EsportesNotícias

Felipão quer o Palmeiras com espírito copeiro

A torcida do Palmeiras se acostumou a reclamar, durante a era Roger Machado, da falta de brio da equipe. Na visão da arquibancada, a simples reunião de bons talentos individuais não é suficiente e seria preciso mais, principalmente em espírito e postura. Dois recentes passos da diretoria mostram um desejo de tornar o time mais vibrante, mais aguerrido.
O primeiro e mais óbvio está na contratação do técnico Luiz Felipe Scolari, famoso pelo estilo “copeiro” e por formar elencos raçudos. Somente no Palmeiras, o treinador soma cinco títulos em torneios de mata-mata. Agora, a oito pontos do líder São Paulo no Campeonato Brasileiro, as competições eliminatórias aparecem como caminhos mais acessíveis para os alviverdes.
O Verdão já iniciou as quartas de final da Copa do Brasil empatando sem gols com o Bahia no jogo de ida, em Salvador. A volta será no dia 16, no Pacaembu. Hoje, às 21h45 (de Brasília), o clube iniciará as oitavas de final da Copa Libertadores da América contra o Cerro Porteño, no Paraguai, no primeiro teste da nova era Scolari. O segundo confronto está marcado para o dia 30, no Allianz Parque.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.