Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Fabiano Fideles

ACESSIBILIDADE: A A A A
Fabiano Fideles 26/06/2016
Fabiano Fideles
jjura2@terra.com.br
Fabiano Fidelis

O FURO

Divulgação dos devedores da Receita Federal em Uberaba, que são em número muito próximo de sete mil, mostra que o furo é grande... Só os vinte primeiros da lista perfazem quase R$ 700 milhões em inadimplência.

ESTÁ POUCO

Os procuradores da Fazenda Nacional, através de seu sindicato, manifestaram que “o volume de pessoal destinado às cobranças da dívida com a Receita, é muito inferior ao necessário”.  Ou seja, o cerco ainda está pouco!

SEM VOLTA

O que a Receita Federal não faz – e nem é atribuição dela – é informar como e a quantas anda o retorno do dinheiro que os brasileiros pagam anualmente em impostos. No Brasil, a Receita Federal, com seus procuradores, pune o inadimplente, e o Governo, com a falta de bons serviços, pune quem paga em dia. Resultado: punidos de qualquer forma!

NÃO OFENDE

Tem tanto pré-candidato a prefeito espalhando placas de outdoor pela cidade, que as empresas fornecedoras deste espaço devem estar sorrindo à toa...  A pergunta (que não ofende) que se faz ao Ministério Público é: os gastos desta natureza já não são uma antecipação de campanha eleitoral?

SEM PECADO

O que se percebe, muito cá entre nós, é que a legislação eleitoral destinada às campanhas políticas de outubro próximo é rígida e eivada de proibições. Porém, neste período que antecede o 15 de agosto (início oficial das campanhas), os candidatos estão naquela zona cinzenta, abaixo da linha do Equador: tudo é permitido, nada é pecado!

GOLPINHOS

É por essas e por outras que a arte da política, uma das mais bonitas ciências já inventadas pelo ser humano, é motivo de piada em nosso país. Os espertos seguem burlando a legislação, através de “golpinhos legais” impunemente, enquanto a população tudo percebe e tudo vê. Assim, não dá pra acreditar em “justiça” eleitoral.

MM BRABO

Está fulo da vida o deputado federal Marcos Montes (PSD-MG). Instalado num indecoroso 487º (quadragésimo octagésimo sétimo) lugar numa lista de 513 parlamentares, Marquinhos teve seu desempenho contestado por um site da internet. O deputado deu declarações, nesta semana, que está sendo vítima de uma divulgação com fundo ideológico.

ARMA MORTÍFERA

Candidatíssimo (inconfessado) à reeleição de seu mandato, o prefeito Paulo Piau vem contando com uma arma terrivelmente eficaz e mortífera contra seus eventuais adversários. A “arma” atende pelo nome de Silvana Elias. A secretária Municipal de Educação é boa de palanque, e quando mostra os resultados de sua área nesses últimos quatro anos, empolga  a plateia e arranca elogios para a administração municipal.

TEMPORADA

No domingo passado, em visita à feira do bairro Abadia, um grupo de amigos ouviu na banca do fruteiro uma informação verdadeira. As frutas são sazonais, chegam-nos por temporadas. Existe o tempo das jabuticabas, das mangas... Segundo esse jocoso feirante, agora chegou a temporada da fruta “cara-de-pau”.  Referia-se à invasão da tradicional feira pelos pré-candidatos a prefeito e vereador. Realmente, há mais políticos que fregueses!

TUPI-GUARANI

Quem assistiu à entrevista do técnico Tite, apresentado pela CBF como novo treinador da Seleção Brasileira, deve ter percebido a dificuldade com que o treinador estava lidando com as palavras. Tite não quer gerar otimismo demasiado, e então partiu para monossílabos. Em alguns momentos chegou a escorregar como “digo que é coragem, que fez mim assumir”...

RAÍZES

Quem gosta (e entende) de futebol, como o Tostão, ex-canarinho da Copa 70, médico e cronista esportivo, garante que nem mesmo Tite conseguirá dar solução à situação do selecionado brasileiro, que vem de uma série de vexames desde a última Copa do Mundo. Segundo o craque, enquanto a CBF continuar sendo a casa dos horrores, que é ainda hoje, tudo continuará falhando no futebol.

