas ruas, mas que não acha que eles seriam válidos durante o período da Copa.

Aposta
O brasileiro Rubens Barrichello disse que o compatriota Felipe Massa vai “renascer” na Fórmula 1 após a mudança para a Williams. O atual piloto da Stock Car lembrou o sucesso da Brawn GP em 2009, quando a categoria também passou por uma profunda mudança de regulamento, para comparar com a situação de Massa nesta temporada. “Quem sabe 2014 seja para ele o meu ano de Brawn (2009), de renascimento? Mudar de escola às vezes faz bem. Ele se sentiu bem na casa da Williams, tanto como eu senti quando cheguei lá”, disse Barrichello em entrevista ao jornal O Estado de S.Paulo.

Esquema
Ontem o repórter e comentarista Lúcio de Castro foi às lágrimas na segunda edição do Bate-Bola da ESPN. Ao falar sobre sua reportagem intitulada “Dossiê Vôlei'', onde ele denuncia esquema de corrupção da CBV, ele não se conteve e interrompeu sua fala com a voz embargada. Na sequência, o comentarista Mauro Cézar Pereira continuou comentando a segunda parte da série de matérias que revelou um esquema de corrupção que teria desviado R$ 10 milhões de dinheiro público destinado ao vôlei para a empresa S4G Gestão de Negócios, cujo dono é Fábio André Dias Azevedo, braço direito de Ary Graça Filho, presidente da Confederação Brasileira de Vôlei.

Eleição relâmpago
Apesar das críticas de três dos quatro grandes clubes do Rio, Rubens Lopes seguirá no comando da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) até 2018. Em uma eleição relâmpago que durou apenas oito minutos e contou com um discurso inflamado de apoio do ex-presidente do Vasco Eurico Miranda, ontem, Rubinho foi reeleito por aclamação. A Assembleia na sede da entidade contou com a participação de times das séries A, B e C do Campeonato Carioca, além de ligas amadoras e times da capital que não disputam as principais divisões do Estadual. O Fluminense foi o único a não enviar representantes.

Goleador
O Santos de 2010 ficou conhecido por suas dancinhas, jogo ofensivo e por gols, muitos gols. Com Neymar, Paulo Henrique Ganso, André e cia., o time foi campeão estadual daquele ano marcando 72 gols em 23 jogos. Mas, torcedor santista, acredite: o time atual já fez algo a mais do que aquele: e sim, trata-se de gols. Com o mesmo número de jogos feitos, 13, o ataque atual do Santos marcou mais gols que o de quatro anos atrás, que ficou famoso exatamente por ser artilheiro. Já são 34 gols no atual Paulista, contra 33 daquele time nas mesmas 13 rodadas de Estadual.