Cidade

ABCZ libera consulta às avaliações PMGZ

Os criadores participantes do PMGZ (Programa de Melhoramento Genético de Zebuínos) já podem acessar as avaliações genéticas 2019-1. A consulta dos dados pode ser feita pelo site das Comunicações Eletrônicas www.abcz.org.br ou pelo “ABCZ Mobile”.
Este ano, as avaliações genéticas trazem como novidade a modificação da estratificação classificatória dos animais no PMGZ. O percentil (TOP) foi suprimido e os animais passaram a ser agrupados em DECAS de 1 a 10. Na nova classificação, a DECA 1 agrupa o conjunto dos 10% melhores animais avaliados; a DECA 2, aqueles entre 11 e 20%, e assim sucessivamente até a DECA 10, que inclui os 10% de animais com as avaliações mais negativas. A medida se aplica a todas as características do PMGZ, assim como ao índice ABCZ (iABCZ).
Para ter acesso a versão do ABCZ Mobile, basta que os usuários atualizem o programa na loja de aplicativos do celular. Também é por esse mesmo sistema que os associados que ainda não utilizam o “ABCZ Mobile” podem fazer o download do aplicativo. Vale lembrar que o app é gratuito e está disponível para smartphones nas plataformas IOS e Android.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.