INIMIGO MEU

Ligado estreitamente a Paulo Piau no passado, o empresário Ricardo Saud é hoje o esteio mais forte que o deputado Lerin possui, em apoio à sua candidatura a prefeito de Uberaba. Lerin e “Ricardinho” já discutiram o planejamento – e custos – da campanha. Gente que esteve em uma das conversas se diz impressionada com o volume financeiro citado.

COMO FICA?

Aliás, além da questão de divulgação por outdoors de pré-candidatos, a Justiça Eleitoral vai suar a camisa para vistoriar as futuras eleições para prefeito. Como disse um experiente profissional de campanhas recentemente: “Ou teremos a campanha mais pobre de nossa história ou o maior movimento de caixa dois já conhecido.”

SURPRESA

Em Uberaba, aos poucos vai se desenhando o panorama político das eleições de outubro.  A dança dos partidos ainda ensaiará mais alguns passos, porém os figurantes principais já estão bem definidos.  A surpresa, na reta final das articulações, ficou por conta do lançamento do vereador João Gilberto Riposatti (PSD) a prefeito. Ninguém esperava.

CONVITE

Como se sabe, os esforços pelo lançamento do ex-pedetista e ex-tucano Riposatti ficaram a cargo de Marcos Montes, que comanda o PSD na cidade. Porém, entre pessoas mais ligadas a MM, existem comentários dizendo que um eventual convite para Riposatti integrar a chapa de Paulo Piau não seria de todo desconsiderado.

JOGO DE CENA

Outro pré-candidato a prefeito que é sempre lembrado, quando se fala da chapa Paulo Piau, é Wagner Júnior, do PTC. Recentemente ele deu entrevista negando veementemente que seria candidato a vice-prefeito. “Nem de Piau e nem de ninguém!”.  Só o tempo poderá confirmar tamanha veemência.

EXPLOSÃO

Gente bem informada, atuando no coração do governo municipal, garantiu que muito em breve a coligação formada pelos partidos que dão sustentação a Paulo Piau (PMDB) deverá ser ampliada. Isso significa que algumas agremiações, tidas e havidas como “certas” por outros pré-candidatos, ainda migrarão de lado. “Será uma explosão”, garantiu nossa fonte.

ILAÇÕES

Deixando bem claro que nossa fonte, citada acima, nada mais disse. É necessário porém fazermos algumas ilações sobre essa questão de migração de partidos. Pela octanagem e teor explosivo do eventual e futuro episódio, vem à mente uma questão que está mal resolvida no cenário político de Uberaba. Por que o PSDB nacional se diz “primeiro parceiro” do governo Temer, e em Uberaba marcha em sentido contrário, nas futuras eleições? Analisando essa questão, encontra-se algo que poderá sim, no futuro, provocar uma explosão na política local.

CUESTA ABAJO

Nem mesmo os mais otimistas analistas políticos conseguem prever algo de bom para o PT nas eleições que se avizinham. Os candidatos que se apresentarem com o “botton” da estrela vermelha no peito, correm um sério risco de voltar pra casa com a capanga vazia de votos.  Acredita-se que das prefeituras atualmente administradas pelo PT, 619 no início de 2012, restarão algo em torno de 20%.  Nas câmaras municipais não será diferente.  Sem contar a debandada que já ocorreu de políticos eleitos pela sigla e que julgaram melhor abandonar o Titanic...

NÃO RIA AMIGO!

No terreno dos tucanos e dos peemedebistas não há, porém, motivos para muita comemoração com a desgraça petista. A nova onda de ações da operação Lava Jato tem mirado próceres de ambas agremiações. As duas cerejas do bolo, uma de cada partido, Temer e Aécio Neves, já são alvo de investigações.

ATÉ TU BRUTUS?

