Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Ellen Gomes

ACESSIBILIDADE: A A A A
Ellen Gomes 28/02/2016
Ellen Gomes
ellengomesjornalista@hotmail.com
Festa de 1 ano de João Pedro Prata Mazão

Festa de 1 ano de João Pedro Prata Mazão 

Amigos e familiares se reuniram em festa em torno do fofíssimo João Pedro Prata Mazão, que completou 1 ano de vida. Seus pais Gabriella Prata Caparelli e Rafael Mazão Ghizzoni eram pura alegria ao lado do primogênito, que curtiu a festa com o tema fazendinha, o lindo bolo foi da criativa Eliana Massabiki. O talentoso Paulo Lúcio fez as fotos da estimada família para a coluna. Parabéns João Pedro!!! 

 

Para conhecimento de todos e divulgação preventiva de utilidade pública, o jornalista Paulo Ferreira enviou para coluna o alerta espalhado dentro Hospital Dr. Hélio Angotti, onde é assessor de imprensa, mas que serve de alerta também para a população, pois muitos desconhecem sobre o assunto e seus direitos. Trata-se de golpe que volta e meia se repete, usualmente praticado por estelionatários de outros estados (DDD 65 ou outros), em que os falsários dizem ser médicos para identificar pacientes e seus familiares para extorquir quantias em dinheiro, a título de pagamento por procedimentos médicos. Essa prática é ilegal e toda a população deve ficar atenta. Esta semana, houve nova tentativa dessa modalidade de golpe, barrada por colaboradores atentos no Hospital dr. Hélio Angotti.

É proibido exigir caução financeiro

Os golpistas normelmente ligam pedindo nomes e telefones dos pacientes internados na UTI e de seus familiares. Advertência do Ministério da Saúde, afixada na recepção do Setor de Internação do Hospital Dr. Hélio Angotti não deixa dúvidas: “Constitui crime a exigência de cheque caução, nota promissória, ou qualquer outra garantia financeira, bem como o preenchimento prévio de formulários administrativos para o atendimento médico-hospitalar emergencial”.
A pena prevista para o crime é detenção de três meses a um ano e multa, conforme a Lei Federal nº 12.653. A Lei determina que a pena seja aumentada até o dobro em caso de a negativa de atendimento resultar em lesão corporal de natureza grave, e até o triplo se resultar em morte. 

 


Aniversário 1 Ano do Primogênito João Pedro Prata Mazão com seus pais Gabriella Prata Caparelli e Rafael Mazão Ghizzoni

Fazendinha do João Pedro Prata Mazão

Madrinha Kamilla Prata Caparelli e seus avós Abadia Angélica C. Prata Caparelli e Luiz Carlos Caparelli

Padrinho Jairo Prata e seus pais Gabriella Prata Caparelli, Rafael Mazão Ghizzoni

Comemoração em Família: Vander Ghizzoni, Rafael Mazão, Gabriella Prata Caparelli, Tereza, Claudia Mazão, Tereza, Kamilla Prata Caparelli, Guilherme Abraão, Mônica, Jairo Prata, Abadia Angélica e Luiz Carlos Caparelli

Comemoração em Família: Vander Ghizzoni, Rafael Mazão, Gabriella Prata Caparelli, Tereza, Claudia Mazão, Tereza, Kamilla Prata Caparelli, Guilherme Abraão, Mônica, Jairo Prata, Abadia Angélica e Luiz Carlos Caparelli

A administradora e doutora em economia Nubia Alves de Carvalho Ferreira recebeu o Mérito Rotário da Câmara Municipal de Uberaba, na noite do dia 23. Presidente do ROTARY CLUB DE UBERABA PORTAL DO CERRADO, Nubia estava acompanhada por seus colegas de clube, o paizão e rotariano Francisco Luiz de Carvalho, de 84 anos (foto); além do marido, engenheiro eletricista Jorge Luiz Ferreira. Fundado em 2004, o ROTARY CLUB DE UBERABA PORTAL DO CERRADO realiza importantes ações sociais em Uberaba nas áreas de educação, saúde e desenvolvimento econômico

Queridos amigos Ana Teresa de Freitas é a cumprimentada aniversariante do próximo dia 1º de março, ela recebe o carinho do fotógrafo Marco Aurélio Ferreira Cury, familiares e amigos. Tudo de bom Aninha!!! 

Ari e a esposa presidente do Lions Vera Lúcia Ramos da Costa, estimada homenageada de hoje pelo niver. Parabéns Verinha, tudo de bom!!! 

Médico Denito Stabille e esposa Liliam Lyrio Stabille em Madri, ele é o estimado aniversariante de hoje. Parabéns Denito, felicidades a toda família!!!

Talentosa jornalista Giselle Toledo (leia-se Revista ID Magazine) foi a cumprimentada aniversariante do dia 26. Congratulações Giselle, sucesso sempre!!! 

Famosa designer de sobrancelhas no Glamour Excellence 


As sobrancelhas são a moldura do rosto. Dependendo do formato, elas podem deixar o olhar triste, cansado, e também tem o poder de deixar o olhar sedutor. É muito importante deixar este trabalho nas mãos de um bom profissional, afinal tirar os pelinhos qualquer pessoa pode tirar, mas só o profissional designer de sobrancelhas pode indicar o formato ideal pro seu rosto. O Salão Glamour Excellence conta com a top das sobrancelhas Gi Azevedo. Agende já sua avaliação fone: (34) 3332-1161 ou vá na Praça Manoel Terra nº 422, ao lado da Cozinha D´Ouro. Você vai amar!!! 


Designer de sobrancelhas do Salão de Beleza Glamour Excellence, Gi Azevedo com a bela Giovanna Maiorino, que foi a cumprimentada aniversariante do dia 22. Parabéns Giovanna, felicidades sempre!!!

 

Para conhecimento de todos e divulgação preventiva de utilidade pública, o jornalista Paulo Ferreira enviou para coluna o alerta espalhado dentro Hospital Dr. Hélio Angotti, onde é assessor de imprensa, mas que serve de alerta também para a população, pois muitos desconhecem sobre o assunto e seus direitos. Trata-se de golpe que volta e meia se repete, usualmente praticado por estelionatários de outros estados (DDD 65 ou outros), em que os falsários dizem ser médicos para identificar pacientes e seus familiares para extorquir quantias em dinheiro, a título de pagamento por procedimentos médicos. Essa prática é ilegal e toda a população deve ficar atenta. Esta semana, houve nova tentativa dessa modalidade de golpe, barrada por colaboradores atentos no Hospital dr. Hélio Angotti.

É proibido exigir caução financeiro

Os golpistas normelmente ligam pedindo nomes e telefones dos pacientes internados na UTI e de seus familiares. Advertência do Ministério da Saúde, afixada na recepção do Setor de Internação do Hospital Dr. Hélio Angotti não deixa dúvidas: “Constitui crime a exigência de cheque caução, nota promissória, ou qualquer outra garantia financeira, bem como o preenchimento prévio de formulários administrativos para o atendimento médico-hospitalar emergencial”.
A pena prevista para o crime é detenção de três meses a um ano e multa, conforme a Lei Federal nº 12.653. A Lei determina que a pena seja aumentada até o dobro em caso de a negativa de atendimento resultar em lesão corporal de natureza grave, e até o triplo se resultar em morte.