Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Conexão Esporte

ACESSIBILIDADE: A A A A
Júlio César de Oliveira 03/04/2013
Júlio César de Oliveira
juliouberaba@uol.com.br
Em defesa

O atacante uberabense Eder Luis tem sofrido com as vaias da torcida do Vasco nos últimos jogos. Perseguido e colecionando atuações ruins, o camisa 7 recebe atenção especial do técnico Paulo Autuori. Recuperar o futebol do atacante motiva o comandante. Para isso, o treinador prega liberdade ao atleta. Constantemente, Eder Luis é visto no campo de defesa e se desdobrando para auxiliar na marcação. No ataque, pouco produz e aparenta cansaço antes do esperado. Equilibrar as funções do atacante é o objetivo de Paulo Autuori. Hoje, o Vasco enfrenta o Botafogo, pelo Campeonato Carioca, às 19h30.

Ao ataque
O Botafogo treinou na segunda-feira com dois atacantes entre os titulares. Seedorf ficou na academia, e o técnico Oswaldo de Oliveira deu uma oportunidade a Bruno Mendes na equipe principal, na vaga de Vitinho. Assim como ocorreu na última semana, Rafael Marque atuou recuado fazendo a função do holandês. O camisa 10 terá que cumprir suspensão automática e desfalcará o time de General Severiano no clássico de hoje, às 19h30, contra o Vasco. A equipe já tem seis pontos e tem dois jogos a menos que os demais times. A situação confortável no Grupo A da Taça Rio, o Botafogo não quer deixar essa situação esmorecer seus atletas. Prova disso foi a bronca dada por Oswaldo de Oliveira nos jogadores cobrando uma melhor marcação na saída de bola do time reserva.

Desfalques
No embate entre torcida e Alex Silva, o zagueiro levou a pior no Flamengo. Titular contra o Audax, o jogador nem foi relacionado para encarar o Remo, hoje, às 22h, pela Copa do Brasil, no Mangueirão, em Belém-PA. O atleta foi um dos mais criticados por torcedores na derrota por 2 a 1 para o Audax, no último domingo, pela Taça Rio. O volante Ibson também ficou de fora da lista de convocados para a viagem. O jogador entrou durante o segundo tempo da derrota para o Audax, mas já havia ficado de fora até do banco de reservas na vitória por 2 a 1 sobre o Bangu, na quarta-feira.

De volta
O confronto, hoje, às 22h, com o Rio Branco, do Acre, não será simplesmente o início da jornada de Dunga em âmbito nacional. Marca, também, a volta do Internacional a Copa do Brasil. Quatro anos depois de sua última participação, o Colorado quer usar a experiência acumulada nas edições recentes da Libertadores para se dar bem em um torneio eliminatório, tal qual as disputas continentais das temporadas anteriores. A ideia do Inter é explorar o histórico do clube em jogos eliminatórios. A essência da Copa do Brasil e também da Libertadores. Desde a última vez que jogou o torneio nacional, o clube gaúcho vagou pela América do Sul inúmeras vezes. A melhor campanha foi em 2010, com o título continental.

 Despedida
O Vasco sabe que não terá o zagueiro Dedé no segundo semestre. O diretor geral Cristiano Koehler e o técnico Paulo Autuori confirmaram o adeus em recentes entrevistas. Por isso, o clube abriu uma espécie de “contagem regressiva” e deseja lucrar ao menos R$ 17 milhões com a transferência do seu principal jogador. O compromisso atual vai até 2015, mas o capitão será negociado e não deve jogar mais pelo Cruzmaltino a partir do dia 30 de junho. Até o prazo estipulado nos bastidores, Dedé deve entrar em campo mais nove vezes com a camisa do Vasco. São quatro jogos pela fase de classificação da Taça Rio e cinco pelo Campeonato Brasileiro.

Mudanças
O site “Italiaracing” afirma que a FIA ordenou que a Red Bull, Lotus e Mercedes, três das quatro equipes que lideram o Mundial de construtores façam alterações em seus carros para o GP da China da semana que vem. Segundo a publicação italiana, o splitter (prolongação da parte dianteira do assoalho que fica entre as rodas e atrás do bico) dos modelos destes três times é muito flexível. Este tipo de artifício é usado para que a peça fique mais baixa com o carro em movimento, através da própria pressão exercida pelo ar, aumentando a eficiência aerodinâmica.

Apaixonada
Casada com Thiago Neves, a empresária Marcella di Biase mostra dedicação ao cuidar do jogador do Fluminense. O camisa 10 tricolor conta com a defesa da sua mulher para escapar das polêmicas e melhorar a sua imagem. O trabalho da publicitária, formada pela PUC, não se restringe somente ao escritório da empresa voltada para gestão de carreiras Fatto, da qual é sócia e que tem Thiago como um de seus clientes. Fanática pelo Fluminense, ela atua como porta-voz do meia e usa as redes sociais como escudo para críticas que o jogador recebe de sua torcida e dos rivais. Mãe de uma filha com Thiago Neves, Marcella usa a internet com muita regularidade. Com ajuda do Twitter e do Facebook, ela encontra tempo para “respirar” a rotina do jogador quase que 24h por dia. 


Destaques nas provas de Penning e Laço
O departamento de esportes do Jockey Club de Uberaba, realizou, na hípica do Jockey Park, o 1º Bolão - Working Penning com organização de Elaine Cristina Araújo e Márcio Batista Andrade, tendo como diretor responsável Renato de Oliveira Luiz Costa. Os resultados finais da prova foram: 1º) Pedro Antonio, 29s778; 2º) Delcides Novaes, 30s328; e 3º) Elaine Cristina, 31s058. Paralelamente foi realizada a prova 1º Bolão - Laço em Dupla (foto), com organização de Luis Felipe Nassif, Gilberto de Oliveira Dias e Reinaldo da Silva Marques. Com os primeiros colocados: 1º) Dudu MC e Ricardo; 2º) Antônio Dimas e Mário Caixeta (Araxá); e 3º) Planura e Márcio Massuda (Ibiá).