E para ratificar que o incêndio no arraial do PT não servirá para a promoção de alegria e danças juninas nos outros partidos, a Polícia Federal desencadeou durante a semana uma operação que está apontando para fortes ilicitudes na campanha presidencial do falecido governador Eduardo Campos (PSB), tendo Marina Silva como vice. As investigações iniciais falam de um total de R$ 18,8 milhões, que teriam sido desviados das obras de transposição do Rio São Francisco, para campanhas de Campos ao governo e Presidência.

INDIGESTO

Realmente nosso país precisa se reinventar. Decretada a “calamidade financeira” no Rio de Janeiro, as tramelas foram abertas e o governo federal está despejando R$ 2,9 bilhões para garantir a segurança da Rio16. Ninguém, mas ninguém mesmo, tem dúvida sobre os variados destinos dessa dinheirama.

INDIGNADOS

O que deixa os brasileiros mais indignados é que, além da esperada e natural rapinagem que virá sobre parte dos recursos, a “calamidade” anunciada pelo governo carioca nada mais é que o resultado de outras rapinagens promovidas nos cofres públicos nos últimos tempos. Resumo da ópera: estamos pagando a mesma conta duas vezes!

EU TAMBÉM QUERO!

O pedido de recuperação judicial feito pela empresa de telefonia Oi!, de R$ 65,4 bilhões, é uma ferramenta jurídica que, infelizmente, o prezado senhor José da Esquina NÃO tem às mãos para lidar com as contas mensais de aluguel, supermercado ou transporte... O país continua aumentando o fosso da desigualdade social. E o pior: se lixando para o futuro de milhões de jovens, sem instrução e convivendo com a violência no dia a dia.

SEM PERDÃO

Este caso da Oi! traz o mesmo sentimento de abandono e indignação ao pequeno empresário, ao comerciante modesto, enfim às empresas pequenas e médias que carregam este país nas costas. Para esses não existe concessão: ou pagam suas dívidas ou morrem para o mercado.

ESFINGE

Ele não gosta que fale, mas o empresário JJúnior é conhecido como um pacote de segredos embrulhado em um mistério... Já garantiu ser candidato a prefeito pelo seu PTB, já garantiu que apenas apoiará Paulo Piau nessas eleições, e já garantiu que sequer estará em Uberaba no período eleitoral, por ter longa viagem ao exterior já programada há tempos.  A plateia que decifre!

VIZINHA CIDADE

Uberlândia tem todos os motivos do mundo para comemorar sua hegemonia, em Uberaba no território das comunicações. A geração de imagens pela Globo aqui na city não significa que os resultados financeiros aqui fiquem... É mais uma “matriz” que ajuda a drenar o ralo dinheirinho uberabense para plagas distantes.

MAIS EMBAIXO

Definitivamente Brasília não é para amadores. Há muita gente pensando que a hiper raposa Renan Calheiros (PMDB-AL) irá dar uma resposta ao procurador-geral da República, Rodrigo Janot, tratando dos motivos que levaram o segundo a pedir a prisão do primeiro, e mais Jucá, Cunha e Sarney. Não, Renan está jogando um jogo mais pesado, ao lado dos consultores jurídicos do Senado. E o jogo tem nome: “Interferência entre poderes”.

MAIS VOTADO

É uma aposta que está rolando pelas ruas de Uberaba. Com a desistência da candidatura a prefeito, pelo PR, o atual vice-prefeito, radialista Almir Silva, poderá vir a ser o vereador mais votado da história de Uberaba, caso confirme sua candidatura à Câmara Municipal. O título, que deve ser auferido em porcentagem e não em número de votos, ainda pertence a outro radialista, já morto, Jesus Manzano.

 

SUJOU

Empresário dono da “Valadarense”, empresa de transporte coletivo em Governador Valadares (MG), tinha a mania de gravar em caneta espiã toda a movimentação de propinas que vinha pagando ao presidente do Sindicato dos Trabalhadores no Transporte. Resultado: durante uma operação policial, os federais encontraram os vídeos num pen-drive do empresário... Foi na terça-feira passada.

Bom domingo a todos!