Cláudio Humberto

Cláudio Humberto

“Bandido de fuzil na mão não é gente que presta”
Governador eleito Witzel (RJ) reitera autorização a policiais para abater criminosos

Argentina é má parceira, daí a opção pelo Chile
Apesar do comércio significativo entre os dois países, a Argentina não tem sequer o direito de “estranhar” a estratégia do governo Jair Bolsonaro de priorizar as relações comerciais com o Chile, país de economia mais “arrumada” do continente. Má parceira, a Argentina raramente passa ano sem golpear o Brasil. Fecha a fronteira, como em 2006 e 2007, ou embarga produtos brasileiros, como em 2009. O casal Kirchner percebeu que golpear o Brasil não provocaria firme resposta dos governantes “amigos” Lula e Dilma. E se aproveitaram disso.

Acordos rasgados
Em 2011, calçados e têxteis do Brasil, entre outros, foram barrados na Argentina, apesar do Mercosul e dos acordos comerciais bilaterais.

Condescendência
Produtos brasileiros de “linha branca” (geladeiras etc) foram proibidos na Argentina em 2012, com a condescendência do governo Dilma.

Prioridade é do Chile
Fiel ao próprio aviso de declarações sinceras, Paulo Guedes (Fazenda) confirmou que o Mercosul não será uma prioridade. O Chile, sim.

Amigos para sempre
Em homenagem ao gesto do presidente Sebastián Piñera, o primeiro a saudar sua vitória, Bolsonaro escolheu o Chile para sua primeira visita.

Governo do DF antecipa o fim para driblar LRF
Encerra-se na prática nesta quarta (31) o governo Rodrigo Rollemberg (PSB) no DF. Seu decreto nº 34.900, no Diário Oficial, proíbe todos os pagamentos, salvo exceções, inclusive de obrigações assumidas em 2018. Especialistas explicam que é clara a tentativa de fugir aos rigores da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF): foi grande a gastança nos últimos meses. Pior é o risco de perda de orçamento em 2019.

Vai que é tua!
Além de fechar o cofre, Rollemberg também adiou para o seu sucessor algumas despesas previstas para novembro e dezembro.

O pior prejuízo
O corte de pagamentos será em obras e ações que começaram em 2018. Mas, sem execução, a verba não estará no Orçamento de 2019.

Obra perde ritmo
Antes coalhada de trabalhadores, a mais importante obra do governo na ponte da Bragueto amanheceu esta terça (30) com poucas pessoas.

Torcida é grande
Vaga de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) daqui a dois anos tudo bem, é merecido, mas o Ministério da Justiça seria injusto para Sérgio Moro neste momento. Faria apenas a alegria dos corruptos da Lava Jato, tanto presos, como Lula, quanto para os que estão na fila.

Qual o problema?

Menezes Pimentel era interventor no Ceará, na era Getúlio Vargas, quando soube que um prefeito do interior pagaria sua própria campanha com dinheiro público. Mandou chamar o homem:
– Disseram-me que o senhor, vejam só, estaria usando verba da prefeitura na campanha política! O que o sr. tem a dizer?
O prefeito coçou a orelha e ponderou:
– Mas, doutor Pimentel, é que eu já estava gastando até do meu…

Com André Brito e Tiago Vasconcelos
www.diariodopoder.com.br

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Fechar