Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

JU Agora

ACESSIBILIDADE: A A A A

Governo do Estado destaca evolução na educação

15/02/2013

Para o Governo do Estado, a volta às aulas na rede estadual de ensino é motivo para comemoração. Em 2012, o Estado conquistou os melhores resultados na avaliação do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, o Ideb, do Governo Federal. Além disso, os resultados do Programa de Avaliação da Alfabetização (Proalfa), divulgados na última semana, comprovam que a comunidade escolar de Minas Gerais tem avançado muito quando o assunto é educação de qualidade.

Em sete anos – de 2006 a 2012 – o conhecimento em Língua Portuguesa dos alunos do terceiro ano do Ciclo da Alfabetização (1º, 2º e 3º anos do Ensino Fundamental) da rede estadual de ensino praticamente dobrou. De acordo com os resultados de 2012, 87,3% dos alunos do 3º ano do Ciclo de Alfabetização da rede estadual encontram-se no nível recomendável de proficiência em Língua Portuguesa. Os resultados fazem parte do esforço de professores, profissionais da educação, pais e alunos da rede estadual de ensino, como destaca no Palavra do Governador desta semana, o governador do Estado, Antonio Anastasia. “Na realidade, a rede pública estadual da educação em Minas Gerais é um grande orgulho para todos os mineiros. Eu gostaria de me felicitar com todos pelos resultados positivos que tivemos no ano passado e na certeza de que teremos, também em 2013, um ano muito bom. Conseguimos pelo sexto ano consecutivo as melhores posições na Olimpíada Nacional de Matemática, continuamos investindo muito no Programa de Educação Profissional, conseguimos investir também nos contraciclos de estudos para permitir aos alunos do Ensino Médio atividades extraclasse. Há um grande dinamismo e muita vivacidade no âmbito do nosso sistema estadual de ensino”, afirma Anastasia.

Os bons resultados já alcançados, no entanto, não diminuem os desafios que ainda existem. E o Governo de Minas continua trabalhando para que as notas melhorem e os alunos tenham cada vez mais um ensino de qualidade no padrão das nações mais desenvolvidas. “Vamos continuar trabalhando muito na educação, porque sabemos que a educação é o fundamento para o desenvolvimento futuro do nosso Estado e do Brasil. Com o chamado Programa de Intervenção Pedagógica, vamos, agora, investir muito nos últimos anos do Ensino Fundamental e, mais do que isso, estamos fazendo também esse programa em parceria com os municípios, especialmente aquelas redes públicas municipais que têm ainda uma nota menor no Ideb. Esse trabalho harmônico, integrando Estado e município com as escolas, vai permitir certamente uma melhoria ainda maior da qualidade do nosso ensino neste ano de 2013”, acredita Anastasia.

Outra importante novidade que começa a ser implantada neste ano e vai ajudar os profissionais da educação na preparação das aulas e no cuidado ainda maior com a avaliação dos alunos é a destinação de um terço da carga horária do professor para trabalhos extraclasse. “Nós temos em Minas, por Lei, uma jornada para os professores de 24 horas semanais. E, agora, nós temos, pela Lei Estadual, que um terço dessa jornada, ou seja, 8 horas, seja dedicado à preparação, com atividades extraclasse para permitir o aprimoramento ainda melhor do professor. Portanto, nós estamos dando um passo a favor cada vez mais da qualificação dos nossos professores, de respeito aos professores e, certamente, sabendo que todo esse esforço vai resultar na melhoria da educação pública de Minas Gerais”, destaca o governador.