Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Conexão Esporte

ACESSIBILIDADE: A A A A
Júlio César de Oliveira 08/11/2014
Júlio César de Oliveira
juliouberaba@uol.com.br
Conexão Esporte

Varzeano nas quartas de final

O Campeonato de Futebol Varzeano, promovido pela Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel), com organização de
Hélio França de Oliveira (foto), entra nas quartas de final. Os jogos de amanhã são: Nossa Senhora da Abadia x Leblon, às 14h30, no Valdirão; Josa Bernardino x Jardim Primavera, às 16h30, no Valdirão; Costa Teles x Pacaembu, às 14h30, no Zé do Tiro; e Amoroso Costa x Ilha do Marajó, às 16h30, no Zé do Tiro.

Melhor Idade
O Curso de Educação Física da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM), por meio da disciplina de fundamentos da ginástica, promove hoje, a 3ª Olimpíada da Melhor Idade, com início às 7h30 e término  às 11h, no Uirapuru Iate Clube (UIC). As inscrições são gratuitas e podem ser feitas na secretaria do Curso de Educação Física da UFTM, na Unimed Saúde Integral, na Ginástica Orientada dos polos do Quartel, ABCZ e na UAI, ou enviando a informações - nome, idade e fone de contato para o e-mail: regina@ef.uftm.edu.br. Mais informações pelos telefones 3318-5973 ou 9129-1748.

Alterações
A tarde de quinta-feira foi marcada por mudanças em jogos de São Paulo e Palmeiras no Nacional. No caso são-paulino, há uma polêmica pela antecipação da partida contra o Internacional. Não à toa: a instabilidade da tabela do Brasileiro-2014 virou regra. A CBF executou um total de 137 mudanças em datas, horários ou locais de jogos até a 35a rodada. São diversas as explicações para as modificações de jogos feitas pelas confederações. Entre elas, as mais frequentes são coincidências com partidas de outras competições, reivindicações da Globo, estádios fechados ou abertos para a Copa, venda de mando de campo para outras praças e punições do STJD. Há partidas que tiveram seus dados alterados quatro vezes.

Descontente
O Internacional oficializou seu descontentamento com a nova data do jogo diante do São Paulo, dia 12 e não mais 19. Ontem, o vice-presidente Marcelo Medeiros fez um pronunciamento de repúdio pela decisão da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) onde também pediu que o confronto com o Goiás, subsequente à partida no Morumbi, seja remarcado. E ainda deixou no ar a possibilidade de ingressar no STJD caso não tenha a solicitação atendida. “O Internacional foi surpreendido com esta decisão e estou aqui para fazer uma manifestação de protesto e indignação [...] No mínimo, com a data mantida, a CBF precisa transferir o jogo com o Goiás de sábado para domingo”, disse Marcelo Medeiros.

Dúvida
Substituído aos 15min do segundo tempo do empate por 3 a 3 com o Cruzeiro, na última quarta-feira (dia 5), o atacante Robinho virou um problema para o Santos. Exames identificaram um edema na coxa esquerda do jogador, que está sendo submetido a tratamento intensivo e pode desfalcar a equipe do litoral no clássico contra o Corinthians, no próximo domingo, em Itaquera. Robinho iniciou ainda na última quinta-feira (dia 6) uma série de tratamentos intensivos no local afetado. Ele seguirá cuidando até hoje, e a presença do atacante contra o Corinthians só será definida no dia da partida.

Convocado
O São Paulo conseguiu uma importante vitória na última quinta-feira (dia 6) e alterou a data da primeira partida da semifinal da Copa Sul-Americana (o jogo contra o Atlético Nacional, que estava marcado para 12 de novembro, foi adiado para o dia 19). No entanto, a diretoria tricolor não teve sucesso em outra frente. O time paulista tentava a liberação do lateral esquerdo Alvaro Pereira, convocado para a seleção uruguaia, mas ele não foi autorizado pela AUF (Associação Uruguaia de Futebol) e desfalcará a equipe do Morumbi em pelo menos duas partidas. Ele se apresentará à seleção na próxima segunda-feira (dia 10) e desfalcará o São Paulo nos jogos contra Internacional (dia 12) e Palmeiras (dia 16), ambos pelo Campeonato Brasileiro.

Prejuízo
A queda do Flamengo nas semifinais da Copa do Brasil foi lamentada por torcedores, jogadores e treinador. A diretoria rubro-negra, porém, tem outra razão para queixar-se da eliminação do time após derrota por 4 a 1 para o Atlético-MG, além da esportiva. Os cartolas, com o revés, perdem chance de ganhar fôlego financeiro no final da temporada. O Flamengo perdeu oportunidade de levantar, ao menos, R$ 7 milhões com uma classificação à decisão do torneio mata mata. Envolto em polêmicas, o preço praticado pelo Flamengo para vender ingressos para a decisão da Copa do Brasil de 2013 rendeu resultados. Além do título conquistado em cima do Atlético-PR, a diretoria colocou pouco mais de R$ 5 milhões nos cofres só com a bilheteria do jogo decisivo disputado no Maracanã.

Não emplaca
A nova aventura asiática de Zico ainda não tem sido satisfatória em termos de resultados. Na última quinta-feira, o FC Goa, time comandado pelo brasileiro, foi derrotado pela quarta vez em seis rodada e amarga a última colocação na Super Liga da Índia. Depois do revez de 1 a 0 contra o Kerala Blasters FC, o ídolo desabafou na entrevista à imprensa. "É melhor perguntar a eles (jogadores)", disse Zico em entrevista coletiva após a partida, em declaração reproduzida pelo site oficial do torneio.