DestaquePolícia

Criança morre afogada em residência no Parque das Américas

Juliano Carlos

Policiais civis da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), estão investigando a morte de uma criança de um ano afogada em uma residência em Uberaba. Ela estava em uma banheira no banho quando aconteceu o óbito.
O caso foi registrado em uma casa na rua Epaminondas Bandeira de Melo no Parque das Américas, onde segundo informações de testemunhas, a menina estava no banheiro com um familiar tomando banho e de repente se afogou. Nesse momento a familiar desesperada saiu com o bebê para rua começou a pedir socorro, mas os populares tentaram acionar os bombeiros e serviço de socorro, mas ninguém pode chegar perto da criança que foi levada para o pronto-socorro do Hospital Universitário Mário Palmério, mas chegou na unidade hospitalar já sem vida. O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) em Uberaba onde foi feita a necropsia na tarde de ontem e em seguida liberado para os familiares realizarem velório e sepultamento. Os policiais civis do DHPP, receberam uma denúncia anônima que informava sobre a morte da criança e que ela tinha sido afogada. O caso está sendo investigado pelos policiais e o laudo ficará pronto em 30 dias.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.