Cláudio HumbertoColunas

Cláudio Humberto

“Eu confio muito no governo que vem aí”
Presidente Michel Temer rasgando seda para o presidente eleito Jair Bolsonaro

Brasil pagou R$2,1 bilhões a Cuba irregularmente
O Tribunal de Contas da União (TCU) investiga a transferência irregular de mais de R$2,1 bilhões dos cofres públicos do Brasil para a empresa cubana Cimab S/A, controlada pela ditadura, desde o ano de 2004, no governo Lula, até 2017. Do total, R$1,35 bilhão se referem a suposta compra do medicamento alfaepoetina humana recombinante. O acordo, com a Bio-Manguinhos, da Fiocruz Vacinas, previa a transferência da tecnologia, mas isso nunca foi feito. Sem contar outras irregularidades.

Saque a descoberto
O relator no TCU, ministro Augusto Nardes, recomenda rescindir o contrato e mudar de fornecedor. Ele aponta nove irregularidades.

Cubanos tratantes
O montante investigado inclui verba da construção de um centro de produção de medicamentos no Brasil, que jamais saiu do papel.

Contrato pra quê?
O TCU diz que nem sequer há termos aditivos no contrato do Ministério da Saúde com a cubana Cimab S.A. E está sendo pago até hoje.

Sem contrapartida
Não há prestação de contas da Bio/Manguinhos de verba do Ministério da Saúde repassada a Cuba mesmo sem a transferência de tecnologia.

PT criou até ‘comitê’ para defender terrorista
O PT e seus “puxadinhos” criaram um “Comitê de Solidariedade” há oito anos, em defesa do bandidão italiano Cesare Battisti. A iniciativa ocorreu após o ex-presidente Lula conceder “asilo político” ao terrorista, condenado duas vezes na Itália à prisão perpétua por quatro assassinatos. Chico Alencar e Ivan Valente, do Psol, Eduardo Suplicy, José Mentor, Luiz Couto, Devanir Ribeiro e Vicentinho, todos do PT, constituíam a “bancada” de Battisti no Congresso, no governo do PT.

Movimento fraco
Ex-deputados e deputados petistas até hoje gravam vídeos em apoio a Battisti. Há até página no Facebook. Mas só tem 1.564 curtidas.

26 não são maioria
Com Eduardo Suplicy, grupo de 26 gatos pingados fez “protesto” por Battisti ano passado, na Faculdade de Direito/USP. Ninguém notou.

Reincidente
Além de matador, Battisti foi preso em flagrante por evasão de divisas e lavagem de dinheiro em outubro de 2017, tentando entrar na Bolívia.

Não se salva ninguém
O ex-ministro Antonio Palocci não livra a cara de ninguém, em sua delação sobre as malfeitorias da era Lula: “Houve desonestidade em toda a estrutura do PT e dentre todas as lideranças”.

EPL sobrevive
O governo Bolsonaro deve manter a EPL (Empresa de Planejamento e Logística), a estatal criada para fazer o trem-bala. Ficará vinculada ao ministério de Infraestrutura, que vai substituir o dos Transportes.

O peste de Buda

Em viagem à Hungria, o presidente Jânio Quadros jantava com d. Eloá num restaurante de Peste, do outro lado do distrito de Buda, quando ouviu ao fundo piadinhas a respeito dele e risos altos de funcionários da embaixada do Brasil. Envergonhado com a balbúrdia, levantou, cumprimentou-os e avisou:

  • Os senhores terão notícias minhas.
    De volta ao Brasil, pediu ao Itamaraty a remoção dos funcionários.

Com André Brito e Tiago Vasconcelos
www.diariodopoder.com.br

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.