CidadeDestaque

Atividades no HC-UFTM marcam o Dia Nacional de Doação de Órgãos e Tecidos

Júlio César de Oliveira

O Dia Nacional de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes é celebrado em 27 de setembro (hoje). O principal objetivo desta data é conscientizar a população em geral sobre a importância de ser doador de órgãos, com o intuito de ajudar a milhares de pessoas que lutam por uma oportunidade de salvarem as suas vidas.
Pensando nisso o coordenador da Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (HC-UFTM), Ilídio Antunes de Oliveira Júnior, estará promovendo atividades a partir das 10h na portaria principal do HC-UFTM.
Das 10h às 11h, a Orquestra do Colégio Dr. José Ferreira estará homenageando as famílias dos integrantes do HC-UFTM, dos doadores, dos transplantados e todos que de uma forma ou de outra se envolvem com o projeto “Vida pela Vida”.
O dia 27 de setembro foi escolhido para comemorar o Dia Nacional de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes em homenagem a São Cosme e São Damião. A associação se ampara na história de que os irmãos foram médicos e realizaram o primeiro transplante de que se tem notícia na história: transplantaram a perna de um escravo mouro morto para um sacerdote do clero romano que sofria de câncer.

Como ser doador de órgãos? – De acordo com a legislação brasileira (lei nº 10.211, de 23 de março de 2001), a retirada dos órgãos e tecidos para doação só pode ser feita após autorização dos membros da família.
Para a doação, o doador deve ter sofrido de morte encefálica, pois somente assim os seus principais órgãos vitais permanecerão aptos para serem transplantados para outra pessoa.
Pessoas vivas também podem ser doadoras de órgãos, mas apenas aqueles que são considerados “duplos”, ou seja, que não prejudicarão as aptidões vitais do doador após o transplante.
Um dos rins ou pulmões, parte do fígado, do pâncreas e da medula óssea são exemplos de órgãos que podem ser doados por pessoas ainda em vida.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.