DestaquePolícia

Comerciante é executado dentro da própria casa

Juliano Carlos

Um Comerciante e motorista de van foi morto a tiros dentro de casa em bairro rural de Uberaba. Ele foi surpreendido pelos criminosos ao acordar para ir trabalhar.
De acordo com informações da PM, o crime aconteceu na rua Quatro da Capelinha do Barreiro, quando a vítima Sebastião Wolkers Filho, de 59 anos, foi surpreendido quando acordou para ir trabalhar no transporte de alunos da área rural. Ele encontrou os bandidos na sala do imóvel. Sebastião estava com uma espingarda tipo cartucheira que usava para se defender e foi atingido pelos disparos realizados pelos criminosos com uma pistola calibre 380 e um revólver calibre 357. Após os disparos os bandidos fugiram sem levar nenhum objeto de valor da casa.
Uma ambulância de Unidade de Suporte Avançado (USA) do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), foi ao loca do crime e os médicos constataram que Sebastião foi atingido por um tiro no peito e morreu no local.
Vingança – Segundo os familiares da vítima, na madrugada do último sábado (22), três bandidos foram na casa e tentaram furtar vários materiais. Eles já tinham separado alguns materiais, mas foram flagrados pelo morador que pegou a espingarda e atirou na direção dos suspeitos, mas eles fugiram.
Ainda segundo a PM, não está descartada a possibilidade de os bandidos terem retornado para matar o motorista que reagiu a primeira tentativa de furto. O perito criminal Mauro Barbosa da perícia técnica da Polícia Civil foi ao local do crime, realizou os trabalhos técnicos e apreendeu várias munições, além dos bonés e os calçados usados pelos bandidos. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil. Até o fechamento desta edição, ninguém havia sido preso.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.