Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

JU Agora

ACESSIBILIDADE: A A A A

Horto Municipal distribui planta que ajuda no combate à dengue

01/07/2013

O combate ao mosquito da dengue (Aedes aegypti) ganha um reforço e, desta vez, ele é visto como uma esperança ecológica. Trata-se da crotalária, uma espécie de leguminosa que, devido ao seu rápido crescimento, tem sido muito utilizada para forração e adubação verde, graças ao seu grande poder de fixação biológica de nitrogênio no solo. A planta tem despertado o interesse das autoridades do país.

Objetivando contribuir no combate à dengue, o Horto Municipal faz o cultivo da planta e, atualmente, cerca de 15 mil mudas de crotalária estão à disposição da população.

Segundo explica o encarregado do Horto, Edvaldo Evangelista Ribeiro, a crotalária serve de alimento para a libélula, um inseto que se alimenta do mosquito transmissor da dengue. Com o plantio da crotalária em terrenos baldios, quintais, jardins, vasos e inclusive em margens de rios, a planta atrai a libélula que põe seus ovos em água parada e limpa, da mesma maneira que o Aedes.

Os ovos viram larvas que se alimentam de outras larvas, inclusive do mosquito transmissor da dengue. Além disso, a libélula adulta se alimenta de pequenos insetos e o Aedes aegypti faz parte do seu cardápio, o que pode auxiliar no combate ao mosquito.

De acordo com Edvaldo Ribeiro, um trabalho educativo já está sendo feito junto às escolas que semanalmente visitam o Horto Municipal. Panfletos explicativos serão confeccionados para serem distribuídos para os alunos e também para as pessoas interessadas.

“Toda semana recebemos no Horto a visita de uma escola e aí fazemos a distribuição da crotalária para os alunos. Mas, as pessoas que quiserem podem buscar a planta que está à disposição, inclusive algumas já foram plantadas em vários pontos da cidade”, ressalta o encarregado do órgão.