Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Conexão Esporte

ACESSIBILIDADE: A A A A
Júlio César de Oliveira 18/07/2014
Júlio César de Oliveira
juliouberaba@uol.com.br
Conexão Esporte por Júlio César

Brasil vence e avança à semifinal
Divulgação

Se a classificação do Brasil para a segunda fase da Liga Mundial de Vôlei Masculino veio apenas no último dos 12 jogos disputados, o avanço à semifinal foi muito mais “fácil”. Ontem, o time comandado pelo técnico Bernardinho suou, mas venceu a Rússia por 3 sets a 1 (26-24, 22-25, 25-23 e 25-22) pelo grupo I e garantiu a primeira vaga da semifinal. A classificação veio com antecedência porque, com a vitória de ontem por 3 a 1, a seleção brasileira obteve 3 pontos. A Rússia, que já fez seus dois jogos nesta fase, ficou com apenas 2 (zerou contra o Brasil e fez 2 pontos pela vitória por 3 a 2 contra o Irã no primeiro jogo do grupo). Brasileiros e iranianos encerram a fase hoje, às 12h30 (de Brasília).

Sem prestígio
A TV Globo não transmitirá o treino classificatório para GP da Alemanha de Fórmula 1 na íntegra, amanhã. A emissora publicou sua grade de programação, e nela consta apenas a exibição do Q3, a parte final da sessão que define o pole position apenas entre os dez primeiros classificados nas tomadas de tempo anteriores e dura 12 minutos. A F1 só começa na Globo, de acordo com a programação divulgada, às 9h48. A sessão terá a volta de Galvão Bueno à narração da categoria, após a Copa do Mundo. No período do Mundial de futebol, Sergio Maurício, do Sportv, ficou no comando dos GPs da Áustria e da Inglaterra na Globo.

Ao ataque
Um dos integrantes do movimento Bom Senso FC, o goleiro Rogério Ceni voltou a cobrar mudanças, criticou a Confederação Brasileira de futebol e pediu uma ação da presidente Dilma Roussef. “A derrota foi reflexo do nível dos times da Alemanha e do Brasil. Eu até acho a Alemanha superior, mas a diferença não é desse tamanho. Agora, as mudanças no futebol precisam vir de cima para baixo, de quem está no poder. Aqui, tem isso de se perpetuar, essa mania do brasileiro levar vantagem em tudo”, afirmou. O capitão são paulino também falou da falta de publico nos estádios, e disparou contra a falta de investimentos da CBF no futebol brasileiro.

Ney em xeque
A derrota por 2 a 1 para o Atlético-PR expôs mais uma vez os problemas enfrentados pelo Flamengo desde o início do Campeonato Brasileiro. Na partida da última quarta-feira, o time não apresentou evolução depois dos treinos no período da Copa do Mundo e ampliou a crise com a torcida. O técnico Ney Franco virou o principal alvo dos insatisfeitos. Sem vencer desde que retornou ao Rubro-negro, o comandante já enfrenta severos questionamentos internos. O técnico está há pouco mais de dois meses no cargo. Foram seis partidas - três derrotas e três empates. Mas o fato de a equipe repetir as falhas irrita dirigentes e torcedores.

Luto na arbitragem
O ex-árbitro Armando Marques morreu na madrugada de ontem aos 84 anos de idade, vítima de um quadro grave de insuficiência renal, no Centro de Emergência Regional do Leblon, no Rio de Janeiro. Polêmico, ele foi presidente da Comissão Nacional de Arbitragem e protagonizou lances que geraram muitas discussões em alguns jogos que apitou na carreira. Considerado como um dos principais nomes da arbitragem brasileira, Armando Marques apitou quase todas as decisões do Campeonato Brasileiro entre 1962 e 1973, além de finais estaduais como a do Paulistão de 1973, uma de suas maiores polêmicas.

O melhor
Apenas um jogador nascido no Brasil, o atacante Diego Costa, está concorrendo ao prêmio de melhor jogador do futebol europeu na temporada 2013/2014, que tem outros nove candidatos na disputa, entre eles Lionel Messi, Cristiano Ronaldo, além de três campeões mundiais com a seleção alemã. O jogador, que se naturalizou espanhol e que disputou a Copa do Mundo, acaba de trocar o Atlético de Madrid pelo Chelsea. Além dele, Neymar, do Barcelona, e Thiago Silva, do Paris Saint-Germain, receberam votos para a premiação organizada pela Uefa, mas não conseguiram avançar na disputa.

Cobrança
Contratado antes da Copa do Mundo pelo Fluminense, o zagueiro Henrique chegou com status de titular ao Tricolor após passar dez anos no Bordeaux-FRA, mas não teve uma estreia animadora na derrota por 3 a 2 para o Criciúma, na noite de quarta-feira (dia 16), pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ele falhou em dois gols do adversário e ainda “cometeu” o pênalti inexistente apontado pela arbitragem sobre Paulo Baier no primeiro tempo.

Loco de volta
Apesar da derrota para o Sport na última quarta-feira (dia 16), o torcedor do Botafogo tem motivo para comemorar. Isso porque o clube acertou o retorno do ídolo Loco Abreu. O uruguaio defenderá o Botafogo por empréstimo até o fim do ano. O retorno ainda não foi oficializado pelo Alvinegro. As conversas se iniciaram durante a Copa do Mundo e o presidente Maurício Assumpção foi quem fez questão de fazer parte das negociações.