Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Marcos Montes

ACESSIBILIDADE: A A A A
Marcos Montes 19/02/2016
Marcos Montes
dep.marcosmontes@camara.leg.br
Marcos Montes

Todos somos responsáveis...

Só uma ação popular contra o Aedes

aegypti pode evitar um futuro sombrio

 

Um pé atrás - Abro a coluna, hoje, agradecendo as manifestações de carinho postadas na minha página no Facebook e/ou através de telefonemas, com desejos de pronto restabelecimento da cirurgia a que me submeti em um dos pés.  De licença médica por 30 dias, estou me sentindo bem melhor, mas um tanto ansioso por ter sido proibido pelo médico de fazer exercícios. Estou me recuperando na residência da família, em Uberaba.

De olho na base - Obviamente (sem exageros), vou aproveitar pra colocar alguns assuntos políticos da minha base eleitoral em ordem. Não é segredo pra ninguém, por exemplo, que estou trabalhando no fortalecimento do PSD, tanto em Uberaba, onde presido a legenda, quanto no Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba – numa ação regional que me foi atribuída pelo ministro das Cidades, Gilberto Kassab, fundador e líder nacional do partido.

Bancada especial - Entre estas ações, está a filiação do vereador e amigo Ismar Vicente Marão, que, sem qualquer sombra de dúvida, vai reforçar ainda mais, a qualidade dos companheiros do PSD de Uberaba. Com isso, nossa bancada na Câmara Municipal entra pra história como uma das melhores – ou a melhor - da política de Uberaba. Ismar Marão vem somar forças com o vereador João Gilberto Ripposati, outra grande conquista recente do PSD.

 

FOTO MM E ISMAR

Ismar Marão e Marcos Montes, durante a campanha de reeleição do deputado federal em 2014

 

Janela eleitoral - Vale lembrar que o “quase” vereador do PSD de Uberaba vai fazer a mudança de legenda com base na emenda constitucional 91 aprovada no ano passado, permitindo que os detentores de qualquer mandato eletivo mudem de partido sem risco de perder o cargo. A emenda foi promulgada ontem, dia 18/02, pelo Congresso Nacional (Câmara e Senado) abrindo uma janela de 30 dias para que as mudanças aconteçam.

De olho no Brasil – Apesar de estar me restabelecendo em Uberaba, não tiro os olhos e ouvidos do que está acontecendo em Brasília, ou mais precisamente, nos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário. Já sabia que 2016 seria um ano difícil, uma vez que, de novo não tem nada. 2016, como eu disse em várias entrevistas no início do ano, herdou todas as pendências de 2015.

Pra pior - Aliás, as crises ética e econômica de 2015 estão ganhando contornos ainda mais intensos em 2016. Elas não param de produzir surpresas atrás de surpresas – todas negativas, diga-se de passagem.

 

FOTO MM E ALMIR SILVA

Almir Silva visita o presidente do PSD de Uberaba, Marcos Montes (Fotos: Marco Aurélio Ferreira Cury)

 

Visita - Dei um tempo no repouso imposto pelo médico e estive, ontem, no meu escritório político de Uberaba para receber um amigo de quem gosto muito: o vice-prefeito e radialista Almir Silva, do PR. Como não podia deixar de ser, o tema dominante foi o processo eleitoral de 2016.

Eleições 2016 - Em pauta, assuntos tipo os partidos e as alternativas de candidaturas a prefeito; a necessidade de defendermos a ética na política e na campanha – independente do caminhão que subirmos -; as chapas de candidatos a vereador, entre outros.

União faz a força - E como cidadão, médico e pai de família eu não poderia encerrar esta coluna sem bater na tecla: precisamos exterminar o mosquito Aedes aegypti. Isso depende sim, de políticas públicas, mas também depende de cada pessoa, de cada família, de cada residência. A situação é muito grave, e se não houver uma reação popular contra o mosquito, a tendência é enfrentarmos tempos sombrios em breve.

 

Um abraço e até sexta-feira da semana que vem!