Estado de Minas

Escola de Governo cria atividades para fortalecer administrações municipais

Estudantes de administração pública da FJP colaboram com a melhoria dos processos e políticas locais com projetos desenvolvidos in loco

O Governo de Minas Gerais, por meio da Fundação João Pinheiro, impulsiona projetos de extensão com foco na melhoria de processos e políticas locais. O estímulo ocorre junto aos alunos do curso de Administração Pública da instituição, que pensam e desenvolvem ações para solucionar entraves compartilhados pela maioria dos municípios brasileiros: falta de recursos, dificuldades de planejamento, corpo técnico reduzido, necessidade de investir constantemente no aprimoramento da gestão pública, entre outros desafios.
Em Jaíba, no Norte de Minas, os alunos Ciro César de Carvalho e Mateus Miglio, participantes da edição 1/2019 do Programa de Internato em Administração e Gestão Municipal (Prinagem), se depararam com esta realidade. “Jaíba é um município relativamente novo, com um histórico de vários prefeitos nesses poucos anos. Então, a cultura organizacional está em processo de formação”, diz Carvalho.
Para ele, o conhecimento da administração pública é determinante para uma boa gestão. “Há um caminho longo a percorrer, mas a administração municipal já tem buscado reposicionamento dos secretários, além de treinamento e capacitação para os servidores”, ressalta o estudante.
Durantes as duas semanas que passaram no município, em janeiro, os alunos acompanharam o processo de licitação e compras e produziram material informativo sobre o tema. Além disso, realizaram um diagnóstico da Secretaria de Transportes e ministraram a oficina “Repensar Políticas Públicas” para secretários municipais, focada nos temas “Licitações” e “Contratos”, itens de referência na gestão pública.
Para o secretário de Planejamento de Jaíba, Felipe Xavier, a iniciativa dos estudantes contribuiu para a discussão sobre a cultura organizacional. “Eles demonstraram que, com raciocínio e atitudes simples, podemos alcançar grandes resultados ao fazer políticas públicas”, afirma.
Esta também é a opinião do assessor administrativo, Ademir Rosa, da Prefeitura Municipal de Campo Florido, no Triângulo Mineiro. “O trabalho realizado pelos alunos da FJP foi muito proveitoso e nos ajudou a perceber as oportunidades de melhorias no atendimento à comunidade e na busca por mais eficiência da administração”, destaca.
Em Lagoa Grande, no Noroeste de Minas, os estudantes Augusto Ananias e Bruno Volpini encontraram outra dificuldade enfrentada por muitas prefeituras: a falta de recursos. Mesmo assim, buscaram levar inspiração aos gestores, implantando a ideia de que é possível fazer mais, mesmo com a limitação de recursos disponíveis.
“Desenvolvemos, com a Secretaria de Saúde, uma ação social em praça pública para discussão sobre depressão e suicídio, por meio de palestras e música. Tivemos um ótimo retorno e não houve gastos adicionais. Usamos os recursos já disponíveis, como o som e as cadeiras, além da contribuição sempre muito efetiva de servidores”, conta Ananias.
Durante a permanência no município, os alunos também auxiliaram no Plano Municipal de Turismo, num diagnóstico municipal com propostas para a administração; em capacitações para desenho de políticas públicas e inovação e empreendedorismo no setor público; e na proposição de melhorias no processo de atendimento do prefeito aos cidadãos.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.