Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Fabiano Fideles

ACESSIBILIDADE: A A A A
Fabiano Fideles 12/04/2015
Fabiano Fideles
jjura2@terra.com.br
Fabiano Fideles

Herança maldita

Aceitem ou não, a verdade é que o prefeito Paulo Piau recebeu uma herança maldita da gestão anterior. Além de uma dívida enorme, a instalação do BRT, que motivou uma polêmica enorme, há também o problema do Água Viva, que envolveu gastos milionários para a solução do problema das enchentes, mas, que até agora não foi resolvido. Soma-se a tudo isso, mais uma série de problemas menores que envolveram e ainda persistem.

 

Sem atendimento

As operadoras Vivo e Tim, pelo que consta, fecharam seus escritórios de atendimento ao público em Uberaba, deixando os clientes a ver navios. Está faltando, pelo visto, algumas providências por parte das autoridades para colocar um basta nessa calamidade, tendo em vista as inúmeras reclamações que chegam ao JORNAL DE UBERABA. As empresas foram procuradas para falar sobre o assunto, mas nenhum responsável foi encontrado.

 

Educação

Por mais que tentem organizar o trânsito, a falta de educação de motoristas é um fato. Alta velocidade e desobediência à sinalização são duas infrações visíveis que acontecem a todo instante. Como a falta de policiamento tem sido uma constante, principalmente nas ruas e avenidas mais movimentadas, os infratores aproveitam para agir à vontade.

 

Chico Xavier 

O Memorial Chico Xavier, sem dúvida de uma importância enorme para Uberaba, teve sua construção iniciada há 12 anos. Passaram por lá vários diretores, que, até agora, não conseguiram concluir a obra. O que corre à boca larga pela cidade é que o Memorial já consumiu um caminhão de dinheiro, mas será preciso mais um caminhão para concluir aquela obra considerada faraônica.

 

Promoção

A crise patrocinada por Dilma Rousseff já atingiu também o setor de locação de imóveis. Tanto é que existem por aí algumas imobiliárias oferecendo como bonificação até 1 mês de aluguel para novos inquilinos. Outras estão oferecendo aluguel adiantado para os proprietários que desejam locar seus imóveis. A crise da Dilma mais parece um tsunami atingindo todo mundo.

 

Pedágio

Começou ontem, a cobrança do pedágio na BR-050 entre Uberaba e Uberlândia. A taxa para carros de passeio é de R$ 4,30 e R$ 2,15 para motos. Embora a choradeira, pelo menos assim poderemos desfrutar de uma estrada mais bem conservada e com segurança.

 

Palanque

O bloco de deputados de oposição na Assembleia Legislativa rebateu com veemência as afirmações do governador Fernando Pimentel a respeito dos resultados das gestões anteriores. Os deputados afirmaram que a falta de governança de Pimentel fica evidenciada nas constantes tentativas de desacreditar uma gestão marcada por 12 anos de avanços e conquistas para o Estado. Os deputados questionaram ainda as contradições do atual governo e o impacto financeiro que a reforma administrativa trará ao Estado.

 

Irresponsabilidade

Para o líder do bloco de oposição na Assembleia, deputado Gustavo Corrêa (DEM), é uma grande irresponsabilidade do governo dizer que existe um déficit de R$ 6 bilhões no Estado. Segundo o parlamentar, o governador Pimentel mente ao tentar justificar a imprudência de estar há 3 meses governando sem orçamento, tentando associar à gestão do então governador Alberto Pinto Coelho números fictícios e déficits que não existem.

 

Desmentindo

“Para o governo, é muito mais fácil dizer que os números são esses do que, de fato, assumir suas responsabilidades. O governador precisa entender que já passou da hora de descer do palanque e começar a governar”, afirmou Corrêa. O deputado garante que a oposição fará um estudo detalhado dos números apresentados pelo Executivo para “mostrar aos mineiros tudo aquilo que é verdade e o que não é”.

 

Briga acirrada

Pelo visto, a briga está acirrada na Assembleia Legislativa. Do jeito que as coisas estão caminhando, não demora acontecer um rififi no plenário. Informações chagadas à coluna dão conta de que o bloco da oposição ao Governo Pimentel não pretende deixar barato os ataques do PT. É isso aí!

 

Maioridade Penal

Está comprovado para os próprios parlamentares, o índice de criminalidade praticado pelos menores de 18 anos. Embora a população brasileira seja favorável à redução da idade penal, os deputados continuam fazendo corpo mole para aprovar o projeto. O discurso contrário à redução da maioria penal é o mesmo assim como as justificativas para não adotá-la no país.

 

Maioridade Penal II

Nesse sentido, o leitor Rafael Moía Filho escreve ao Jornal de Uberaba afirmando que desde 1984 nem os governantes, nem os poderes legislativo e judiciário e muito menos os defensores dos menores assassinos fizeram algo ou mesmo provocaram discussões para resolver o problema. Diz o leitor ainda, que 93% da população é favorável a redução da maioria penal.

 

Do leitor

“O Partido dos trabalhadores (PT), conseguiu transformar o dia primeiro de abril, tradicionalmente consagrado, o dia da mentira, no dia da piada. Vejam o que disse o presidente da quadrilha, o senhor Rui Falcão. "Faço um chamado a nós sairmos da defensiva, enfrentarmos de cabeça erguida aqueles que nos atacam, porque é impensável que a gente possa ser acusado de corrupção". Realmente senhor Falcão, agora não tenho mais a menos dúvida, corrupto e ladrão sou eu.” Humberto de Luna Freire Filho

 

Falácia

Dizem os antigos que língua não tem osso mas quebra osso. Na prática, é uma realidade. O que aconteceu com o vereador Borjão ao afirmar banalidades é a mais pura demonstração de que ele se deixou levar talvez pela vaidade, na tentativa de falar demais coisas que ganharia se ficasse calado. Resultado: deu em nada suas acusações. Pura cascata!