CidadeNotícias

Codau inicia montagem do sistema de transposição do rio Claro

Com a intensificação da estiagem neste inverno seco da região Sudeste, a vazão do rio Uberaba tem reduzido paulatinamente. Os meses de junho e julho não registraram nenhuma chuva em Uberaba, segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Até quarta-feira (1º) Uberaba completou 74 dias sem chuvas. Na manhã de ontem, a cidade amanheceu com uma umidade relativa maior e uma leve chuva, mas a precipitação registrada ficou em apenas 0,2 mm (Inmet).

Esse quadro, que é histórico e já era previsto, determina a necessidade de montagem do sistema de transposição da bacia do rio Claro para complementar a vazão do rio Uberaba, principal manancial que abastece a cidade. Os três motores, movidos à diesel, já foram levados para as margens do rio Claro e a sua instalação começou ainda na quarta-feira. As equipes ainda estão trabalhando nesta fase para deixar tudo pronto, caso seja necessário acionar as bombas nesta seca. As três juntas são capazes de bombear até 560 litros/segundo do rio Claro para o córrego Saudade, afluente direto do rio Uberaba, localizado à montante da estação de captação do Codau.

Uberaba consome 900 litros de água/segundo e o volume extra que chega do rio Claro ajuda a manter este patamar de vazão para o abastecimento da cidade.  Nestes primeiros dias de agosto ainda não é necessário usar a transposição, ressaltou o presidente do Codau, Luiz Guaritá Neto. Mas ele observa que o momento é de precaução e alerta para que a população adote medidas de economia de água, evitando o desperdício. “Estamos em plena seca, com falta de chuva e o momento é de conscientização. Cada um fazendo a sua parte contribuirá para que a estiagem seja enfrentada com menos transtornos possíveis”, destacou ele. O dirigente avalia que a infraestrutura de abastecimento em Uberaba, com a ampliação da extensão de adutoras, novos centros de reservação e o sistema de automação desses CR’s garantem maior controle e rapidez na distribuição de água para todos os bairros, o que contribui para que a escassez de água seja melhor gerenciada durante a seca.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.