Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Fabiano Fideles

ACESSIBILIDADE: A A A A
Fabiano Fideles 20/03/2016
Fabiano Fideles
jjura2@terra.com.br
Fabiano Fidelis

MANIFESTAÇÃO

Correspondências dirigidas à coluna vão chegando a cada dia e os leitores cobrando a divulgação. Assim sendo, abro o espaço para que todos possam expressar suas opiniões sobre os escândalos que estão levando o país à falência e provocando, anotem, uma convulsão social.

 

BAGUNÇOU GERAL

“Não há mais limite para essa ‘quadrilha’ que ocupa o governo em Brasília, em todos os níveis. O cidadão Lula, também conhecido como Brahma, é recebido para jantar no palácio com seu poste Dilma. Não bastou a visita dela a São Bernardo à nossa custa. No dia seguinte, ele comparece a café da manhã com o presidente do Senado, que também está sob investigação, e mais alguns senadores que não primam pela vergonha na cara. Cogita-se ainda nomear o messias para algum ministério ou embaixada, com o firme propósito de livrá-lo da Operação Lava Jato e os processos serem encaminhados ao STF, que, sabidamente, aliviará as consequências. Até quando, Senhor?”, Paulo Cortez.

 

ROSAS E ESPINHOS

“Enquanto Fernando Henrique Cardoso foi a Lisboa como convidado de honra para a posse do novo presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, outro ex-presidente, desmoralizado e sem convite do país amigo, colhe o que plantou: perde cada vez mais o apoio de seus eleitores, faz de tudo para fugir da polícia e da Justiça e assiste ao reconhecimento de FHC como um dos mais respeitados estadistas da História recente”, Paulo Jardim.

 

NOVO MINISTÉRIO

“Caso o STF julgue improcedentes as ações contra Lula, certamente, essa tal de ‘presidenta’ já está pensando em uma reforma ministerial. Além de Lula, vai trazer toda a gangue que está presa na Lava Jato para assumir os demais ministérios”, Maria Odete.

 

CUMPANHEIROS

“O PT pressiona o inominável, autointitulado jararaca, a aceitar ministério para obter foro privilegiado? Como assim? Quer dizer que nem mesmo os ‘cumpanheiros’ acreditam na alma mais honesta? Eles sabem...”, Regina Maria.

 

CHIKUNGUNYA

“O deputado Adelmo Carneiro Leão deve estar atacado por problemas muito sérios, do tipo não enxergo, não ouço e mentalidade congestionada. Como é que pode um deputado que representa nossa cidade, por sinal muito mal, estar conivente com um bando de ladrões e corruptos. A menos que ele faça parte da quadrilha e ainda não foi investigado”, Helena Gontijo.

 

FAMÍLIA UNIDA

“Então, o mais honesto, agora, o mais fujão da Justiça, vai virar ministro? Vai precisar de mais alguns ministérios: um para dona Marisa, mais dois para os filhos e, claro, não se pode esquecer da madame Rosemary Noronha”, Alexandre Ferreira.

 

ESCONDERIJO

“A presidente Dilma pensou em nomear o Lula Safadeza para o Ministério da Educação. Rá-rá-rá, como diz Fabiano Fideles em sua coluna, era só o que faltava. Como na República das Bananas tudo é possível, como ministro da Casa Civil, ele poderá ter a chave do Governo e moldar tudo ao mesmo tempo. Estamos perdidos!”, João Augusto de Oliveira Filho.

 

DESESPERO

“A reação desproporcional de Lula incitando seus pelegos ao confronto é prova inequívoca de que a jararaca mordeu a isca. Parabéns Sérgio Moro!”, José Francisco de Freitas.

 

DEBOCHADO

“Dentre as opções apresentadas pelo debochado capo petista, várias pessoas o preferem mártir. Na nossa opinião, a melhor solução é que ele vire herói atrás das grades, ao lado de seus diletos companheiros já encarcerados”, Marlene Nunes de Alboquerque.

 

OAB ADERE

O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) decidiu acompanhar o voto do relator e aderir ao pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff por 26 votos a 2. A maior parte das bancadas regionais da OAB votou, unanimemente, com o relator.

 

DECIDIDO

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), na noite de sexta-feira, suspendeu a posse do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no cargo de ministro-chefe da Casa Civil. O ministro atendeu a um pedido de liminar do PPS, em uma das 13 ações que chegaram ao Supremo questionando a posse de Lula. Na mesma decisão, Mendes decidiu que os processos que envolvem Lula na Operação Lava Jato devem ficar sob a relatoria do juiz federal Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal em Curitiba.

 

BOA GRANA

A Prefeitura de Uberaba espera arrecadar, com o IPTU, uma verba da ordem de R$ 12 milhões, para fazer face a inúmeros pagamentos em atraso. Essa arrecadação está sendo considerada como um desafogo nos débitos acumulados. Assim seja!

 

GALINHEIRO

Deputados da Comissão do Impeachment sob investigação, pelo menos 34 dos 130 integrantes do colegiado, respondem a inquérito ou ação penal no Supremo. É a raposa tomando conta do galinheiro!

 

QUANTO CUSTOU?

A manifestação em São Paulo da presidente Dilma e do ex-presidente Lula atraiu, segundo o Datafolha, 95 mil pessoas à região da avenida Paulista na tarde de sexta-feira. Só que, conforme informante da coluna ligado ao PT, essa manifestação custou aos cofres do partido e dos sindicatos cerca de R$ 30 milhões distribuídos aos participantes.

 

ALELUIA!

A saída do Partido Republicano Brasileiro (PRB) da base aliada do governo Dilma Rousseff, anunciada oficialmente anteontem, significa também o fim do apoio da Igreja Universal ao governo petista. Segundo esta coluna apurou, o rompimento se deu com o aval do próprio Edir Macedo, líder da Universal. Amém!

 

NOVO CANDIDATO

O deputado Marcos Montes, presidente regional do PSD, anunciou, na manhã de ontem, a indicação do vereador Gilberto Ripposati como pré-candidato do PSD à Prefeitura de Uberaba nas eleições deste ano. Ripposati é considerado um vereador sério e trabalhador, tendo sido reeleito por várias legislaturas.

 

COMBATE

O vereador Ripposati, que, a partir de agora, entra na mídia pra valer, é mais um pré-candidato a entrar na disputa entre o prefeito Paulo Piau e os prés Wagner do Nascimento e Lerin. Acontece que, no momento em que a falta de dinheiro é gritante, nenhum deles conta com recursos para o desenvolvimento de uma campanha política, a menos que façam milagres. Quem viver verá!