Estado de Minas

Alunos da rede estadual participam da maior feira científica do Brasil

Já imaginou as dificuldades que os canhotos enfrentam? Ou que é possível fazer sabão utilizando água da máquina de lavar? Ou mesmo que a fibra do abacaxi pode ser utilizada para produzir MDF (mistura da fibra da madeira com resinas sintéticas)? Foram esses assuntos que aguçaram a curiosidade de estudantes da rede estadual de ensino e deram origem a projetos científicos que, até ontem, integram a maior mostra de projetos do país, a Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (Febrace). Ao todo, são 332 projetos de Ciências e Engenharia, desenvolvidos por 751 estudantes do ensino fundamental, médio e técnico de todo o país. Minas Gerais está presente com seis trabalhos de alunos de escolas estaduais. A Escola Estadual João Pinheiro, em Ituiutaba, está participando da feira com dois trabalhos. “Trouxemos os projetos ‘Efeitos dos Agrotóxicos Aplicados em Canaviais nas Culturas Adjacentes” e “Levantamento das Habilidades e Dificuldades dos Canhotos”.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.