DestaquePolítica

Diretor dá parecer favorável à solicitação de deputado para mudar traçado da 262

Após receber visita do deputado federal Aelton Freitas (PR-MG), o diretor de Planejamento e Pesquisa do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura), André Martins de Araújo, deu parecer favorável para solicitação do parlamentar para a mudança de traçado da BR-262 entre Minas Gerais e Mato Grosso do Sul. Diante da crise financeira que impede o Governo do Estado de realizar a manutenção das estradas sob sua responsabilidade, a proposta faz parte de um movimento encabeçado pelo parlamentar para federalização de rodovias estaduais mineiras com o objetivo de garantir segurança e boas condições de tráfego.
Segundo Aelton Freitas, essa rodovia foi feita para ligar Vitória, no Espírito Santo, à Corumbá, no Mato Grosso do Sul, até a Bolívia. “Atualmente, ela vem de Vitória, passa por Belo Horizonte, Araxá, Uberaba e a partir do momento que ela encontra a BR-153, no município de Comendador Gomes, ela desaparece. Hoje, no Pontal do Triângulo Mineiro não se acha mais a BR-262. É em uma cidade chamada Água Clara, a 100 km de Três Lagoas, que a BR-262 aparece de novo e segue para Campo Grande, Aquidauana, Miranda e Corumbá (MS) até a Bolívia”, explica.
Em reunião com o diretor de Planejamento e Pesquisa do DNIT, André Martins de Araújo, o parlamentar sugeriu um novo traçado para a BR-262 ligando a rodovia, sobre a BR-153 até a cruzeta de Frutal, para que passe por Itapagipe, São Francisco de Sales, Iturama, pela ponte de Porto Alencastro que divide Minas Gerais com Mato Grosso do Sul, e siga por Paranaíba, Inocência e Água Clara (MS). “Tendo esse traçado em Minas Gerais, vamos conseguir ver toda a BR-262 no mapa e vamos jogar nessa região, segundo a ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), mais de 40 ônibus federais por dia, indo e vindo de Dourados, Campo Grande e de todas aquelas cidades do Mato Grosso do Sul para o centro sul do país, para ir à Brasília ou Belo Horizonte, por exemplo. Todos terão que passar pela BR-262 e por essas cidades do Triângulo, ligando Uberaba com todo o Pontal e com o sul de Mato Grosso do Sul”, esclarece o deputado Aelton Freitas.
Para o parlamentar, a receptividade foi bastante positiva, tanto que após a realização de uma visita dos técnicos do Departamento ao local, para estudo de viabilidade e levantamento de marcos no trecho apontado na proposta, o diretor André Martins deu parecer favorável à mudança do traçado. “A partir de agora a BR-262 vai sobrepor a BR-153 até a cruzeta de Frutal e a MG-255 até Paranaíba. Com este resultado, já podemos sonhar com a duplicação dessa rodovia tão importante para a região”, destaca o deputado federal.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.