DestaqueNacionalNotícias

Governo promete pagar restante da 2º parcela na segunda-feira

O governo de Minas informou no início da tarde desta sexta-feira (27) que parte dos aposentados que ainda não receberam a segunda parte do salário deste mês terá os valores creditados nas contas na segunda-feira (30). Segundo o secretário adjunto de Governo em exercício, Francisco Moreira, não foi possível pagar uma parte dos inativos por causa de um bloqueio nas contas do estado.
A parcela deveria ter sido paga na quarta-feira, mas apenas parte do funcionalismo recebeu. “Tivemos este mês um bloqueio-surpresa de R$ 420 milhões nas contas do estado no Banco do Brasil por causa de um empréstimo contratado pelo governo passado e que é debitado mensalmente. Sempre pagamos sem atraso, no decorrer do mês. Neste, estranhamente nos bloquearam”, explicou o secretário.
De acordo com Francisco Moreira, o restante do pagamento será feito no horário bancário, na segunda-feira. “Pedimos desculpa aos inativos pelo contratempo, mas mais uma vez o cerco do governo federal contra o estado prejudica a população”, afirmou.
Sobre os atrasos do mês passado, o secretário em exercício afirmou que o problema foi a greve dos caminhoneiros, que gerou queda na arrecadação. De acordo com ele, a previsão de pagamento da terceira parcela dos salários continua mantida para 31 de julho.
Moreira disse que a falta de votação pela Assembleia dos projetos de securitização das dívidas estaduais e da Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemig) também prejudicou financeiramente o estado.
A expectativa do governo de Minas de concluir os pagamentos dos servidores do estado na quinta-feira não se concretizou.
Conforme cronograma do governo, a segunda parcela devida é de R$ 1,5 mil para os funcionários da Educação e demais setores administrativos. Para quem trabalha na segurança ou na Fundação Hospitalar (Fhemig), o valor continua sendo de R$ 3 mil. O restante dos salários, para quem ganha mais de R$ 3 mil ou R$ 6 mil, será quitado no dia 31.
Confira a escala de julho: 1ª parcela: 13/7 (sexta-feira); 2ª parcela: 25/7 (quarta-feira); 3ª parcela: 31/7 (terça-feira).
Os critérios adotados são os seguintes: Na primeira parcela, serão depositados até R$ 3 mil para os servidores da Segurança Pública e da FHEMIG. Para os demais servidores, serão depositados até R$ 1.500; Na segunda parcela, os critérios serão iguais aos da primeira; Na terceira parcela, serão depositados os valores restantes para todos os servidores.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.