Política

AMM diz que repasse da semana passada foram pagos no dia 7

A Associação Mineira de Municípios (AMM) afirmou, veementemente, que os repasses do ICMS que venceram na semana passada, além dos recursos referentes ao Fundeb e ao IPVA, foram pagos nessa segunda-feira e já estavam nos cofres das prefeituras. A entidade chegou a enviar extratos bancários para comprovar os depósitos, apesar das declarações de alguns prefeitos de que não teriam recebido nada do que estava previsto e, em outros casos, quase nada do programado.
Em entrevista à reportagem, o prefeito de Moema, Julvam Lacerda, presidente da AMM, disse que até a tarde desta terça-feira os repasses atrasados estavam sendo feitos, mas que se a parcela com vencimento hoje não fosse paga, o imbróglio poderia ser judicializado. “Até então, o governo está falando em pagar. Estamos esperando para ver como vão reagir. Se hoje entrar de forma regular o desta semana e o de semana passada, vamos continuar construindo o acordo. Se não entrar, nós já vamos para o pau”, disse Lacerda.
A reportagem procurou o governo do Estado por e-mail para se manifestar sobre os repasses, mas não obteve respostas. Por telefone, a assessoria do Executivo disse que não seria possível a manifestação oficial sobre o assunto nesta terça-feira.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.