Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Conexão Esporte

ACESSIBILIDADE: A A A A
Júlio César de Oliveira 06/08/2013
Júlio César de Oliveira
juliouberaba@uol.com.br
Pedido atendido

Apertado pelo calendário por conta de excursão ao exterior, o São Paulo pediu à CBF para adiar a partida contra a Portuguesa, dia 10, pelo Campeonato Brasileiro. Apesar de resistência da entidade, o clube conseguiu a mudanças de data, que dá ao time um dia de folga após a chegada ao Brasil. A decisão da CBF é a contragosto, já que a entidade acredita ter ajudado o clube no que podia para que a excursão ao exterior fosse feita ao mudar as datas dos jogos contra Bahia, Internacional e Náutico. Além disso, a CBF acredita que não era necessário mexer no calendário em uma data posterior à viagem. O jogo será no dia 11, às 18h30.
 
Neymar anêmico
Preocupante, foi assim que o pai de Neymar definiu o estado de saúde do filho, diagnosticado com anemia pelo departamento médico do Barcelona. De acordo com o pai do atleta, o fato de o atacante não ter gordura faz com que ele perca massa muscular. “Foi uma baixa de ferro significante. Estava fora do normal o cansaço físico que ele estava tendo. Isso causa preocupação porque ele não tem gordura para perder. Perde massa muscular”, definiu em entrevista ao Fantástico. Apesar da preocupação, o pai do jogador do Barcelona e da seleção brasileira acredita que o filho vai estar melhor fisicamente em cerca de duas semanas.
 
São Paulo campeão
Foram 14 jogos, 65 dias de espera, 647 minutos sem fazer gol. Sem ser heróico ou brilhante, o São Paulo se defendeu quando precisou, jogou quando pôde e venceu o Benfica por 2 a 0, no estádio da Luz, em Lisboa. Muito mais que a Copa Eusébio, o time de Paulo Autuori agora já está no Japão um pouco mais aliviado em meio a uma de suas piores crises na história. A vitória encerra um jejum incômodo para o São Paulo. A última vez que o time venceu foi contra o Vasco, em 29 de maio, pelo Campeonato Brasileiro. Mais de dois meses depois, o técnico mudou, o time também, mas a crise ainda persiste. O São Paulo faz sua última escala no exterior. O time encara o Kashima, amanhã, às 7h da manhã (de Brasília), pela Copa Suruga.

Semana conturbada
A última semana não foi nada tranquila para Fred no Fluminense. Em campo, o atacante ouviu questionamentos após desperdiçar pênaltis nos jogos contra Cruzeiro e Ponte Preta. Além disso, o capitão tricolor ainda ameaçou deixar o futebol brasileiro após ser suspenso pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) por quatro jogos por agredir o zagueiro do Vasco Jomar. A pena de quatro jogos foi adiada por recurso do departamento jurídico tricolor, mas ainda pode voltar a valer em breve. O atacante será julgado pelo Pleno do STJD e tem grandes chances de sofrer nova condenação, já que a agressão a Jomar durante a derrota por 3 a 1 para o Vasco foi bastante clara. Caso a decisão seja mantida, ele desfalcará o Fluminense por três partidas, já que cumpriu suspensão automática contra o Grêmio por ter sido expulso pela jogada.

Corintianos soltos
Os cinco corintianos que estavam presos em Oruro até a última sexta finalmente chegaram a São Paulo. Após mais de cinco meses detidos, eles puderam, finalmente, rever a família e os familiares, que foram recepciona-los no aeroporto. A informação sobre a chegada deles foi confirmada pela assessoria de imprensa da Gaviões da Fiel, torcida organiza alvinegra a qual os cinco são ligados. Um dos cinco detidos, Marco Aurélio, viu pela primeira vez o filho de três meses de idade, que nasceu enquanto ele estava na Bolívia. Segundo a torcida, todos foram direto para casa matar as saudades da família. A volta dos cinco últimos detidos encerra uma parte importante do caso Oruro. Em 20 de fevereiro, 12 torcedores foram presos na Bolívia, acusados de terem participado da morte de Kevin Espada, de 14 anos.

Medalhas
Cesar Cielo mostrou no sábado que ainda é o melhor do planeta nos 50 m livre. O brasileiro conquistou o tricampeonato mundial da prova ao vencer em Barcelona e “se vingar” do francês Florent Manaudou, que o havia batido nas Olimpíadas de Londres-2012 e ficou apenas em quinto lugar. Thiago Pereira não queria nadar a distância, mas o técnico Albertinho convenceu o pupilo de que deveria participar dos 400 m medley no Mundial. E a insistência do treinador deu resultado. Medalhista de prata nas Olimpíadas de Londres-2012, o brasileiro conquistou o bronze em Barcelona na final disputada no domingo.

1º na Maratona
O Brasil se sagrou campeão mundial de maratona aquática no Mundial de Esportes Aquáticos, que está sendo realizado em Barcelona. O país somou 98 pontos, contra 94 da Alemanha e 65 dos Estados Unidos, segundo e terceiro colocados, respectivamente. O melhor resultado do Brasil ocorreu na terça-feira, quando Poliana Okimoto e Ana Marcela Cunha fizeram uma dobradinha na prova de 10km, conquistando as medalhas de ouro e prata.


Realmente Reginaldo Damião (foto) vem mostrando para o esporte da cidade o que é uma dedicação. Sem ajuda financeira/patrocínio, participa de vários campeonatos pelo Brasil e no exterior e sempre vêm com título/conquistas e dessa vez não foi diferente. Esteve participando das finais do Campeonato Brasileiro de Karatê em Fortaleza-CE, de 1º a 04 de agosto e mais uma vez com muita superação se consagrou campeão Brasileiro na categoria individual (medalha de ouro) e terceiro lugar por equipes (medalha de bronze). “É muito bom quando treinamos e alcançamos o objetivo, sinal que está tudo certo. Estou realizando meus treinamentos todos programados como musculação e vários intercâmbios pelo Brasil e o resultado aparece”, disse Damião.