DestaqueGeralNotícias

Governo de Minas Gerais faz entrega inédita de 40 ambulâncias-cela para unidades prisionais

A Secretaria de Estado de Administração Prisional (Seap) entregou na quinta-feira (5) 40 ambulâncias-cela para 40 unidades prisionais de todo o estado, durante solenidade realizada na Penitenciária José Maria Alkimin, em Ribeirão das Neves. A iniciativa inovadora reforça ainda mais o Sistema Prisional como referência nacional, já que pesquisas da Seap apontam que o órgão estadual é o primeiro a adquirir veículos desse tipo.
O automóvel possui cela de proteção, o que permite a presença de dois agentes de segurança penitenciários, juntos ao técnico de saúde e o preso. A nova aquisição tem como objetivo principal aumentar a segurança e facilitar os processos de escoltas hospitalares, evitando a necessidade de a ambulância ser acompanhada por um veículo batedor.
O subsecretário de Gestão Administrativa, Logística e Tecnologia, Wilson Gomes da Silva Junior, esteve na solenidade entregando as chaves das ambulâncias-cela. Durante seu pronunciamento, destacou os esforços da Seap em ofertar serviços de excelência.
“Essa entrega demonstra o respeito aos nossos servidores, na condução do preso, dando melhores condições de trabalho e de assistência ao Sistema Prisional. Nós estamos mudando e evoluindo junto com o mundo, essa inovação faz parte dessa busca por um bom trabalho que almejamos.
Vivenciamos muitas dificuldades, mas mesmo assim estamos conseguindo entregar muitos equipamentos e iremos entregar ainda mais. E o que dá condições para isso são os bons resultados apresentados pela Seap, que ainda é modelo no país. E esse desempenho vem do esforço dos nossos servidores que dão respaldo para o nosso sucesso” afirma Wilson.


O investimento foi de R$ 7.346.249,52, provenientes do Fundo Estadual de Saúde, que é direcionado ao Sistema Prisional para manutenção de unidades prisionais hospitalares e aquisição de equipamentos para o setor. Os veículos de médio porte são adaptados para transporte de presos e possuem em seu interior macas retráteis, equipamentos e materiais de saúde. Outros benefícios serão a economicidade e eficiência, uma vez que as escoltas hospitalares serão simplificadas e custarão menos.
Para a subsecretária de Humanização do Atendimento, Emília Castilho, que também esteve presente na solenidade, a ação é de grande importância no processo de ressocialização.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.