Política

Cleomar Barbeirinho recebe demandas de condomínio

O vereador Cleomar Marcos de Oliveira (Cleomar Barbeirinho) participou de reunião com moradores do condomínio Chácaras Carvalho na sexta-feira, quando recebeu diversos pedidos de melhorias. Ele está ciente das demandas que envolvem segurança, iluminação, serviço de tapa-buracos e outros. Também participou do encontro o vice-prefeito João Gilberto Ripposati, que garantiu estar junto de Barbeirinho para a conquista das soluções dos problemas.
Na parte da manhã, Barbeirinho promoveu evento para homenagear as mulheres pelo seu dia. Ele optou por levar sua equipe para a Praça Rui Barbosa com o objetivo de cumprimentar mulheres das mais variadas partes da cidade. No local, além de cumprimentar as mulheres, esteve a postos para receber demandas que porventura surgissem e também para colocar o seu mandato à disposição entregando os contatos de seu gabinete. Para o parlamentar, as mulheres merecem mais do que homenagens, merecem respeito e reconhecimento da sua capacidade que em nada difere dos homens, inclusive aplaude que o número de mulheres cresça também na política.
Barbeirinho lembra que em 1827, as brasileiras obtiveram autorização para estudar, mas apenas o ensino elementar. Foi a brasileira Nísia Floresta, do Rio Grande do Norte, a pioneira em levantar a bandeira da educação – especialmente por publicar o livro “Direitos das mulheres e injustiça dos homens”, onde discorre sobre o tema, em 1832. Por isso, é considerada a primeira feminista brasileira e latino-americana. “Ainda há muito que fazer para que as mulheres alcancem a devida valorização. Eu acredito que a educação seja o melhor caminho”, frisa.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.