Busque em todas as seções:
EDIÇÕES ANTERIORES: anteriores

Interatividade - JU nas ruas

ACESSIBILIDADE: A A A A

Liberação da Mata do Ipê revitalizada será em dezembro


No projeto de revitalização da Mata do Ipê, estão em estudo as espécies de animais e aves que habitarão a mata

 Sandro Neves

A reforma do Parque Mata do Ipê, localizada no cruzamento das avenidas Guilherme Ferreira e Nelson Freire, está com 50% das obras concluídas. Conforme o secretário de Infraestrutura, Roberto Indaiá, no projeto, o alambrado já está dando lugar a um muro, os banheiros estão passando por reformas e a parte elétrica da mata e jardinagem também estão em execução. “Estão prontos 50% do muro, 70% da margem do lago e do galpão para guardar alimentos e ferramentas e parte da jardinagem. A previsão é de que as obras estejam concluídas até o final deste ano”, ressaltou.

Indaiá pontua que as revitalizações e a reforma visam a maior segurança aos visitantes. O secretário lembra que com o andamento das obras foi verificada a necessidade de uma reforma maior que o previsto. “O parque estava muito danificado e eram necessárias muitas modificações, então, já que tínhamos que reformar, o trabalho será completo”, afirmou Indaiá.

Segundo o chefe da seção de Áreas Verdes da Secretaria do Meio Ambiente, Thiago Humberto Pires, a falta de segurança do parque ficou evidente após a morte de um pavão por um cachorro. “A antiga grade de proteção sempre era violada. Outra questão é que entravam muitos cachorros dentro do parque e isso causava um grande transtorno, tanto aos visitantes quanto aos animais que ali viviam”, afirmou.

Pires ressalta que, no projeto, há a troca dos peixes existentes por carpas e retirada dos patos para colocar espécies de aves ornamentais. Ele conta que o manejo e a substituição dos peixes necessitam de um trâmite legal e isso demanda tempo, o que está sendo feito.